O “inventor” da Bitcoin está a ser processado em 1.100.111 bitcoins (e isso é muito dinheiro)

As origens da Bitcoin estão envoltas em mistério, mas duas pessoas estão envolvidas na sua mitologia: um programador paraplégico chamado Dave Kleiman, falecido em 2013 por complicações da doença, e o australiano Craig Wright, que diz ser o criador anónimo da Bitcoin.

Wright está a ser processado pelos detentores do património de Dave Kleiman em 1.100.111 bitcoins, ou seja, 10 mil milhões de dólares numa ação ligada à propriedade intelectual relacionada com o software utilizado na Bitcoin, de acordo com o processo requerido num tribunal da Flórida, nos EUA, a 14 de fevereiro, citado pela Vice.

O processo, feito em nome de Ira Kleiman – irmão de Dave e representante dos seus espólios -, alega que Wright e Kleiman mineravam bitcoins juntos nos primórdios da vida da criptomoeda e que, desde a morte de Kleiman, Wright terá “criado um esquema” para “ficar com as de Dave”.

O processo admite que a quantidade de bitcoins em questão deve ser determinada em juízo – ou seja: Kleiman não tem ideia da quantia que está em jogo.

No entanto, os seus advogados contam com informações baseadas nas declarações de Wright. Presume-se que o “inventor” deve a Ira Kleiman até um milhão em bitcoins. Ou seja, o processo pode valer entre 300.000 e 1,1 milhão de bitcoins.

Notavelmente, o processo não discorre sobre Kleiman ou Wright – ou ambos – serem os criadores da Bitcoin, limitando-se a comentar que os dois já se conheciam em março de 2008 – a Bitcoin foi publicada em outubro do mesmo ano – e que Dave comentou com o irmão Ira em 2009 que estaria “a criar dinheiro digital” com um rico estrangeiro chamado Craig.

O processo alega que Kleiman, Wright e “outros dois indivíduos” conduziram uma transação de Bitcoin a 12 de janeiro de 2009, nove dias após o primeiro bloco de dados de transação em Bitcoin ter sido criado por Satoshi Nakamoto, pseudónimo utilizado pelo inventor do Bitcoin.

O processo afirma que a dupla tinha uma empresa com sede na Flórida chamada W&K Info Defense Research LLC cujo objetivo era desenvolver tecnologias com base em Bitcoin desde 2011 até à morte de Kleiman, em 2013.

O processo se refere a Wright como “parceiro de negócios” deste empreendimento, mas cita Dave Kleiman como “único integrante” da W&K, o que lhe conferia titularidade sobre todas as moedas digitais mineradas sob auspícios da empresa.

“Não importa se um deles ou ambos estavam envolvidos na equipa Satoshi ou se eram Satoshi”, comentou Velvel Freedman, um dos dois advogados da Boies Schiller Flexner LLP responsáveis pelo processo. “O que importa é o que está claro a partir das declarações de Craig nas provas e emails apresentados: ambos estavam envolvidos na mineração de Bitcoin desde a criação da moeda ou pouco depois disso”.

O processo alega que, após a morte de Kleiman, Wright teria escrito a Louis Kleiman, o pai nonagenário de Dave, afirmando que ele e Dave seriam duas das três pessoas envolvidas na criação do Bitcoin.

O processo afirma ainda que esta é a primeira vez que os Kleiman ouviram falar sobre o envolvimento de Dave na criação do Bitcoin. O documento prossegue mencionando que Wright teria enviado diversos documentos a demonstrar que o recém-falecido Kleiman tinha transferido a propriedade dos ativos da W&K para o próprio Wright. Porém, de acordo com o processo, os documentos eram fraudulentos e a assinatura de Kleiman tinha sido forjada com uma fonte eletrónica.

É alegado no processo que, depois de Ira Kleiman ter questionado a legitimidade dos documentos fornecidos por Wright, este teria “impedido Ira de ir a público” ao prometer que seria pago “com base nos valores devidos a Dave”. Os pagamentos nunca foram feitos, de acordo com os documentos do processo.

“Agora é com Craig”, disse Freedman, comentando que acredita que um tribunal na Flórida terá meios para lidar com Wright, visto que é onde a W&K info Defense Research estava sediada.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Donald Tusk vai presidir o Partido Popular Europeu

O presidente do Conselho da União Europeia (UE) é o único candidato à presidência do Partido Popular Europeu (PPE) e vai suceder no cargo ao francês Joseph Daul. Esta será a primeira vez que um europeu …

EUA. Casal vegan vai ser julgado por homicídio depois da morte do filho de 18 meses

Um casal americano, que segue uma alimentação vegan, vai ser julgado por homicídio depois da morte do filho de 18 meses, por malnutrição. Ambos vão permanecer detidos até à data do julgamento, em dezembro. Segundo noticiou …

Carrinha com 52 migrantes entra em Ceuta após derrubar barreiras fronteiriças

Uma carrinha com 52 migrantes rompeu, esta madrugada, as barreiras fronteiriças entre Marrocos e Espanha para entrar no enclave espanhol de Ceuta, incidente que a Guarda Civil espanhola já está a investigar. A carrinha lançou-se a toda …

Chef que renunciou à estrela Michelin espera sair do Guia em 2020

O chef Henrique Leis, que em julho renunciou à estrela Michelin que o seu restaurante detinha há 19 anos, afirma que o seu "compromisso com a Michelin acabou" e espera não ver renovada a distinção …

Morreu a fadista Argentina Santos

A fadista portuguesa morreu, esta segunda-feira, aos 95 anos de idade. As exéquias realizam-se, a partir das 17h00, na Basílica da Estrela, em Lisboa. A fadista Argentina Santos, que esta segunda-feira morreu aos 95 anos, despediu-se …

Governo apresenta queixa no Ministério Público contra 21 pedreiras

O ministro do Ambiente e da Ação Climática anunciou que 21 pedreiras, de um universo de 185, estão em incumprimento por falta de vedações, exigidas pelo levantamento do Governo, tendo sido apresentada queixa ao Ministério …

Adeus EDP Universal. Vem aí a SU Eletricidade, mas os preços não mudam

A EDP Serviço Universal vai deixar de existir a partir de 15 de Janeiro de 2020. Em seu lugar vai nascer a SU Eletricidade, a nova marca do universo EDP que vai abranger os clientes …

Mais de 41 mil idosos vivem sozinhos ou isolados em Portugal

A Guarda Nacional Republicana (GNR) sinalizou 41.868 idosos a viverem sozinhos ou isolados em todo o país em outubro no âmbito da operação "Censos Sénior", anunciou esta segunda-feira a guarda. Em comunicado, a GNR adiantou ter …

Vai nascer um Pavilhão de Gelo em Lisboa (com apoio do Governo e de fundos públicos)

O secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, está certo de que, ainda nesta legislatura, vai nascer um Pavilhão do Gelo para a prática de desportos em Lisboa, com apoio de …

Sudão. Crimes contra a humanidade em ataques que mataram 120 manifestantes

Os ataques que em junho mataram pelo menos 120 manifestantes no Sudão podem configurar crimes contra a humanidade, revelou um relatório divulgado pela organização Human Rights Watch (HRW), que pede justiça para as vítimas e …