Jerónimo admite eleger Heloísa Apolónia em Leiria. CDU não tem deputados no distrito há 34 anos

Miguel A. Lopes / Lusa

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, admitiu na terça-feira a possibilidade de a CDU eleger Heloísa Apolónia, cuja coragem acredita poder reforçar a votação no distrito de Leiria, onde há 34 anos o partido não elege nenhum deputado.

“Não damos por adquirido que isto [de não eleger qualquer deputado no distrito de Leiria] será para todo o sempre”, afirmou Jerónimo de Sousa, admitindo “a possibilidade de eleger” a cabeça de lista, Heloísa Apolónia, noticiou a agência Lusa.

Numa ação de campanha na Marinha Grande, o secretário-geral elogiou “a coragem” e a “disponibilidade” da candidata do PEV, que depois de completar sete legislaturas na Assembleia da República aceitou “uma tarefa tão exigente nesta batalha eleitoral”.

Ao encabeçar a lista candidata no distrito onde a CDU não elege qualquer deputado desde 1985, Heloísa Apolónia demonstrou, no entender do líder do PCP, que “esta marca não está agarrada ao poder”.

À candidata que “saiu da zona de conforto para travar esta batalha visando o reforço da CDU”, Jerónimo de Sousa reconheceu o “mérito” e “valor”, que julga poder reforçar o partido no distrito a que o partido tem “dado acompanhamento”, apesar de não ter deputados eleitos.

Jerónimo de Sousa falava aos jornalistas no final de uma visita a um estúdio artesanal de fabrico de peças em vidro, uma marca identitária do concelho da Marinha Grande, no distrito de Leiria, que o secretário-geral quis “valorizar”.

Lembrando o chumbo das propostas da CDU visando a redução dos preços do gás e da eletricidade para aquele sector, Jerónimo de Sousa apontou a falta de apoios como uma das causas dos “sérios reveses” sentidos pela indústria, com a “redução drástica da produção e do número de trabalhadores”.

“O vidro é inseparável desta terra”, vincou, lembrando que apesar dos avanços tecnológicos que “dispensam muitas vezes mão-de-obra”, na arte de trabalhar o vidro “não há robôs que possam substituir” o trabalho do homem.

E por isso, o líder do PCP quis “assinalar esta realidade social, laboral, artística que poderia muito bem ter outros desenvolvimentos caso os sustos de fatores de produção fosse outros”, concluiu.

Jerónimo de Sousa e Heloísa Apolónia prosseguem ainda hoje as ações no distrito de Leiria com um jantar comício nas Caldas da Rainha, onde são esperados cerca de 160 simpatizantes e militantes.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Quem acusou Sócrates tem de provar. Se não provar tem de ser punido"

O ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, defende punição de procuradores da Operação Marquês, caso a acusação contra José Sócrates seja arquivada. Esta terça-feira, em entrevista à RTP, Lula da Silva defendeu a punição dos procuradores que …

Na Saúde, Warren torna-se alvo de ataques. Mas o foco é "derrotar Trump"

O maior debate televisivo para umas eleições primárias na história dos EUA juntou 12 candidatos num só palco. Foi o primeiro debate para o qual o ex-vice-Presidente Joe Biden não partiu com vantagem, tendo a …

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …

Lista candidata à Ordem dos Enfermeiros excluída por ter poucos homens

Uma das listas candidatas às eleições para a Ordem dos Enfermeiros foi excluída por ter poucos homens. A comissão eleitoral nomeada explica que a lista não respeita a lei da paridade, aprovada pela Assembleia da …

“É a desilusão”. PSD queria novos ministros na Saúde, Educação e Justiça

  O PSD defendeu esta quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Dobradinha poderá render 1,6 milhões de euros a Bruno Lage

Caso consiga alcançar a dobradinha, isto é, vencer o campeonato e a Taça de Portugal, o treinador do Benfica, Bruno Lage, receberá em prémios cerca de 1,6 milhões de euros brutos, avança a imprensa desportiva. A …

Lisboa aumenta seis vezes IMI de prédios devolutos nos centros

A Câmara de Lisboa vai aumentar, em 2020, seis vezes a taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para os prédios devolutos nas zonas de maior pressão urbanística, anunciou esta quarta-feira o vereador das Finanças, …

Polícia entrou na federação de futebol da Bulgária e deteve cinco pessoas

Já depois de Borislav Mihailov se ter demitido da presidência da federação da Bulgária, uma unidade da estrutura policial que luta contra o crime organizado no país entrou esta terça-feira na sede da federação, em …

Família holandesa vivia há 9 anos numa cave à espera “do fim dos tempos”

A policia holandesa encontrou uma família de seis pessoas na cave de uma quinta no nordeste do país, onde viviam em isolamento há nove anos e, segundo a imprensa, esperavam “o fim dos tempos”. A polícia …