Estudantes portugueses fazem greve às aulas pelo clima

@GretaThunberg / Twitter

Greta Thunberg, a activista sueca de 16 anos que deu origem ao movimento “School Strike 4 Climate” (“Greve à escola pelo clima”).

O movimento internacional “School Strike 4 Climate” que tem convocada uma greve às aulas a nível mundial, para 15 de Março, para alertar os políticos para a importância de defender o futuro da Terra e inverter a tendência dramática das alterações climáticas, chegou a Portugal.

Estudantes portugueses estão a promover a participação na greve mundial às aulas que está convocada para 15 de Março pelo movimento “School Strike 4 Climate” (ou seja, “Greve à escola pelo clima“).

Este movimento foi criado pela activista sueca Greta Thunberg que, com apenas 16 anos, tem dado que falar depois de ter feito discursos poderosos, em prol da defesa do clima, na Conferência das Nações Unidas para o Clima (COP), na Polónia, e no Fórum Económico Mundial, em Davos, na Suíça.

Em Davos, Greta Thunberg foi mesmo aplaudida por Bono Vox, vocalista dos U2, quando disse aos intervenientes num painel de discussão que também eles tinham responsabilidades pelo actual estado preocupante do planeta.

A jovem sueca começou a fazer greve às aulas todas as sextas-feiras, manifestando-se em frente ao Parlamento de Estocolmo, na Suécia, com cartazes apelando aos políticos do país para tomarem acções concretas para salvar o planeta.

Vários jovens noutros países do mundo têm imitado Greta Thunberg. E em Portugal, surgiu a página de Facebook “Greve Climática Estudantil” que apela à participação dos estudantes portugueses na greve mundial às aulas marcada para 15 de Março.

“Exigimos ao Governo que faça da resolução da crise climática a sua prioridade“, salienta-se na página na rede social. “O nosso futuro é mais importante do que UM dia de aulas”, acrescenta-se.

Este grupo de estudantes está a promover concentrações para Lisboa, no Largo Camões, para o Porto, junto à Câmara Municipal, e para Coimbra, também junto à Câmara, para 15 de Março.

“O objectivo é mostrar aos Governos que não estamos a brincar com isto, que precisam de tomar medidas sérias e urgentes na resolução da crise climática, já que têm estado a ignorar os acordos climáticos”, explica ao Diário de Notícias (DN) Matilde Alvim, estudante de 17 anos da Escola Secundária de Palmela que está associada ao movimento pela greve em Portugal.

Neste momento, o movimento de jovens inclui “15 estudantes de escolas secundárias e universidades do Porto, Lisboa e Coimbra”, como destaca o DN, onde Matilde Alvim refere que se pretende “mobilizar as pessoas para criar contactos” no sentido de que “os estudantes se desloquem” e se consiga “um movimento mais concentrado e visível nas três cidades”.

Entre as medidas que estes estudantes defendem como prioritárias para aplicação no país, Matilde Alvim aponta “a descarbonização dos transportes particulares e públicos”, uma maior “aposta nas energias renováveis“, a “aplicação de impostos altos às empresas que excedam níveis de poluição aceitáveis”, “maior e melhor monitorização dos rios” para que não haja neles descargas de “resíduos industriais tóxicos” e “a proibição definitiva da exploração de energias fósseis em Portugal”.

Na Bélgica e na Alemanha, já foram realizados vários protestos organizados por movimentos estudantis sempre com o mote da defesa do clima como motivação.

SV, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

PS e BE afastados "porque dá jeito" (e os riscos de andar para trás)

O líder do PSD alertou este domingo para o distanciamento do PS em relação ao BE, porque “dá jeito para as eleições”, notando ser uma tentativa de “limpar” a proximidade dos últimos quatro anos e …

A KLM vai passar a "voar" de comboio

A KLM, que já tinha sugerido que se voasse menos e se viajasse mais de comboio, confirmou que vai retirar um dos voos Bruxelas-Amesterdão, passando os passageiros a efetuar a rota sobre carris, num comboio …

Cientistas fazem reconstrução facial de um guerreiro escocês do séc XV

Cientistas reconstruiram digitalmente o rosto daquele que terá sido um membro poderoso de um clã do século XV da Escócia, que terá morrido num violento conflito com um clã vizinho. Corria o ano de 1957 quando …

Estudo mostra que os golfinhos também já são resistentes aos antibióticos

Um novo estudo realizado nos Estados Unidos mostra que os golfinhos Tursiops truncatus também já mostram resistência aos antibióticos. Não é segredo que os seres humanos usam demasiados antibióticos, tanto que estamos a desenvolver uma resistência …

Indígenas famosos pela sua saúde cardíaca começaram a usar óleo de cozinha (e a engordar)

O povo Tsimane, que vive na Bolívia, tem permanecido relativamente afastado do mundo exterior durante várias gerações, prosperando da terra e praticando formas tradicionais de caça, pesca, agricultura e recolha de alimentos. Durante vários anos, sabe-se …

Mais de 150 detidos em protestos violentos em Paris. Desta vez, sem coletes amarelos

As autoridades francesas detiveram este sábado mais de 150 pessoas numa nova jornada de protestos em Paris, onde coincidiram uma manifestação dos coletes "amarelos" com outras dois em defesa do clima e contra a reforma …

UE deteta 50 a 80 casos de desinformação e fake news russas por semana

O grupo de trabalho do Serviço Europeu de Ação Externa contra a desinformação russa deteta, semanalmente, entre 50 e 80 casos, num total de mais de 6.300 situações identificadas desde 2015, que têm vindo a …

Moreirense 1-2 Benfica | Rafa abre caminho à reviravolta

O Benfica sofreu a bom sofrer para levar de vencida o Moreirense, em casa deste, por 2-1. Os homens da casa marcaram primeiro, por Luther Singh, logo no arranque do segundo tempo, e estiveram na …

Bernardo Silva faz o primeiro 'hat-trick' da carreira na maior goleada de sempre do City

O avançado português Bernardo Silva fez este sábado o primeiro ‘hat-trick’ da carreira na vitória por 8-0 do Manchester City frente ao Watford, em jogo da sexta jornada da Liga inglesa de futebol. David Silva abriu …

Centenas foram à baixa de Lisboa protestar contra exploração do lítio

Cerca de quatro centenas de manifestantes de diferentes movimentos independentes de defesa do ambiente e de proteção do património rural protestaram hoje em Lisboa, contra a concessão e exploração a céu aberto do lítio em …