Kasparov pede um boicote ao Mundial da Rússia

TED Talk

O ex-jogador e campeão mundial de xadrez Garry Kasparov no TED Talk 2017

O ex-campeão mundial de xadrez e opositor ao regime russo Garry Kasparov pediu este sábado um boicote diplomata ao Mundial da Rússia que começa no próximo mês de junho.

“Neguemos a Putin a confirmação e a glória que tanto deseja mantendo longe do Mundial aos representantes dos governos”, pede Garry Kasparov num artigo publicado no diário alemão “Frankfurter Allegemeine Zeitung”.

Segundo Kasparov, a Rússia ocupou a península ucraniana da Criméia em março de 2014, impulsionada pelos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, pelo que evitar que reforce a sua confiança no Mundial de futebol não seria apenas algo simbólico.

Grande Mestre e ex-campeão mundial de xadrez, escritor e activista político, nascido na antiga República Socialista Soviética do Azerbaijão, Garry Kasparov é considerado por muitos o maior jogador de Xadrez de todos os tempos.

Membro do antigo Partido Comunista da União Soviética, Kasparov retirou-se do xadrez profissional em 2005, para se dedicar à política e à escrita. Fundou o movimento United Civil Front e tornou-se membro do The Other Russia, coligação de oposição ao actual presidente russo, Vladimir Putin. Foi candidato a presidente 2008, tendo desistido.

O boicote ao Mundial seria “uma forma de mostrar a Putin que o mundo está a olhar e que no futuro os ataques russos só vão ser tolerados no campo”, acrescenta o ex-jogador de xadrez, que defende um boicote político, não desportivo.

Após o envenenamento do ex-espião Serguéi Skripal, no Reino Unido, Londres informou que não vai haver representação britânica por parte da realeza nem diplomatas britânicos no Mundial. Também o Governo da Islândia anunciou a passada semana que não irá enviar representantes ao torneio.

Por sua parte, o presidente polaco, Andrzej Duda, adiantou que não vai assistir à partida inaugural da competição, que terá lugar a 14 de junho, em Moscovo, e que irá colocar frente-a-frente a Rússia e a Arábia Saudita.

ZAP // EFE

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Isso sim, seria algo útil e louvável – não é esta brincadeira de expulsar diplomatas!…
    E de preferência um boicote total, sem a participação das equipas europeias, etc.. isso sim, seria um forte golpe na ditadura do Putin…
    Isso e “controlar” os magnatas russos amigos do Putin que são donos de metade de Londres…

RESPONDER

"Em Casa d’Amália": RTP comemora cententário da fadista

A Fundação Amália Rodrigues junta-se à RTP para assinalar o centenário da fadista. O programa Em Casa d’Amália tem estreia marcada para a próxima sexta-feira (10) e reúne várias figuras da música portuguesa da atualidade. O …

Desapareceram 21 milhões de números de telefone na China. Mas o mistério foi resolvido

O porta-voz de uma das três maiores operadoras chinesas confirmou o desaparecimento dos utilizadores, mas deu uma explicação para este mistério. Nos últimos dias, surgiram vários relatos de notícias que davam conta de que, entre janeiro …

Mercadona doa 20 mil quilos de chocolate aos profissionais de saúde e aos mais carenciados

A Mercadona anunciou, esta quarta-feira, a doação de 20 mil quilos de chocolate ao Banco Alimentar Contra a Fome do Porto. O objetivo é proporcionar uma Páscoa mais doce aos mais carenciados e aos que …

"Paciente 1" em Itália recupera (e dá as boas-vindas a Giulia, a sua filha recém-nascida)

Giulia, a filha recém-nascida do "paciente 1" de Itália, veio para trazer alguma esperança ao país, em plena pandemia de covid-19. Mattia, de 38 anos, foi internado no dia 20 de fevereiro no hospital de Codogno, …

Investigadores transformaram o coronavírus em música (e já o podemos ouvir)

Uma equipa de investigadores do Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT) conseguiu transformar em som a estrutura da proteína spike, que permite que o novo coronavírus adira às células para infetá-las. Até agora, já pudemos ver …

Autoeuropa quer recorrer ao lay-off (e retomar produção a 20 de abril)

A administração da Autoeuropa quer promover um regresso gradual ao trabalho a partir de 20 de abril, pretendendo recorrer ao lay-off simplificado para os trabalhadores que não regressem ao trabalho nessa data. “O regresso ao trabalho …

Ex-mulher de astronauta acusada de mentir sobre o "primeiro crime espacial"

A ex-mulher da astronauta da NASA Anne McClain, Summer Worden, foi acusada formalmente de mentir sobre o "crime espacial" que McClain terá cometido. Em agosto de 2019, o jornal norte-americano The New York Times noticiou que …

Em Singapura, os parques de estacionamento são agora quintas urbanas

A pandemia de covid-19 está a obrigar alguns países a adaptarem-se. É o caso de Singapura, que está a transformar os parques de estacionamento em quintas urbanas para aumentar a produção alimentar. Só 1% do território …

O empresário mais odiado do mundo quer sair da prisão (para desenvolver um medicamento para a covid-19)

Martin Shkreli, o empresário mais odiado do mundo, quer sair brevemente da prisão para ajudar a desenvolver um tratamento para a covid-19. Num artigo publicado no site da empresa de Shkreli, Prospero Pharmaceuticals, juntamente com outros …

Ceferin acusado de ganância. "Manter a Liga dos Campeões foi um ato criminoso irresponsável"

O primeiro-ministro da Eslovénia, Janz Jansa, teceu duras críticas à forma como a UEFA e o seu presidente, Aleksander Ceferin, lidaram com a fase inicial da pandemia de covid-19. "Manter a Liga dos Campeões foi um …