Fome causada pelo coronavírus mata 10 mil crianças todos os meses

A cada mês que passa, 10 mil crianças morrem devido à fome causada pela pandemia do novo coronavírus. Há ainda 500 mil crianças malnutridas todos os meses.

A pandemia do novo coronavírus está a intensificar problemas que há muito assombravam a humanidade, sendo a fome um deles. Tomando o exemplo da Burkina Faso, com os mercados fechados por causa das restrições sanitárias, várias famílias estão a atravessar dificuldades. Ou porque não podem vender os seus bens ou porque não os podem comprar como antes.

O The Washington Post escreve que, um pouco por todo o mundo, as restrições impostas pela pandemia estão a afetar comunidades já famintas, isolando as aldeias de cuidados médicos e alimentos.



É nestas circunstâncias que, neste momento, morrem 10 mil crianças mensalmente devido à fome causada pela pandemia de covid-19. A informação é avançada pelas Organização das Nações Unidas, que se preparam para publicar um estudo com os resultados da investigação nestes primeiros tempos do novo coronavírus.

Adicionalmente, há ainda 500 mil crianças que, mensalmente, sofrem de malnutrição. Isto significa que, ao fim de um ano, haverá mais 6,7 milhões de crianças com este problema.

“Os efeitos da segurança alimentar da crise da covid vão-se refletir durante muitos anos a partir de agora”, disse Francesco Branca, chefe de nutrição da Organização Mundial da Saúde (OMS). “Haverá um efeito social”.

A pandemia de covid-19 já matou pelo menos 694.507 pessoas em todo o mundo desde que o vírus foi detetado na China, em dezembro, refere o último balanço feito pela Agência France-Presse (AFP) com base em dados oficiais.

Mais de 18.324.580 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados em 196 países e territórios, dos quais pelo menos 10.707.500 já foram considerados curados.

O número de casos diagnosticados só reflete, no entanto, uma fração do número real de infeções, já que alguns países testam apenas casos graves, outros fazem os testes para rastreio e muitos países mais pobres têm uma capacidade limitada de fazer testes.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Pelos dados aqui descritos, morrendo 10 mil crianças por dia, pode-se dizer que SÓ crianças morreram na pandemia mais de 1,5 milhões por FOME, mais do dobro do covid19, daí conclui-se que a pandemia afinal é a fome e subnutrição, faltando ainda todas as doenças não tratadas e neurológicas futuras devido ao confinamento.

RESPONDER

Um habitat demasiado perfeito pode ser pior para o acasalamento dos pandas

Apesar de serem necessários habitats para a sobrevivência dos pandas gigantes, estes animais têm uma maior tendência para reproduzir se não houver abundância de recursos. Este ano, as autoridades chinesas disseram que os pandas gigantes deixaram …

Computador quântico ajuda a criar um computador quântico melhor

Um computador quântico foi usado para projetar um qubit aprimorado que poderá alimentar a próxima geração de computadores quânticos mais pequenos, de alto desempenho e mais confiáveis. Da mesma forma que um bit binário é a …

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …