Frio de bater o dente: Termómetros descem a negativos esta semana

Depois de um fim-de-semana em que o frio já se fez notar, as temperaturas vão continuar em valores muito baixos até à próxima quinta-feira. 

De acordo com um comunicado do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), no Interior Norte e Centro, os termómetros podem mesmo descer aos seis graus negativos. Os meteorologistas prevêem o frio mais intenso entre terça e quinta-feira. É tempo de manter os casacos fora do armário.

“As temperaturas mais baixas irão registar-se entre terça e quinta-feira, sendo que, nas capitais de distrito do interior Norte e Centro, a temperatura mínima deverá atingir valores entre -2 e -6 graus Celsius e máxima de 2 a 8. Nas restantes capitais, a máxima deverá atingir 10 a 14 graus e a mínima 0 a 5”, adianta o IPMA.

O vento, que se tornará mais intenso a partir deste domingo (4), em especial no litoral e terras altas, vai ajudar a que a sensação de frio se acentue. De acordo com os dados do  Accuweather, a sensação de temperatura na cidade da Guarda durante terça-feira pode chegar aos -8º.

“Uma vasta região anticiclónica localizada na região dos Açores e uma depressão sobre a Península Ibérica, vão continuar a dar origem ao transporte de uma massa de ar muito frio e seco sobre o território do continente ao longo da próxima semana”, explica a mesma missiva.

Lisboa e Porto ativam planos de contingência para os sem-abrigo

De manhã, fonte da autarquia tinha avançado à agência Lusa que o plano de contingência da Câmara de Lisboa para proteger os sem-abrigo do frio será ativado na segunda-feira a partir das 19:00, prevendo a abertura de locais de apoio e a distribuição de comida e agasalhos.

Informação disponibilizada pelo gabinete dos Direitos Sociais do município aponta que está prevista a “abertura noturna das estações de metro do Rossio, Saldanha, Gare do Oriente e Intendente, com o apoio das várias equipas e parceiros sociais que habitualmente estão em trabalho articulado”.

A partir das 19:00 de segunda-feira, a Câmara de Lisboa vai abrir o Pavilhão Municipal Manuel Castelo Branco, na freguesia de São Vicente, disponibilizando assim espaços de higiene, comida e agasalhos.

O gabinete do vereador Ricardo Robles aponta que “desde o início do inverno, a Câmara Municipal de Lisboa tem estado especialmente atenta às baixas temperaturas devido à sua população mais vulnerável em situação de sem-abrigo”.

Assim, “desde sexta-feira, 2 de fevereiro”, que se encontra acionada a “fase azul” do plano de contingência, que inclui a “abertura antecipada dos centros de acolhimento e reforço das equipas de rua das várias instituições parceiras que distribuem agasalhos e bebidas quentes”.

Este reforço das medidas de apoio às pessoas em situação de sem-abrigo, anunciado por Robles no início de janeiro, está previsto para quando as condições meteorológicas ainda não são suficientes para ativar o plano de contingência.

No sábado, a autarquia já tinha admitido a possibilidade de acionar o plano de contingência, vincando que estava tudo pronto para que tal acontecesse, mas remeteu a decisão para hoje após uma reunião de reavaliação. As equipas de rua estão já avisar os sem-abrigo sobre os locais onde se podem dirigir e os apoios que podem ter nos próximos dias, em que as temperaturas estarão mais baixas.

O plano de contingência da Câmara de Lisboa em relação ao frio é, normalmente, ativado quando se verificam temperaturas mínimas de três ou menos graus celsius por dois dias consecutivos, mas estes critérios podem ser alterados pela sensação térmica.

Também as alterações climáticas têm alterado estes requisitos, segundo fonte oficial da autarquia, que apontou que o plano de contingência acaba por estar sempre disponível para ser ativado.

Entretanto, a Câmara do Porto avalia esta segunda-feira a possibilidade de acionar de imediato o plano de contingência para os sem-abrigo devido ao frio, que inclui o fornecimento de bebidas quentes e a abertura noturna de estações de Metro.

Em resposta à Lusa, o gabinete de comunicação da autarquia afirmou hoje que “a Proteção Civil, os bombeiros e a Ação Social estarão em permanente avaliação das condições climatéricas e acionarão, logo que se justifique, o plano de contingência para os sem-abrigo”.

“Pelas previsões atuais, o plano será acionado segunda-feira. No entanto, amanhã de manhã será feita nova avaliação”, acrescenta a Câmara do Porto. Em caso de situações climatéricas adversas, como frio extremo, “o antigo Hospital Joaquim Urbano, atualmente a funcionar como centro de acolhimento, está preparado para receber os sem-abrigo, prestando cuidados primários de saúde e fornecendo comida e bebidas quentes”.

Este ano, salienta a autarquia, “com a colaboração do Exército, a capacidade de acolhimento será reforçada com camas suplementares“. À semelhança do que já tem acontecido em anos anteriores, também “as estações de Metro do Bolhão e da Casa Música são abertas durante a noite para dar abrigo e minorar as condições adversas provocadas pelo frio” Na rua, durante a noite, as equipas da Ação Social irão distribuir cobertores e bebidas quentes”, conclui a Câmara do Porto.

