Governo cria estágios para desempregados maiores de 30 anos

portugal.gov

O ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, Pedro Mota Soares

O ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, Pedro Mota Soares

Vem aí um novo programa de estágios para desempregados de longa duração com mais de 30 anos de idade. A medida está a ser preparada pelo governo e já acolhe as críticas das centrais sindicais.

Esta nova bolsa de estágios destina-se a candidatos com mais de 30 anos que estejam desempregados há mais de um ano.

Este programa, denominado “Reativar”, de acordo com a imprensa desta terça-feira, propõe estágios de seis meses com uma bolsa de remuneração entre os 419 e os 692 euros brutos, subsídio de alimentação e, nalgumas circunstâncias, ainda subsídio de transporte.

Os candidatos podem também ser emigrantes de volta a Portugal, caso estejam inscritos nos centros de emprego de outros países.

O Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) vai comparticipa 65% do valor da bolsa, ficando o restante a cargo das empresas. Mas, em determinadas situações, essa comparticipação pode subir, nomeadamente quando os estagiários tenham mais de 45 anos, estejam desempregados há mais de dois anos ou sejam vítimas de violência doméstica. Nestes casos, o IEFP suporta 80% dos custos.

A comparticipação do IEFP pode ainda aumentar caso as empresas onde se realizem os estágios tenham menos de 12 empregados e estejam a candidadatar-se, pela primeira vez, a uma bolsa de estágios.

A medida governamental em preparação merece já a crítica das centrais sindicais.

Pela parte da CGTP, Arménio Carlos diz na TSF que esta bolsa de estágios “só serve para manipular números em ano de eleições”. O sindicalista refere ainda que o programa vai motivar as empresas a terem “empregados de seis meses em vez de trabalhadores permanentes”.

Na UGT, Luís Correia considera que “a medida é pontual e não resolve o problema de fundo”, cita a TSF.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Eu pensava que o estagio era dirigido a quem tendo uma formação profissional ou academica, necessitasse de ter alguma experiencia para ingressar no mercado de trabalho.
    Isto cheira-me dar estagio a um desempregado de longa duração é dar-lhe certificação para continuar desempregado por muito mais tempo,e apesar de não gostar do Arménio, sou obrigado a dar-lhe razão

  2. Mais uma medida para conquistar votos em ano de eleições, apresentar resultados falsos afirmando que o desemprego desceu vertiginosamente durante o seu mandato, sendo uma medida que em nada vai melhorar a vida dos portugueses. Haverá, eventualmente, algum aproveitamento por parte de algumas empresas que conseguirão, quase a custo zero, trabalho de profissionais muitas das vezes com formação superior, que no final do dito estágio ficarão novamente desempregados, a ganhar zero e com uma frustração 6 vezes maior do que antes…

RESPONDER

Durante um ano e meio, uma aldeia inteira perdeu a Internet todos os dias à mesma hora (e já se sabe porquê)

Durante 18 meses, os residentes de uma vila no País de Gales perderam a Internet todos os dias à mesma hora. Agora, engenheiros identificaram o motivo: uma televisão em segunda mão que emitia um sinal …

Gado na UE produz 704 milhões de toneladas de CO2 (mais do que todos os transportes juntos)

De acordo com uma nova análise da Greenpeace, animais de criação como vacas, porcos e outros, estão a emitir mais gases com efeito de estufa na Europa do que todos os transportes juntos. Na última década, …

É distraído e está sempre a perder a carteira? A Cashew Smart Wallet é para si

Uma simples carteira pode vir a melhorar os seus dias. A Cashew Smart Wallet é dotada de uma tecnologia de bluetooth que permite proteger os seus bens e ainda o ajuda caso a perca por …

Desportivo das Aves SAD desiste do Campeonato de Portugal

O Desportivo das Aves SAD vai abdicar da participação no Campeonato de Portugal (CdP), após ter falhado as negociações com o Perafita para utilizar as instalações do clube de Matosinhos. "As inscrições fechavam ontem [terça-feira] e …

Celebridades doam dinheiro para pagar dívidas a ex-presos impedidos de votar nos EUA

O bilionário Michael Bloomberg, o cantor John Legend e o basquetebolista LeBron James são algumas das celebridades que estão a doar dinheiro para pagar dívidas de ex-presidiários da Florida, impedidos de votar nas próximas eleições …

No debate sobre o Plano de Recuperação, evocou-se Sócrates e Passos

O líder do PSD questionou o primeiro-ministro se pretende "fomentar o desemprego" com o aumento do salário mínimo. O chefe do Governo manifestou-se "completamente perplexo". Na abertura do debate sobre o Plano de Recuperação e Resiliência, …

380 baleias morreram encalhadas na Austrália. Este é o maior incidente registado no país

Morreram pelo menos 380 baleias-piloto presas numa baía remota da Tasmânia. Apesar dos intensos esforços para tentar salvá-las não foi possível evitar este cenário, informou hoje um responsável pelos serviços de socorro. "Temos um número mais …

Ansu vale 400 milhões e é "sucessor" de Lopetegui

A figura mais recente do Barcelona e do futebol espanhol entrou oficialmente na equipa principal e, por isso, a cláusula de rescisão "disparou". Em Barcelona continua-se a falar muito sobre Luis Suárez. Depois de Lionel Messi, …

Deputados chumbam divulgação imediata e integral da auditoria ao Novo Banco

Os deputados da Comissão de Orçamento e Finanças (COF) rejeitaram, esta quarta-feira, o requerimento do Bloco de Esquerda (BE) para divulgação pública imediata e integral do relatório de auditoria especial ao Novo Banco enviado pelo …

Bélgica recoloca Lisboa e região Centro no "vermelho"

As autoridades belgas aliviaram ligeiramente as medidas restritivas no quadro da pandemia da covid-19, apesar do aumento do número de casos, esta quarta-feira, e recolocaram a área metropolitana de Lisboa e a região centro de …