Fuga de informação no exame nacional de Português investigada pelo Ministério Público

Marcos Santos / USP Imagens

-

Dias antes do exame nacional de português – que se realizou esta segunda-feira -, circulou na internet o áudio de uma aluna que revelou o que sairia no exame. Podia ser só uma brincadeira, mas a verdade é que saiu mesmo. A fuga, “que terá partido da presidente de um sindicato de professores” e o Ministério Público vai investigar.

Alberto Caeiro, contos e poesia do século XX e a importância da memória: foram estes alguns dos assuntos que saíram no exame nacional de português. Mas antes de entrarem nas salas, muitos eram os alunos que já sabiam o que iam enfrentar através de uma gravação de áudio feita por uma aluna (por identificar) que se tornou viral nas redes sociais.

A decisão de investigar surge na sequência da divulgação do ficheiro que revela informações sobre a prova de Português da primeira fase “e que alegadamente foi difundido antes da aplicação da prova“, adianta o Instituto de Avaliação Educativa – IAVE – numa nota enviada à imprensa.

“Como habitualmente”, o IAVE “vai hoje remeter para a Inspeção-Geral de Educação e Ciência e para o Ministério Público todas as informações de que dispõe sobre o caso para efeitos de averiguação disciplinar e criminal”, sublinha o instituto responsável pela realização dos exames.

Segundo o Expresso, a situação foi denunciada ao Ministério da Educação por Miguel Bagorro, professor na Escola Secundária Luísa de Gusmão, em Lisboa, que teve conhecimento da gravação no sábado, através de um aluno a quem dava explicações de Português.

“Na altura não liguei, até porque todos os anos há boatos a circular sobre o que vai sair nos exames. Mas na segunda-feira, quando vi o que saiu na prova, fiquei estupefacto. O que foi dito na gravação foi exatamente o que saiu. Logo nesse dia, escrevi uma denúncia ao Ministério da Educação”, contou Miguel Bagorro.

Na denúncia que enviou ao Ministério da Educação e ao Júri Nacional de Exames, o professor refere que esta alegada fuga de informação “compromete seriamente a justiça do exame de Português” e defende que este “deveria pura e simplesmente ser repetido”.

“Independentemente de vir ou não a ser anulada, o que me parece óbvio é que tem de haver um controlo muito maior sobre as provas porque o que aconteceu descredibiliza totalmente os exames nacionais”, disse o professor.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Pois, a verdadeira comuna, do sindicato dos professores, a funcionar na sua máxima força e eficácia. E as palavras não são minhas, pelo menos até à última vírgula…
    Quem pensa que um Estado grande e dominante o é igualmente para todos, mais uma vez tem a lição de que somos todos iguais, mas uns mais iguais do que outros. É mais ou menos a história do pastor e do rebanho, ou a diferença entre os que fazem o espectáculo e os que batem palmas…

Responder a Pois Cancelar resposta

Catalunha. Supremo Tribunal espanhol confirma inabilitação de Quim Torra

O Supremo Tribunal espanhol confirmou esta segunda-feira a inabilitação por um ano e meio do presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, por desobediência à junta eleitoral central. O acórdão, aprovado por unanimidade, obriga Torra …

Já há mais 6.829 mortes do que em 2019, mas covid-19 só fez 2 mil. Óbitos em casa subiram 18%

Desde o início da pandemia, há registo de um aumento de 18% de óbitos que ocorrem em casa e as mortes em investigação subiram 24%. Nos hospitais há uma subida de 5,6% na taxa de …

PCP diz que pandemia é usada como pretexto para intensificar exploração dos trabalhadores

O secretário-geral do PCP consideraque a pandemia de covid-19 está a ser utilizada como pretexto para se tentar fazer regredir décadas em conquistas de direitos, através do que apelidou de "teorias do 'novo normal'". Jerónimo de …

Morreu o bailarino e coreógrafo Jorge Salavisa

O bailarino e coreógrafo Jorge Salavisa, que dirigiu o Ballet Gulbenkian e a Companhia Nacional de Bailado (CNB), morreu esta segunda-feira, aos 81 anos, confirmou à agência Lusa fonte oficial da CNB. A notícia da morte …

Suíça chumbou restrições à entrada de estrangeiros proposta por nacionalistas

Os suíços votaram em referendo, este domingo, contra a imposição de restrições à imigração para cidadãos da União Europeia. Os eleitores rejeitaram por 61,7% a iniciativa popular lançada pela direita populista do SVP, maior partido do …

Portugal com 425 novas infeções e 4 óbitos. Há mais 24 pessoas internadas

Portugal contabiliza esta segunda-feira mais quatro mortos relacionados com a covid-19 e 425 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, Portugal …

Biden critica escolha de Amy Coney Barrett para o Supremo (e acusa Trump de querer eliminar Obamacare)

O candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, acusou hoje o Presidente Donald Trump de querer colocar no Supremo Tribunal dos Estados Unidos uma juíza conservadora para poder eliminar o seguro de saúde Obamacare em …

Ventura ataca Costa: é um "tipo desagradável" com "ar de pai Natal indiano"

Este sábado, em Coimbra, num comício como candidato presidencial, o líder do Chega dedicou várias críticas ao primeiro-ministro, António Costa. André Ventura chegou a Coimbra, pisou o púlpito e, munido de um microfone, criticou duramente o …

Se OE não for aprovado à esquerda, será a "certidão de óbito" do Governo (e o país "vai bater palmas" a Rio)

No seu habitual espaço de comentário na SIC este domingo, Luís Marques Mendes disse acreditar que o Orçamento de Estado para 2021 será aprovado mas, se não for aprovado à esquerda, será a "certidão de …

"Não estamos a salvar o Governo, mas o país". Ana Catarina Mendes pressiona esquerda para aprovar OE2021

A líder parlamentar do Partido Socialista (PS), Ana Catarina Mendes, disse, em entrevista à TSF, que o Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) traduz uma "agenda progressista e de esquerda" e que não há razões para …