Festival de Cinema de Berlim abre hoje com dois filmes portugueses na programação

DR

"Rabo de Peixe", de Joaquim Pinto e Nuno Leonel

“Rabo de Peixe”, de Joaquim Pinto e Nuno Leonel

Os documentários “Rabo de Peixe”, de Joaquim Pinto e Nuno Leonel, e “Iec Long”, de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, fazem parte da programação do Festival de Cinema de Berlim, que tem início esta quinta-feira.

Os dois filmes foram selecionados para a secção Fórum do festival alemão, dedicada a ensaios visuais e a obras mais experimentais, vanguardistas, seja em ficção ou documentário.

Rabo de peixe” terá a primeira exibição no dia 7 e “Iec Long” no dia 10.

Joaquim Pinto e Nuno Leonel, autores do premiado “E agora? Lembra-me”, apresentam em Berlim uma nova montagem de um documentário rodado entre 1999 e 2003 em São Miguel, Açores, sobre uma comunidade ligada à pesca artesanal e sobre a relação dos pescadores com o mar e a morte.

“Iec Long”, curta-metragem já exibida em Portugal, no festival Porto/Post/Doc, é a mais recente colaboração entre João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata. Novamente rodado em Macau, o filme é sobre uma antiga fábrica de panchões, cartuchos de pólvora que se queimam habitualmente no Ano Novo Chinês.

No âmbito do Festival de Berlim acontece ainda o “Berlin Talents”, um fórum com debates e encontros para jovens profissionais de todo o mundo. Este ano, neste encontro, participam o realizador André Godinho, o ator Miguel Nunes, a produtora Joana Gusmão e o produtor Júlio Alves.

A artista plástica portuguesa Filipa César, que tem dedicado particular atenção ao arquivo fílmico da Guiné-Bisssau, participará num encontro, com o realizador guineense Flora Gomes, sobre cinema e memória.

O secretário de Estado da Cultura, Jorge Barreto Xavier, estará presente na abertura, no âmbito de uma deslocação oficial à Alemanha, que envolve negociações para uma atualização do acordo de coprodução de obras cinematográficas luso-alemãs.

A 65ª edição do Festival de Cinema de Berlim abrirá com o filme “Nadie quiere la noche”, da realizadora espanhola Isabel Coixet, protagonizado por Juliette Binoche.

Além do filme de Coixet, a competição pelo Urso de Ouro – o prémio máximo da Berlinale – conta ainda com filmes como “Knight of cups”, de Terrence Malick, “Taxi”, de Jafar Panahi, “Queen of the desert”, de Werner Herzog, “Journal d’une femme de chambre”, de Benoit Jacquot, “El Club”, de Pablo Larraín, “El botón de nácar”, de Patricio Guzmán, e “Eisenstein in Guanajuato”, de Peter Greenaway.

O júri é presidido pelo realizador Darren Aronofsky. O realizador alemão Wim Wenders receberá um Urso de Ouro de Carreira e exibirá, fora de competição, “Everything wil be fine”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Holanda reduz velocidade máxima nas autoestradas em prol da qualidade do ar (e deixa o primeiro-ministro "muito infeliz")

O Governo holandês vai baixar os limites de velocidade nas autoestradas do país para travar as emissões de monóxido de nitrogénio, que contribui para a degradação da camada de ozono. O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou …

Facebook para iOS utiliza câmara do iPhone sem que o utilizador note

Há um erro na aplicação do Facebook para iOS - sistema operativo do iPhone - que liga a câmara do telemóvel sem que o utilizador se aperceba quando este faz scrool no feed de …

Tesla vai abrir a sua primeira fábrica na Europa

O construtor de carros elétricos Tesla vai abrir uma fábrica nos arredores de Berlim, anunciou o presidente executivo da empresa, Elon Musk, na terça-feira à noite ao receber um prémio na capital alemã. “Tenho uma informação …

Continental vai contratar 300 engenheiros para o Porto

A Continental vai instalar no Porto um centro de desenvolvimento de tecnologias que poderá empregar "cerca de 300 engenheiros" e apoiará o desenvolvimento de soluções para veículos elétricos, condução autónoma e cibersegurança, anunciou esta quarta-feira …

Comissão Europeia aprova comercialização da primeira vacina para o Ébola

A Comissão Europeia anunciou no início da semana que concedeu uma autorização para a comercialização da primeira vacina contra o Ébola, designada Ervebo e produzida pela farmacêutica Merck. A vacina estava a ser produzida desde o …

Facebook lança o seu próprio MB Way

O Facebook lançou nos Estados Unidos uma nova funcionalidade para facilitar pagamentos através das quatro principais aplicações do grupo, que é semelhante ao funcionamento das transações com o MB Way. Em comunicado, Deborah Liu, responsável do …

O dilema dos chumbos, o "engano" de Ventura e o "falso liberal". O primeiro debate aqueceu

O primeiro debate quinzenal da legislatura arrancou esta quarta-feira e ficou marcado pelas retenções até ao 9.º ano - Chumba ou não chumba?, quis saber a direita, bem como pelo aumento do salário mínimo nacional …

Sondagem europeia defende tratado internacional que proíba "robôs assassinos"

Quase três em cada quatro pessoas querem que o seu governo colabore com outros países para proibir sistemas letais de armas autónomas. A organização não-governamental Human Rights Watch (HRW) divulgou esta quarta-feira os resultados de uma …

Pentágono está a criar bactérias que detetam explosivos no subsolo

O Pentágono, em conjunto com a empresa de defesa Raytheon, está a desenvolver um sistema capaz de produzir bactérias geneticamente modificadas no subsolo, com o objetivo de detetar explosivos no subsolo. Neste projeto, iniciado pela Agência …

Hospitais voltam a não poder aumentar número de trabalhadores sem visto da tutela em 2020

Os hospitais vão continuar em 2020 impedidos de aumentar o número de trabalhadores sem a autorização prévia do Ministério da Saúde, segundo um despacho a que a agência Lusa teve acesso. O despacho assinado pelo secretário …