Gestores das maiores empresas ganham 52 vezes mais do que os seus trabalhadores

Tiago Petinga / Lusa

O presidente da EDP, António Mexia

Em 2018, os diretores executivos (CEO) das mais cotadas empresas do PSI-20 ganharam, em média, 52 vezes mais do que os seus trabalhadores. Em média, ganham cerca de um milhão de euros.

Os cálculos são do Dinheiro Vivo e do Jornal de Notícias, que avançam os números nesta terça-feira. Segundo a informação disponível nos diversos relatórios e contas, os gestores das maiores empresas da Bolsa de Lisboa receberam uma remuneração média de 1,1 milhões de euros no ano passado. Estes valores são brutos e incluem, além dos salários, prémios de desempenho e contribuições para planos de pensões.

Apesar de os colaboradores destas “gigantes” não terem aumentos significativos desde 2014, o salário médio dos seus CEOs desceu em 2018, quando comparado com 2017.

Pedro Soares dos Santos, presidente da Jerónimo Martins, ganhou 1,9 milhões de euros, 140 vezes mais do que os funcionários desta retalhista, o que a coloca no topo do fosso de remunerações. Contudo, é António Mexia, presidente da EDP, que lidera nos ordenados, com um ganho de 2,2 milhões de euros por ano, 39 vezes superior ao dos trabalhadores.

Nas maiores diferenças salariais encontra-se ainda a Sonae, com Paulo Azevedo a ganhar 653 mil euros (37 vezes mais) ou a Semapa, com João Castello Branco a receber 1,4 milhões de euros (33 vezes mais).

Nos cálculos do JN e do DV ficaram de fora o BCP, a Altri, a Ibersol e a Ramada que ainda não divulgaram o relatório anual de governo das sociedades. Já a Pharol e a Sonae Capital não foram incluídas já que não têm um número de funcionários significativo.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Se os gestores de empresas privadas podem ganhar o que muito bem entenderem, o mesmo não se poderá dizer daqueles gestores da banca (que, aliás, parecem ajudar a arruiná-la) e de empresas com participação direta ou indireta do Estado, cujos salários são mesmo muito superiores aos salários dos políticos de topo (que, como revela a experiência também não precisam da nossa pena!). Depois, ainda há quem se indigne com a perspetiva de subida de salários de certos quadros altamente qualificados do Estado, incluindo os que são obrigados a um regime de exclusividade, os quais, aliás, só no fim das suas carreiras conseguem auferir um salário digno face às responsabilidades assumidas ao longo de décadas de carreira! E então quando se percebe que há uma casta de jornalistas, a ganhar salários milionários (alguns em OCS que até recebem apoios do Estado), a ajudar nesta missão de desqualificar e denegrir quem trabalha a sério neste país, mostrando reiterada e exclusivamente a face negra (nunca a luminosa) dos diferentes setores, especialmente quando se está na iminência de mudar algo nos mesmos, a gente percebe a força maquiavélica das “encomendas” destinadas a manipular/influenciar a opinião pública. Atenção, o abuso dessa estratégia começa a ser contraproducente, e os cidadãos deste país não são todos cegos!

  2. Grande Mexia onde vais meter a massa?
    Tenho a Esperança que um dia irá aparecer em Portugal um dia um ROBIN dos BOSQUES…

    • Já há. O Sócrates e o Ricardo! Tiravam aos pobres para eles… os ricos.
      Ai… espera…isso assim é ao contrário…

  3. Este país nunca mais se endireita e nunca mais faz leis que se vejam: Ser-se empresário de uma empresa privada não dá carta branca para se fazer o que se quer nem coloca ninguém acima da lei! Sim… Sabemos bem que os interesses privados gostam muito de achar que são donos do país e de estar a cima da lei… E também de não pagar impostos, e de explorar os trabalhadores como bem lhes der na testa. Mas calmex!.. O Feudalismo ficou lá atrás e o país não é dos oligarcas… Ainda.

