Justiça suíça abre processo contra Blatter, Platini também está envolvido

Walter Bieri / EPA

O presidente da UEFA, Michel Platini, com o presidente da FIFA, Joseph Blatter

O presidente da UEFA, Michel Platini, com o presidente da FIFA, Joseph Blatter

O Ministério Público da Suíça abriu esta sexta-feira um processo criminal ao ex-presidente da FIFA, Joseph Blatter, e implicou o líder da UEFA, Michel Platini, no escândalo de corrupção que abala o organismo que tutela o futebol mundial.

Em comunicado, a procuradoria suíça esclarece que abriu um processo criminal contra Blatter por “suspeita de má gestão e apropriação indevida”.

Neste processo também está envolvido Platini, candidato à sucessão de Blatter nas eleições de fevereiro na FIFA, por alegadamente ter recebido do suíço “um pagamento ilegal” de dois milhões de francos suíços (cerca de 1,8 milhões de euros). Platini foi já ouvido como testemunha.

Blatter deveria comparecer esta tarde numa conferência de imprensa, mas a mesma acabou por ser adiada por uma hora, primeiro, e pouco depois cancelada. Esse encontro deveria realizar-se depois da reunião desta sexta-feira do Comité Executivo da FIFA, em Zurique, na qual foi decidido que o Mundial de futebol do Qatar vai realizar-se entre novembro e dezembro de 2022.

Seria a primeira vez que Blatter responderia às questões dos jornalistas após o suspensão do secretário-geral da FIFA, Jérome Valcke, entretanto afastado. Valcke terá participado numa venda ilegal de bilhetes e foi imediatamente suspenso pela própria FIFA.

Em comunicado, o procurador suíço Michael Lauber aponta outras razões que levaram à abertura do processo: “A procuradoria suspeita que no dia 12 de setembro de 2005 Joseph Blatter assinou um contrato com a União de Futebol Caribenha; este contrato foi desfavorável à FIFA. Por outro lado, suspeita-se que, na implementação deste acordo, Blatter tenha violado os seus deveres fiduciários e agido contra os interesses da FIFA”.

Quem presidia à União de Futebol Caribenha era, na altura, Jack Warner, um antigo vice-presidente FIFA, entretanto já afastado na sequência do escândalo de corrupção que atingiu em maio deste ano o organismo que tutela o futebol mundial.

Sete dos seus dirigentes foram presos e na sequência da polémica, Joseph Blatter viu-se forçado a renunciar ao cargo para que tinha sido reeleito e convocar novas eleições para fevereiro de 2016.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mourinho: "Não preciso de fazer uma pausa, estou sempre no futebol"

O treinador português disse, esta segunda-feira, que "não necessita de fazer uma pausa", após deixar o comando técnico do Tottenham, e frisou estar "sempre no futebol". Embora não se tenha alongado muito, José Mourinho falou pela …

Regime sírio acusado de crimes contra a humanidade na Suécia

Quatro organizações não-governamentais apresentaram uma queixa junto da polícia da Suécia contra altos responsáveis do regime sírio por crimes contra a humanidade pelos ataques com armas químicas na Síria, em 2013 e 2017. A queixa foi …

Portugal, Lituânia e Malta são os únicos países da UE sem 5G

Portugal, Lituânia e Malta são os únicos países na União Europeia (UE) que ainda não têm qualquer oferta comercial de 5G, revelou o último relatório trimestral do Observatório Europeu do 5G, um organismo da Comissão …

Jair Bolsonaro diz que quem votar em Lula da Silva "merece sofrer"

No mês passado, o Supremo Tribunal Federal decidiu que Lula da Silva pode voltar a candidatar-se à presidência do Brasil e Jair Bolsonaro, o atual presidente do país, considera que quem votar em Lula "merece …

Covid-19. Plano Nacional inclui testes em centros comerciais ou empresas

O Plano Nacional para a Testagem Massiva prevê a realização generalizada de testes para deteção precoce do coronavírus, passando a estar disponível em centros comerciais, estações de transportes públicos ou empresas, e podendo pode ser …

Seul vai aceitar descarga de água radioativa de Fukushima (se o Japão cumprir certas condições)

A Coreia do Sul aceitará, caso sejam cumpridas algumas condições, o plano do Governo japonês para despejar gradualmente no mar águas tratadas, mas ainda radioativas, da central nuclear destruída de Fukushima, segundo o Governo sul-coreano. O …

CDS vai apresentar projeto sobre enriquecimento ilícito. PSD só apoia medida que seja "eficaz e constitucional"

O CDS-PP vai apresentar no Parlamento um projeto sobre o enriquecimento ilícito, anunciou o presidente do partido esta terça-feira, antecipando que a iniciativa se debruçará sobre o poder político, o poder judicial e o funcionamento …

Deputada Cristina Rodrigues propõe campanha contra pirataria de jornais

A deputada não inscrita Cristina Rodrigues recomendou, esta segunda-feira, ao Governo a divulgação de uma campanha nacional que promova o combate à pirataria de jornais e revistas e que aumente a fiscalização relativa ao crime …

Fuga a notificações judiciais deixa 15 mil pessoas à margem da lei

A Direção-Geral da Administração da Justiça (DGAJ) divulgou uma lista com 15.178 nomes de cidadãos e gerentes de empresas procurados por não prestarem contas dos crimes cometidos. Dessa lista, 7900 são homens, 1401 mulheres, 5665 pessoas …

EMA encontra possível ligação entre vacina da Johnson & Johnson e coágulos, mas benefícios superam riscos

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) concluiu, esta terça-feira, que a vacina Janssen, do grupo Johnson & Johnson, tem uma "possível ligação" a casos muito raros de coágulos sanguíneos, mas insistiu que os benefícios do …