“Genocídio” de uigures. EUA e China trocam acusações sobre direitos humanos

Os atos da China “ameaçam a ordem fundada em regras que garantem a estabilidade mundial”, declarou na quinta-feira o chefe da diplomacia dos Estados Unidos (EUA), Antony Blinken, durante a abertura de uma reunião de dois dias com dirigentes chineses, no Alasca.

“Vamos apresentar as nossas profundas inquietações sobre os atos da China, incluindo Xinjiang” – região na qual os EUA acusam Pequim de “genocídio” contra os muçulmanos uigures -, “de Hong Kong, de Taiwan, dos ataques cibernéticos contra os EUA e da coerção económica contra os nossos aliados”, afirmou, citado pelo Expresso.

“Cada um destes atos ameaça a ordem fundada em regras que garantem a estabilidade mundial. É a razão pela qual não se tratam apenas de questões internas e sentimos a obrigação de falar delas”, acrescentou, numa reunião onde estava presente o mais alto responsável do Partido Comunista Chinês para as relações externas, Yang Jiechi, e o ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, Wang Yi.

Por sua vez, Jiechi declarou: “A China opõe-se firmemente à interferência” dos EUA “nos assuntos internos”. “Expressamos a nossa firme oposição” e “tomaremos medidas firmes em resposta aos direitos humanos. Esperamos que” os EUA “façam melhor com os direitos humanos”, disse, indicando que os chineses têm “feito progressos” nessa área.

Os EUA “têm uma democracia ao estilo” dos EUA e “a China tem uma democracia ao estilo chinês. Não cabe apenas ao povo americano, mas também às pessoas do mundo, avaliar o desempenho” dos EUA “no avanço da sua própria democracia. Na China, após décadas de reformas e abertura, percorremos um longo caminho em vários campos”, frisou.

Blinken respondeu: “Tenho de dizer-lhe que, no meu curto tempo como secretário de Estado, falei com centenas de delegações de todo o mundo e acabei de fazer a minha primeira viagem ao Japão e Coreia do Sul. Tenho de dizer-lhe que o que ando a ouvir é muito diferente do que acabou de descrever. Tenho ouvido uma profunda satisfação por” os EUA “estarem de volta, por estarmos ligados novamente com os nossos aliados e parceiros. Também tenho ouvido grandes preocupações por ações que o seu Governo tem tomado e teremos oportunidade de falar nisso quando começarmos a trabalhar”.

Na quarta-feira, os EUA avançaram com ações contra a China, nomeadamente sanções por reversão da democracia em Hong Kong.

ZAP / Lusa //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Na China, para haver “direitos humanos”, primeiro tem que existir “humanos”, coisa que, para o regimes chinês, não existe!!

RESPONDER

Governo britânico ordena ao Exército que ajude na crise dos combustíveis

O Reino Unido ordenou esta segunda-feira ao Exército que se prepare para ajudar na atual crise de combustíveis do país, depois de um fim de semana em que os britânicos acorreram aos postos de abastecimento, …

Pela primeira vez, cientistas demonstram que reprodução assexuada pode ser bem-sucedida

Pela primeira vez, uma equipa de cientistas demonstrou que a reprodução assexuada pode ser bem-sucedida a longo prazo. Os estudos foram feitos com o ácaro Oppiella nova. Até agora, a sobrevivência de uma espécie animal por …

Governo deverá anunciar esta terça-feira a extinção da task force

O Governo deverá anunciar, esta terça-feira, a extinção da task force responsável pelo plano de vacinação contra a covid-19, liderada pelo vice-almirante Henrique Gouveia e Melo. De acordo com o jornal online Observador, que soube desta …

Primeiro-ministro dos Países Baixos com segurança reforçada após ameaças de rapto

Aumento das medidas de segurança está relacionado com uma crescente ameaça direta, mas também com a crescente onda de crimes violentos que os Países Baixos está a viver. O primeiro-ministro dos Países Baixos, Mark Rutte, passou, …

Derretimento do gelo polar está a "empenar" o planeta

Não são só os oceanos que saem prejudicados. O derretimento do gelo polar também está a deformar a crosta terrestre. À medida que as temperaturas derretem o gelo polar a um ritmo preocupante, o aumento do …

Superterras "nuas" dão pistas sobre a evolução de atmosferas quentes

TOI-1634b e TOI-1685b, duas superterras rochosas, carecem de atmosferas primordiais espessas, em órbitas muito próximas em torno de duas anãs vermelhas. TOI-1634b e TOI-1685b, dois candidatos a planeta, localizam-se na constelação Perseus, aproximadamente à mesma distância …

Prosecco ou prošek? A batalha da UE entre Itália e Croácia por causa de vinho

Prosecco é provavelmente o vinho italiano mais famoso, mas por trás da efervescência deste néctar, a Itália está numa grande disputa sobre se a Croácia pode vender um vinho de sobremesa com o nome de …

China vai limitar abortos. E nada tem a ver com saúde

A China vai reduzir o número de abortos realizados por motivos que não estejam relacionados com a saúde, anunciou o governo esta segunda-feira, avançando que serão também criadas medidas para evitar a gravidez indesejada. As autoridades …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: SL7, arte e paciência

Líder soma e segue. Leões e dragões vencem à justa. As frases e os números da semana. Visto da Linha de Fundo. Líder reina no castelo Vitória SC 1 (Bruno Duarte 78', g.p.) – SL Benfica …

"Atropelamento e fuga." Terra e Vénus cresceram como planetas rebeldes

Planetas como a Terra e Vénus, que residem dentro de Sistemas Solares, são fruto de repetidas colisões. Esta conclusão desafia os modelos convencionais sobre a formação de planetas. Investigadores do Laboratório Lunar e Planetário (LPL) da …