Governo fecha fábrica suspeita de poluir afluente do Tejo

Paulo Cunha / Lusa

Um manto de espuma cobre a água do Rio Tejo, junto ao açude de Abrantes.

A Agência Portuguesa do Ambiente e a Câmara Municipal de Torres Novas concordaram que a Fabrióleo, uma fábrica de óleos vegetais, não reunia as condições necessárias para continuar a laborar.

A fábrica de óleos vegetais Fabrióleo, localizada em Torres Novas, recebeu uma ordem de encerramento de exploração industrial depois de a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) considerar que a fábrica não tem condições para continuar a operar.

De acordo com o Expresso, a Inspeção-Geral do Ambiente já tinha detetado “incumprimentos legais” por duas vezes na empresa de Torres Novas. Fonte do Ministério do Ambiente confirmou ao Público que a fábrica mantém “condutas lesivas do ambiente” e que, por isso, não tem agora licença legal de laboração.

A decisão da APA surge no seguimento de “sucessivas reclamações” devido à “descargas de efluentes para o rio Almonda”, afluente do Tejo, e teve como base um parecer negativo da Agência para a Competitividade e Inovação (Iapmei), segundo informação enviada ao Público pela tutela.

Até ao final do ano passado, a empresa tinha um conjunto de condições impostas pelo Iapmei para cumprir. No entanto, na sequência das “reclamações relativas a condutas da empresa lesivas do ambiente”, e pelo facto de a Fabrióleo continuar sem “título de utilização” de parte do seu edificado, a agência marcou uma vistoria para o final de janeiro.

Devido a essa inspeção, que teve lugar no dia 23 de janeiro, a Câmara Municipal de Torres Novas e a APA concordaram que a empresa não reunia as condições necessárias para continuar a laborar.

Nos termos do atual Plano Diretor Municipal, “não é viável o licenciamento/legalização do estabelecimento industrial existente”. Já a APA, através da administração da região hidrográfica do Tejo, considerou, “com os fundamentos que constam do respetivo parecer, não estarem reunidas condições para que a Fabrióleo continue a operar a instalação”.

O Ministério Público já tinha implicado a empresa num processo de contraordenação muito grave por poluição, do qual a Fabrióleo foi ilibada em outubro.

Além disso, por duas vezes, a Inspeção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território detetou “incumprimentos legais relativos à gestão de resíduos, à emissão de poluentes atmosféricos e à descarga de águas residuais”.

A Fabrióleo tem 42 anos e conta com 79 colaboradores e mais de seis mil pontos de recolha no país. De acordo com fonte do Ministério do Ambiente, esta ordem de encerramento é, “neste momento, uma decisão isolada“.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Caça-se o peixe miúdo e deixam-se os tubarões viver à vontade! Não duvido das irregularidades desta fábrica tal como não duvido das mesmas das outras e das próprias ETARs faz de conta, estas a cargo do governo ou autarquias.

  2. Mas expliquem-me cá uma coisa! O açude de Abrantes não fica junto a Abrantes? Que é que tem uma fábrica que descarrega no rio Almonda (afluente do Tejo) junto a Torres Novas com o que se passa 30 Km acima? O rio Tejo corre em direcção a Lisboa e ao mar ou corre do mar para o interior? Que raio de justificação…

RESPONDER

"Burocracia enlouquecida" do pós-Brexit está a "matar" empresas escocesas que exportam marisco para a UE

Desde que a Grã-Bretanha concluiu o processo de negociação do Brexit, a vida dos exportadores britânicos mudou de forma drástica. Apesar de ter havido um acordo comercial com a União Europeia, há várias empresas a …

Manifestantes que invadiram o Capitólio terão recebido uma transferência em bitcoins em dezembro

A Chainalysis, uma empresa de dados de criptomoedas, informou recentemente que grupos e personalidades envolvidos na invasão do Capitólio, nos Estados Unidos, receberam mais de 500 mil dólares em bitcoins de um doador francês, no …

Programador esqueceu-se da password para recuperar 236 milhões de dólares em bitcoin. Já só lhe restam duas tentativas

Um programador alemão que vive em São Francisco, nos Estados Unidos, não se recorda da sua password do disco que lhe dará acesso à sua carteira digital, onde tem 7.002 bitcoins, que valem, segundo a …

PGR abre inquérito ao caso do procurador europeu José Guerra

O Ministério Público instaurou um inquérito ao caso da nomeação do procurador europeu no seguimento da participação criminal apresentada pela Ordem dos Advogados e de uma denúncia anónima. "Na sequência de denúncia apresentada pela Ordem dos …

Donald Trump diz que "reconstruir o Exército foi uma honra"

O Presidente cessante dos Estados Unidos enviou, esta quinta-feira, uma mensagem às tropas norte-americanas, dizendo que "reconstruir o Exército foi uma honra", destacando o investimento da sua administração no Pentágono. "Foi uma honra reconstruir o nosso …

Julgamentos de Tancos e do homicídio no SEF suspensos após caso de covid-19

As próximas sessões do julgamento de Tancos e do homicídio do cidadão ucraniano nas instalações do SEF foram suspensas depois de o advogado Ricardo Sá Fernandes, que representa arguidos nos dois casos, ter testado positivo …

"Uma tragédia anunciada". Manaus não tem oxigénio para tratar doentes

Manaus, capital do estado do Amazonas, no Brasil, está a atravessar uma situação caótica devido ao aumento de casos covid-19 e à falta de oxigénio dos hospitais. Imagens que circulam nas redes sociais mostram as próprias famílias …

Wayne Rooney termina carreira de jogador para treinar Derby a tempo inteiro

O antigo internacional inglês terminou a carreira de futebolista, aos 35 anos, para assumir o cargo de treinador do Derby County, anunciou, esta sexta-feira, o clube da segunda divisão inglesa. Wayne Rooney, que assinou contrato até …

Populistas europeus que o apoiavam desvinculam-se agora de Trump

A derrota eleitoral de Donald Trump, a sua recusa em aceitá-la e a violência que se seguiu parecem ter prejudicado as perspetivas de líderes de europeus populistas, apoiantes do Presidente dos Estados Unidos (EUA). "O que …

Carvalhal explica porque é que disse "não" ao Flamengo

Carlos Carvalhal explicou, em entrevista ao Esporte Interactivo, porque é que recusou o convite para treinar os brasileiros do Flamengo. "Não foi uma questão de não querer, foi não poder", explicou o técnico, que agora …