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Srs: P.f. esclareçam-me. A temperatura mede-se em que unidades?
    Centígrados, Celsius ou segundos?

    “atingir valores entre -2 e -6 graus centígrados e máxima de 2 a 8 graus Celsius. Nas restantes capitais, a máxima deverá atingir 10 a 14 graus e a mínima 0 a 5”, adianta o IPMA.”

    • Caro JM,
      Como deve saber, no Sistema Internacional pode medir-se a temperatura na escala centígrada ou na escala Fahrenheit. Na escala centígrada, usada em Portugal, podem usar-se como unidade os graus Kelvin ou Celsius – este últimos também designados Graus Centígrados, designação que caiu em desuso e que optámos por remover. Os graus Kelvin dão mais jeito quando estamos a ver filmes de ficção científica com personagens de fato espacial a vaguear no vazio, os Celsius quando estamos a falar das temperaturas a que a água congela, o banho está bom ou o ovo coze.
      Também deve saber que “segundos” é uma unidade de tempo. Poderíamos todos ter poupado alguns, se tivesse resistido à tentação de fazer a piada dos 5”, sabendo que na realidade o que está escrito não são duas plicas, mas a aspa que fecha a citação que começa em “As temperaturas mais baixas…”
      Obrigado ainda assim pelo reparo, e pelo momento de descontracção.

  2. Caro ZAP,
    No sistema internacional não existe nem uma coisa nem outra. (centígrado ou fahrenheit)
    Na tabela de unidades de base do Sistema Internaccional (SI) a unidade de temperatura termodinâmica é o Kelvin. A escala Fahrenheit não faz parte do Sistema internacional (SI).
    Não se usa o Kelvin para filmes de ficção científica e o grau Celsio para medir a temperatura a que água congela.
    Se dizem que o centígrado caiu em desuso e acabar por remover, porque usam?
    Já agora é Kelvin e não grau Kelvin a o centígrado é centésima parte do grado tal como o centímetro é a centésima parte do metro.

RESPONDER

Ventura quer ser Sá Carneiro do século XXI e ter juventude partidária

O presidente do Chega vai apresentar-se este fim de semana em Évora para a II Convenção Nacional do partido populista de direita como “o principal continuador em Portugal” de Sá Carneiro, o falecido líder fundador …

Alemanha tem provas materiais de que Maddie está morta

As autoridades alemãs têm provas materiais de que Madeleine McCann está morta, garante o porta-voz da Procuradoria de Braunschweig, Hans Christian Wolters, à RTP. Apenas está por provar o envolvimento de Christian Brueckner no homicídio …

BE quer que direito das grávidas a acompanhante seja respeitado

O Bloco de Esquerda (BE) quer que as normas da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre gravidez e parto no âmbito da covid-19 sejam revistas para que o direito das mulheres grávidas a estarem acompanhadas seja …

Proposta do PCP para passar Novo Banco para esfera pública foi chumbada

A recomendação ao Governo proposta pelo PCP para reverter da venda do Novo Banco, transferindo-o para a esfera pública, foi hoje chumbada no parlamento com os votos contra de PS, PSD, CDS-PP, PAN, Iniciativa Liberal …

Trump ataca voto por correspondência. Resultados podem não ser "determinados de forma precisa"

O Presidente dos EUA, Donald Trump, reforçou na quinta-feira no Twitter os ataques ao voto por correspondência nas eleições de novembro, ao que a rede social reagiu ligando duas das suas mensagens a informação verificada …

Quatro candidatos disputarão sucessão de Santana no Aliança

O novo líder do Aliança, que sucederá ao fundador do partido, Pedro Santana Lopes, vai ser escolhido entre quatro candidatos no próximo congresso nacional, agendado para 26 e 27 de setembro em Torres Vedras. Segundo noticiou esta …

Recomendação do PS para tarifa social de Internet sem oposição (mas partidos querem mais)

A recomendação do PS ao Governo para que crie uma tarifa social de acesso à Internet não mereceu esta quinta-feira oposição de nenhuma bancada, mas foram vários os partidos que defenderam a necessidade de “ir …

Ex-deputado PS acusado de uso abusivo de viaturas da Câmara de Barcelos

O Ministério Público acusou de peculato e abuso de poderes o ex-deputado socialista Domingos Pereira, pela alegada utilização de viaturas do município de Barcelos para deslocações de e para a Assembleia da República. Segundo nota publicada …

Quim Torra acusa Governo espanhol de tentar "excluir um presidente no meio de uma pandemia"

Um recurso do presidente separatista catalão Quim Torra contra uma condenação por desobediência que pode afastá-lo do exercício de cargos públicos durante ano e meio foi analisado na quinta-feira pelo Supremo Tribunal de Espanha. Antes …

Cinco anos depois, Volkswagen nega reembolso a 125 mil portugueses lesados

A marca alemã Volkswagen respondeu à Deco Proteste, cinco anos após o caso "dieselgate", informando que não irá indemnizar mais consumidores, tendo em vista os processos judiciais em curso. Segundo noticiou esta sexta-feira a Madremedia, em …