    Pelo contrário, num estado de direito há leis e ninguém está (ou deveria estar) acima delas. Tem é de voltar a haver leis laborais mais fortes que reduzam a exploração. Quando a riqueza produzida pelos trabalhadores de uma empresa, lhes é distribuida de forma escandalosamente desproporcional… Quando por cada 100 Euros que os trabalhadores produzem, lhes é dado a ganhar 5 ou 10 Euros, ficando o resto como lucro para esconder em Off Shore e pagar bem a CEOs para eles darem ao chicote e ajudarem a manter os podres ilegais da empresa em segredo, com a sua influência política… Algo está profundamente caduco e o Estado tem de intervir em nome da equidade e justiça sociais. Empresas não são formas de escravidão respaldadas pela lei!..

    Ainda bem que nas empresas do Estado a diferença entre salários e privilégios de empregados e CEOs é bem mais reduzida. É bom para os explorados das empresas privadas ficarem roidos de ciúme e darem largas ao nacional-invejosismo… Sempre a berrar que nem uns bezerros para tirarem aos funcionários públicos as regalias, que eles no fundo não se importavam nada de ter, mas que não têm porque no privado “gestores de empresas privadas podem ganhar e pagar o que muito bem entenderem” como diz o “Essa”…

    • É por isso que nós pagamos tão caro, o direito a termos luz ( supostamente, um bem essencial) em casa!
      Sem comentário…

RESPONDER

O novo Oumuamua pode ter sido captado numa fotografia a cores

Os astrónomos do Observatório Gemini no Hawai tiraram a primeira fotografia do GB00234, agora rebatizado para C/2019 Q4 Borisov, um objeto que pode ser o segundo corpo celeste interestelar a entrar no Sistema Solar. A imagem …

Volkswagen revela o novo ID.3, "o carro elétrico do povo"

https://vimeo.com/360579859 No Salão Automóvel da Frankfurt, a Volkswagen revelou o novo ID.3, o seu primeiro carro elétrico. Com um preço "abaixo dos 30 mil euros", é tido como acessível para as massas. A revolução dos automóveis elétricos …

Benfica 1-2 Leipzig | Águias sem asas para o Leipzig

O Benfica arrancou a sua participação na fase de grupos da Liga dos Campeões 2019/20 da pior forma, com uma derrota caseira por 2-1. A formação “encarnada” recebeu o Leipzig e nunca conseguiu dominar o futebol …

A faca, o casaco, a secretária e outros objetos de Anthony Bourdain vão a leilão

Uma faca feita a partir de um meteorito, um casaco personalizado da marinha norte-americana e uma prensa para ossos de pato são três dos 215 objetos de Anthony Bourdain que vão ser colocados à venda …

Já vai poder dormir no castelo de "Downton Abbey" (mas com algumas condições)

O castelo de Highclere, que os fãs da série Downton Abbey conhecem como a casa da família ficional Crawley, está a receber hóspedes. O conde de Carnarvon resolveu abrir as portas a apenas dois convidados, a …

Tinder produz a sua primeira série de televisão (e é “apocalíptica”)

A aplicação de encontros Tinder já terminou as filmagens da sua primeira série de televisão no âmbito da intenção do seu proprietário, o Match Group, de aprofundar a criação de conteúdos originais. Fazer novos programas faz …

Sondagens à boca das urnas mostram empate técnico entre Netanyahu e Gantz

O primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu e Benny Gantz, antigo chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas que lidera a coligação centrista, estão numa situação de empate técnico nas primeiras sondagens à boca das urnas. Esta terça-feira, …

Dois youtubers detidos a tentar invadir a Área 51

Quatro dias antes do evento mundial, dois youtubers adiantaram-se e foram detidos na última terça-feira por tentarem invadir a Área 51, uma base militar secreta dos Estados Unidos. Ties Granzier e Govert Sweep, dois holandeses de …

Onda de bebés nascidos com mãos deformadas abre investigação na Alemanha

As autoridades de saúde lançaram uma investigação depois de três bebés nasceram com deformações raras das mãos nos últimos quatro meses num hospital alemão. "Entre junho de 2019 e o início de setembro de 2019, um …

Explosão causou incêndio nas instalações onde a Rússia armazena a varíola e a ébola

Esta segunda-feira, uma explosão causou um incêndio no Centro Estatal de Investigação de Virologia e Biotecnologia, na Rússia. Estas instalações são dos poucos sítios onde a varíola e a ébola estão armazenadas. Uma explosão num tanque …