Guilhermina Freitas eleita presidente do Tribunal da Relação de Lisboa

(dr) Tribunal da Relação de Lisboa

Tribunal da Relação de Lisboa

A juíza Guilhermina Freitas venceu, esta segunda-feira, com maioria absoluta, as eleições para a presidência do Tribunal da Relação de Lisboa (TRL), cargo que já ocupava interinamente.

Fonte do Tribunal da Relação de Lisboa adiantou à agência Lusa que a desembargadora obteve 73 votos, contra os 32 favoráveis a Ana Azevedo, tendo o juiz Ferreira de Almeida ficado em terceiro lugar com 12.

Guilhermina Freitas, que é a primeira mulher a ocupar a presidência do TRL, já exercia o cargo desde a renúncia de Orlando Nascimento em março deste ano.

O Tribunal da Relação de Lisboa tem vivido tempos conturbados na sequência do processo Operação Lex, em que foram acusados dois juízes daquele tribunal – Rui Rangel e Fátima Galante – e o antigo presidente daquele tribunal Luís Vaz das Neves.

Ao contrário de Vaz das Neves, que é arguido na Operação Lex por suspeitas de corrupção e abuso de poder relacionadas com a distribuição eletrónica de processos, Orlando Nascimento não é arguido neste processo, mas sim alvo de um processo disciplinar no Conselho Superior de Magistratura por suspeitas de abuso de poder.

Em causa está o facto de o juiz ter cedido o salão nobre do tribunal para uma arbitragem presidida pelo seu antecessor, que recebeu 280 mil euros em honorários para decidir este julgamento privado.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Preços das casas não subiam tanto há mais de dois anos

Os preços da habitação registaram uma subida de 2,5% em relação ao mês anterior. Não subiam tanto há mais de dois anos. O preço de venda das casas em Portugal Continental registou um aumento de 2,5% …

Tragédia de Pedrógão pode "repetir-se em vários locais deste país"

Após quatro anos do grande incêndio que vitimou 66 pessoas, a região de Pedrógão Grande está de novo em ponto de combustão. A 17 de junho de 2017 o incêndio de Pedrógão Grande matou 66 …

"Apocalipse dos insetos". Novos dados associam queda de população a barragens

A população de insetos está em declínio, naquilo a que chamam de "Apocalipse dos insetos". Um novo estudo associa este problema às barragens. Os insetos são o grupo de animais mais numeroso do planeta. Existem cerca …

PS com o pior resultado desde março de 2020. Direita rejubila

Na nova sondagem da Intercampus, realizada para o Jornal de Negócios e o CM/CMTV, todos sobem nas intenções de voto menos o PS. A mais recente sondagem da Intercampus, realizada para o Jornal de Negócios e …

Nova tabela de preços da ADSE adiada para setembro

A nova tabela de preços da ADSE sofreu mais um adiamento e só entrará em vigor em setembro, revelou a ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão. A nova tabela de preços …

Vacinação da faixa etária 20-29 começa a "meio de julho"

No habitual espaço de comentário na SIC, este domingo à noite, Luís Marques Mendes anunciou que a vacinação dos jovens entre os 20 e os 29 anos vai, afinal, começar a "meio de julho". A vacinação …

Cientistas descobrem compostos promissores para tratar cancro do fígado mortal

Investigadores descobriram algumas classes de terapêuticos que destroem as células tumorais fibrolamelares que crescem em ratos e testaram-nas em células humanas extraídas de tumores. As opções de tratamento para o cancro do fígado mortal, chamado carcinoma …

Governo sueco na corda bamba. Moção de censura pode fazê-lo cair

Depois de, neste domingo, ter falhado a tentativa de acordo parlamentar, o Governo sueco enfrenta hoje uma prova de fogo. Esta segunda-feira, o Governo da Suécia pode cair se o Parlamento aprovar a moção de censura. Segundo …

Conseguirão os humanos compreender baleiês? Cientistas acreditam que sim

Uma equipa de investigadores está a tentar recolher e decifrar os sons emitidos por cachalotes, para compreender a sua linguagem. Os cachalotes estão entre os animais mais barulhentos do planeta, produzindo sons de rangidos, batidas e …

NASA regressa a Vénus para perceber se o planeta já foi habitável no passado

A NASA está a regressar a Vénus para aprender como é que o planeta se tornou um deserto quente e venenoso — e se o planeta já foi habitável no passado. A NASA está finalmente a …