Fuga de informação no exame nacional de Português investigada pelo Ministério Público

Marcos Santos / USP Imagens

-

Dias antes do exame nacional de português – que se realizou esta segunda-feira -, circulou na internet o áudio de uma aluna que revelou o que sairia no exame. Podia ser só uma brincadeira, mas a verdade é que saiu mesmo. A fuga, “que terá partido da presidente de um sindicato de professores” e o Ministério Público vai investigar.

Alberto Caeiro, contos e poesia do século XX e a importância da memória: foram estes alguns dos assuntos que saíram no exame nacional de português. Mas antes de entrarem nas salas, muitos eram os alunos que já sabiam o que iam enfrentar através de uma gravação de áudio feita por uma aluna (por identificar) que se tornou viral nas redes sociais.

A decisão de investigar surge na sequência da divulgação do ficheiro que revela informações sobre a prova de Português da primeira fase “e que alegadamente foi difundido antes da aplicação da prova“, adianta o Instituto de Avaliação Educativa – IAVE – numa nota enviada à imprensa.

“Como habitualmente”, o IAVE “vai hoje remeter para a Inspeção-Geral de Educação e Ciência e para o Ministério Público todas as informações de que dispõe sobre o caso para efeitos de averiguação disciplinar e criminal”, sublinha o instituto responsável pela realização dos exames.

Segundo o Expresso, a situação foi denunciada ao Ministério da Educação por Miguel Bagorro, professor na Escola Secundária Luísa de Gusmão, em Lisboa, que teve conhecimento da gravação no sábado, através de um aluno a quem dava explicações de Português.

“Na altura não liguei, até porque todos os anos há boatos a circular sobre o que vai sair nos exames. Mas na segunda-feira, quando vi o que saiu na prova, fiquei estupefacto. O que foi dito na gravação foi exatamente o que saiu. Logo nesse dia, escrevi uma denúncia ao Ministério da Educação”, contou Miguel Bagorro.

Na denúncia que enviou ao Ministério da Educação e ao Júri Nacional de Exames, o professor refere que esta alegada fuga de informação “compromete seriamente a justiça do exame de Português” e defende que este “deveria pura e simplesmente ser repetido”.

“Independentemente de vir ou não a ser anulada, o que me parece óbvio é que tem de haver um controlo muito maior sobre as provas porque o que aconteceu descredibiliza totalmente os exames nacionais”, disse o professor.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Pois, a verdadeira comuna, do sindicato dos professores, a funcionar na sua máxima força e eficácia. E as palavras não são minhas, pelo menos até à última vírgula…
    Quem pensa que um Estado grande e dominante o é igualmente para todos, mais uma vez tem a lição de que somos todos iguais, mas uns mais iguais do que outros. É mais ou menos a história do pastor e do rebanho, ou a diferença entre os que fazem o espectáculo e os que batem palmas…

Veiga pediu a Rangel cunha para o filho entrar na Católica

Rui Rangel terá prometido financiamento partidário a Mendo Castro Henriques - presidente do partido Nós, Cidadãos e professor na Universidade Católica - da parte de José Veiga em troca da entrada do filho no curso …

Coreia do Sul pede desculpas por não ter protegido homem morto no Norte

O Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, pediu esta segunda-feira desculpas pelo assassínio de um homem atingido a tiro por militares norte-coreanos na semana passada, afirmando que o seu Governo falhou a responsabilidade de proteger um cidadão, …

Baixas na Segurança Social. Dois pesos pesados saem em plena crise

A vice-presidente e uma vogal do conselho diretivo do Instituto da Segurança Social abandonaram funções no final de agosto. A razão da saída não foi avançada. No final de agosto, o Instituto da Segurança Social (ISS) …

"Esforço coletivo para salvar o Natal". Nóbeis da Economia querem novo confinamento em dezembro

Esther Duflo e Abhijit Banerjee, prémios Nobel da Economia de 2019, propõem quarentena em França em dezembro, para que seja possível "festejar o Natal". O casal acredita que só assim será possível festejar a quadra …

Venda de vinhos alentejanos para a Suécia disparou (e foi graças à pandemia)

Nunca se tinham vendido tantos vinhos alentejanos para a Suécia como durante o período de confinamento em Portugal. A estratégia menos restritiva dos suecos contra a covid-19 ajuda a explicar esse cenário, verificando-se a mesma …

Spray nasal investigado na Austrália pode travar covid-19 (e tem uma taxa de eficácia de 96%)

É simples: com apenas uma ou duas aplicações por semana, o novo spray pode evitar que as pessoas infetadas com o novo coronavírus contagiem as outras à sua volta. Muito se tem falado sobre uma potencial …

Brad Parscale, ex-diretor de campanha de Trump, hospitalizado após tentativa de suicídio

O antigo diretor digital de campanha de Donald Trump, Brad Parscale, foi hospitalizado depois de a mulher ter alertado para tentativa de suicídio. Brad Parscale, ex-diretor digital de campanha do atual Presidente dos Estados Unidos, Donald …

Variante de SARS-CoV-2 oriunda de Itália marcou início da pandemia. Circulou durante dias sem controlo

O arranque da epidemia em Portugal foi marcado pela “disseminação massiva” de uma variante do SARS-CoV-2 com uma mutação específica, que começou a circular nas regiões Norte e Centro mais de uma semana antes do …

Existem 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas

Existem atualmente em Portugal 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas, revelou esta segunda-feira, em conferência de imprensa, a diretora-geral da Direção-Geral da Saúde, Graça Freitas. Sem identificar especificamente os lares …

Catalunha. Supremo Tribunal espanhol confirma inabilitação de Quim Torra

O Supremo Tribunal espanhol confirmou esta segunda-feira a inabilitação por um ano e meio do presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, por desobediência à junta eleitoral central. O acórdão, aprovado por unanimidade, obriga Torra …