Governo não renova PPP do SIRESP. Nova diretora vem da Altice

António Pedro Santos / Lusa

A Parceria Público-Privada (PPP) da rede de comunicações do Estado SIRESP “não será renovada” em 30 de junho e os contratos não vão ser prorrogados nos moldes atuais, anunciou hoje o ministro da Administração Interna.

“A Parceria Público Privada termina em 30 de junho e não será renovada. Porque estamos a falar de uma entidade hoje inteiramente pública e entendemos que essa matéria terá certamente prestadores de serviços privados, porque só o mercado o pode propiciar, mas será gerida num quadro público”, disse Eduardo Cabrita.

O ministro está a ser ouvido na comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, numa audição pedida pelo CDS-PP para explicar o futuro do SIRESP, cujo contrato com os operadores privados termina a 30 de junho.

“O que está em causa é uma solução de manutenção daquilo que são prestação de serviços por privados por 18 meses, permitindo aí a constituição da entidade de gestão não só desta rede, mas também das outras redes da área da segurança interna [Rede Nacional de Segurança Interna e rede 112], permitindo a sua gestão integrada e a abertura, neste novo quadro, dos concursos”, explicou sobre a proposta da Altice para uma fase transitória.

O governante avançou também que está em processo legislativo um diploma que determina a constituição de uma estrutura de gestão integrada das redes de tecnologia na área da segurança interna.

“O processo intercalar permitirá aqui a não a prorrogação dos contratos tal qual estão hoje, porque tudo aquilo que foi pago pelo Estado durante estes anos passa a ser propriedade do setor do Estado a partir de 1 de julho”, frisou Eduardo Cabrita.

Manuel Couto, que está no lugar há cerca de um ano, apresentou a sua demissão a Eduardo Cabrita depois de o presidente da Altice Portugal, Alexandre Fonseca, dizer que a empresa não teve “qualquer tipo de contacto por parte do SIRESP” sobre a continuidade do contrato.

A vogal Sandra Perdigão Neves vai assumir a presidência do SIRESP. O coronel Pedro Patrício será proposto para vogal do conselho.

Sandra Perdigão Neves, que em 2015 se tornou diretora de operações empresariais da Altice, estudou Matemática Aplicada na Universidade de Lisboa e também Arte, na Escola Superior de Artes Decorativas da Fundação Ricardo Espírito Santo, descreve o Expresso.

Daniel Costa, ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mas afinal o SIRESP é, hoje, uma entidade inteiramente pública ou é uma PPP? Ou será privada só a partir de 30 de Junho? Confesso que não entendi! Estando nós em cima da época de incêndios seria a altura mais oportuna para tais acordos com privados? Parece-me que estes, e outros, assuntos tratados por privados não correm lá muito bem. A res pública devia sem qualquer dúvida ser “bem” tratada pelo estado mas resolveram, de novo, fazer sociedade com a Altice, porque eles precisam de mais uns lucrozitos! Vamos ver o que é que dá. Entretanto as populações de Pedrógão e de outras zonas críticas do país continuam dependentes destes e de outros acordos!

RESPONDER

Cotrim Figueiredo diz que "foi um excelente arraial". PCP diz que IL "mordeu a língua"

O líder da Iniciativa Liberal (IL), João Cotrim Figueiredo, não acata as críticas feitas ao arraial do partido, que diz ter sido "excelente". Aliás, até já está a pensar no próximo. "Vou dizer aqui uma coisa …

Portugal vai seguir a "lógica da escada" no Euro 2020?

Há 25 anos, a seleção nacional iniciou uma sequência curiosa em fases finais de Europeus de futebol. Se prolongar essa sequência, não vai passar dos quartos-de-final neste torneio. Ou só chegará aos oitavos-de-final. Portugal participou até …

Há pelo menos 8.700 alunos em isolamento por causa da covid-19

Há pelo menos 8.700 alunos em isolamento profilático por causa da covid-19. Só na região de Lisboa e Vale do Tejo são 6.407. Há, neste momento, pelo menos 8.700 alunos de quarentena, dos quais mais …

Sporting: equipa de futsal disputou 48 jogos e perdeu...zero

Turma de Alvalade recuperou o título nacional, na época em que foi campeão europeu e em que também venceu a Taça da Liga. Em 40 minutos, nunca perdeu. O Sporting é o novo campeão nacional de …

Produtos químicos presentes em alimentos e cosméticos reduzem fertilidade

As taxas de natalidade estão a diminuir no mundo inteiro. Em todos os países europeus, estão a cair os chamados "níveis de reposição populacional", ou seja, o número de filhos necessários por mulher para manter …

"Surreal". Problema informático na DGS atrasa resultados dos eventos-teste

Para já, ainda não foram tiradas conclusões dos quatro eventos-piloto de abril e maio, organizados pelo Governo em articulação com a DGS. Um problema informático pode estar na origem do atraso. Há uns meses foi avançado …

Costa contraria Marcelo, mas este avisa que o "Presidente nunca é desautorizado pelo primeiro-ministro”

O Presidente da República disse na segunda-feira que “por definição, o Presidente nunca é desautorizado pelo primeiro-ministro”, depois de António Costa ter dito que ninguém pode garantir que não se volta atrás no processo de …

Um em cada quatro portugueses deixou de recorrer ao SNS por receio da pandemia

Um em cada quatro portugueses deixou de recorrer ao Serviço Nacional de Saúde no ano passado, por medo de contagio com o novo coronavírus, e mais de dois terços consideram que o SNS tem respondido …

Evolução genética pode estar a tornar-se cada vez mais obsoleta

Um novo estudo sugere que a evolução humana já não está estritamente ligada aos genes e supõe que a cultura pode estar a conduzir a evolução mais rápido do que as mutações genéticas podem funcionar. Tendo …

ALMA descobre a primeira gigantesca tempestade de buracos negros

O telescópio Atacama Large Millimeter Array (ALMA) detetou um forte vento galático impulsionado por um buraco negro supermassivo há 13,1 mil milhões de anos. Os investigadores salientam que este é o exemplo mais antigo alguma vez …