Justiça alemã diz que a função “encontrar amigos” do Facebook é ilegal

(CC0/PD) edar / pixabay

-

Um dia destes ainda acordamos para um mundo onde as redes sociais são ilegais

A função de encontrar amigos do Facebook parece não ter conseguido encontrar amizades nos tribunais alemães, que dizem que esta função é abusiva e ilegal.

Sendo o Facebook uma rede social que vive à custa das amizades online, será lógico que disponibilize uma função que ajude a encontrar os amigos que por lá já andam.

Isto é feito (para quem quiser) analisando a lista de contactos de um utilizador para ver se nela constam pessoas já registadas no Facebook que queiramos adicionar como amigos.

O problema é que, a quem não for utilizador do Facebook, a função envia um email a pedir que a pessoa se junte ao serviço – e é isso que os tribunais alemães consideram ser o equivalente a spam, e ilegal.

Os tribunais consideram isto como uma forma abusiva de publicidade feita à custa dos dados de cada utilizador, uma vez que se trata de um sistema automático e não de um pedido iniciado expressamente pelo utilizador para cada um dos contactos a pedir que se junte ao Facebook.

Por isso, os tribunais exigem que o Facebook remova esta funcionalidade na Alemanha – sendo de imaginar que, se o Facebook quisesse ser criativo, facilmente poderia passar a deixar que este processo fosse iniciado manualmente pelo utilizador, contornando as objecções do tribunal.

No entanto, não se saibe até que ponto é que o Facebook está com paciência para “brincar” com as burocracias Europeias.

Um dia destes ainda acordamos para um mundo onde as redes sociais são ilegais, pois passa a considerar-se um abuso que um qualquer desconhecido nos peça amizade ou nos “siga”.

É que não só está a incomodar-nos, como poderá estar a invadir a nossa privacidade.

Aberto até de Madrugada

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O que é mais ridículo é a grande maioria das pessoas servirem-se desta rede para tudo descarregarem da sua vida privada e não só, mas isso cada um é responsável pela ignorância ou estupidez que possui.

    • Na minha opinião, quanto ao ser ridiculo acho que cada um tem os seus gostos, mas acho que isso até pode ofender as pessoas. Não obstante que a campanha de informação àcerca de as pessoas perderem a sua privacidade (apartir do momento que entram no facebook) deve ser maior (às vezes não temos noção das consequencias). A questão das nudeza das crianças tem sido um motivo. Mas não só (inclusivamemnte fotos nossas que poderão, penso eu, ser utilizadas noutros fins que não o facebook). Depois cada um tem o direito de escolha, de errar, de usar algo que goste. Por fim sou de acordo que cada um é responsável pela ignorância ou estupidez que possui, e acho justo utilizar essa mesma frase para mim , para si, para todos nós. Acho que cada um de nós comete erros e é de certa forma ignorante.

      Fernando

  2. Ridículo porquê? É alguma novidade o facto de as pessoas partilharem a sua vida? Os escritores fazem-no há séculos; também é ridículo? Ou talvez seja apenas ridículo para uns e não para outros…
    Acho que ignorante é não saber o que é uma rede social.

    • Sim é ridículo (e as redes sociais também)!
      Mas, cada uma sabe a vida que tem e, só que tem uma vida real muito triste é que perde tempo com a sua vida virtual!…

RESPONDER

Uma pitada de poeira de rocha pode ajudar a evitar alterações climáticas catastróficas

O uso de poeira de rocha na agricultura traz não só vantagens para a colheita, mas também para o ambiente. Esta técnica permite uma remoção eficiente do dióxido de carbono. Espalhar poeira de rocha nos terrenos …

ANA avança com plano de "saídas voluntárias"

A ANA, gestora dos aeroportos nacionais, vai avançar com "um plano de saídas voluntárias", no âmbito do redimensionamento das equipas. A ANA - Aeroportos de Portugal, gestora dos aeroportos nacionais, vai avançar com “um plano de …

Cientistas detetaram estranhos objetos astronómicos circulares (e não fazem ideia do que são)

Recorrendo a telescópios, uma equipa de astrofísicos detetou quatro estranhos objetos astronómicos. Foram encontrados nos comprimentos de onda de rádio e são circulares e mais brilhantes do que as suas bordas. Estes estranhos e inesperados …

Especialista alerta sobre possíveis vírus extraterrestres que podem chegar à Terra em futuras missões

O cientista e antigo colaborador da NASA Scott Hubbard alertou para a possível chegada de vírus extraterrestres à Terra em futuras missões espaciais, notando que o interesse pela exploração do Espaço tem aumentado. O antigo …

Covid-19. A morada e a cor da pele são um fator de risco no Brasil

Enquanto que na Europa a idade é um fator de risco da covid-19, no Brasil, o sítio onde moram e a cor da sua pele definem essa fronteira entre os que têm maior ou menor …

Lagos dos Estados Unidos estão a ficar cobertos de verde. Nem os mais remotos escapam

Vários lagos montanhosos dos Estados Unidos estão a tornar-se verdes devido ao crescimento de algas que prosperam por causa das alterações climáticas, concluiu um estudo conduzido por cientistas da Universidade do Colorado. De acordo com a …

No Algarve, metade dos casos de infeção resultaram de transmissão social

Um estudo apresentado na última reunião do Infarmed, em Lisboa, veio estabelecer uma relação entre a propagação do vírus no Algarve e o fator social. De acordo com o estudo, apresentado na última reunião do Infarmed, …

Numa operação inédita de 18 horas, gémeas siamesas unidas pelo crânio foram separadas com sucesso

Ervina e Prefina, com 2 anos, nasceram com os crânios unidos, uma das formas mais raras e complexas de fusão craniana e cerebral conhecidas como "craniófago total posterior". Agora, médicos em Itália conseguiram separá-las numa operação …

Família de Pablo Escobar está a processar um rapper norte-americano. Exige-lhe 10 milhões

A família Pablo Escobar, morto em dezembro de 1993 na Colômbia, está a processar o rapper norte-americano Tauheed Heakeen Epps, mais conhecido como 2 Chainz, por usar o nome do narcotraficante num negócio. De acordo com …

Steve Jobs acreditava na eficiência do teletrabalho já em 1990

O fundador da Apple, Steve Jobs, que faleceu em outubro de 2011, dizia acreditar na eficiência do trabalho remoto já em 1990. A pandemia de covid-19, que já matou mais de 500 mil pessoas me todo …