“Ice Boy” reacende debate sobre pobreza na China

Wang, apelidado de Ice Boy, percorreu quase cinco quilómetros para ir para a escola com temperaturas de nove graus negativos. Esta situação despoletou um debate sobre a pobreza na China rural.

Um aluno chinês, de oito anos, reacendeu a discussão online sobre a pobreza infantil depois de ter sido apelidado de Ice Boy, rapaz de gelo em português. O menino terá percorrido quase cinco quilómetros quando o termómetro marcava 9 graus negativos.

De acordo com a BBC, as fotografias do menino que chegou congelado à escola, na segunda-feira, tornaram-se virais. Numa das fotografias, é possível ver as mãos de Wang sujas e inchadas do frio. Noutra, o rapaz está com as bochechas inchadas e vermelhas, vestido com um casaco fino.

Quem tirou as fotografias a Wang foi o professor, tendo enviado para o diretor da escola e a outros colegas. As fotografias chegaram rapidamente às redes sociais e aos media nacionais, até se tornarem virais com a hashtag #IceBoy.

De acordo com o Público, que cita a agência estatal China News Service, o menino andou 4,5 quilómetros para chegar à escola em Ludian, na província de Yunnan – um percurso que demora cerca de uma hora a ser feito. Muitos dizem que não está a ser feito o suficiente para ajudar as crianças mais carenciadas dos meios mais rurais da China.

“Esta criança sabe que a educação pode mudar o seu destino“, lê-se num comentário. Numa das fotografias, o pequeno Wang está com as mãos por cima de um teste, no qual conseguiu um resultado de 99%.

O menino vive com a avó e com a irmã, numa casa “feita de argila e tijolos”. Segundo jornalistas do site Pear Video, esta é “uma criança deixada para trás, uma das dezenas de milhões de crianças que não veem os pais que se terão mudado para diferentes cidades em busca de meios para as sustentar”.

Segundo o jornal, a história do Ice Boy tem gerado uma onda de protestos para que mais seja feito para ajudar estas “crianças deixadas para trás”. Há empresas, inclusivamente, que começaram a fazer doações depois de terem conhecido a história de Wang.

O debate em torno da situação de Wang surge dias depois de uma fotografia de uma criança de raça negra a ver fogo de artifício, durante as celebrações de Ano Novo na praia de Copacabana, no Brasil, ter causado discussões sobre os preconceitos raciais no país.

//

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “o pequeno Wang está com as mãos por cima de um teste, no qual conseguiu um resultado de 99%.” Rasurado como está duvido muito dos 99%, mas fica sempre bem na foto 😉

RESPONDER

Utilizadores russos do Reddit terão divulgado documentos comprometedores sobre o Brexit

A rede social Reddit anunciou ter concluído que utilizadores russos estiveram na origem da divulgação de documentos confidenciais do governo britânico sobre as negociações comerciais do Brexit. O Reddit anunciou, num comunicado citado pela Associated Press, …

Concorrência quer novas regras para fidelizações nas telecomunicações

A Autoridade da Concorrência (AdC) quer mudanças nas regras impostas pelas operadoras de telecomunicações nos contratos de fidelização. Segundo um relatório da AdC, ao qual o Jornal de Negócios teve acesso e que será esta segunda-feira …

Se Trump fosse julgado perante um júri, seria condenado "em três minutos"

Caso o processo de impeachment avance, e Trump seja apresentado perante um júri, Jerry Nadler acredita que o presidente norte-americano seria considerado culpado "em três minutos". O presidente da comissão de Justiça da Câmara dos Representantes, …

Sangue, lágrimas e crianças escoltadas na primeira despromoção da história do Cruzeiro

O Cruzeiro desceu de divisão pela primeira vez na sua história. O último jogo do campeonato, que selou a despromoção, ficou marcado por episódios violentos entre adeptos e polícia. O cenário vivido no 'Mineirão', este domingo, …

Movimento "Convergência" prepara moção para convenção do Bloco (mas rejeita cisão)

Largas dezenas de elementos do Bloco de Esquerda (BE) estiveram reunidos para preparar uma moção para apresentar na próxima convenção do partido, mas rejeitam estar a criar uma nova tendência ou a preparar uma cisão. João …

Empresário lesou Fisco em 60 milhões, mas não tem de devolver nada

Um empresário do setor do ouro condenado a sete anos de prisão por fraude fiscal agravada não terá de devolver nenhuma parte dos 60 milhões de euros de prejuízo que deu ao Estado por não …

Maioria das pistolas Glock roubadas da PSP pode ter estado sempre com a polícia

Luís Gaiba defende que a contagem do armamento não estava atualizada e que, por isso, a maioria das armas alegadamente desaparecidas pode nunca ter saído da posse da polícia. O agente Luís Gaiba, suspeito do roubo …

Rússia banida dos Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos

A Rússia foi banida, esta segunda-feira, de Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos, na sequência de uma decisão, tomada por unanimidade, do comité da AMA que avalia o cumprimento dos regulamentos. A Rússia foi excluída dos …

Governo chinês bane compras públicas de computadores e software estrangeiros

O Governo chinês ordenou que todos os escritórios governamentais e instituições públicas removam computadores e software estrangeiros, ao longo dos próximos três anos, depois da decisão de Washington de banir aquisição de equipamentos da Huawei. A …

Arbitragem, relvado e azar. Sérgio Conceição explica deslize com o Belenenses

Desde a arbitragem ao relvado e de o azar à falta de discernimento, Sérgio Conceição explicou o empate contra o emblema de Belém. A equipa de arbitragem foi a principal visada. O FC Porto não foi …