Fernando Medina diz que se dependesse de si, o Chega seria ilegalizado

CML

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina.

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, admitiu que a questão da ilegalização do Chega venha eventualmente a colocar-se.

Fernando Medina disse, em entrevista ao Observador, não ter dúvidas sobre o carácter “xenófobo, racista e intolerante” do Chega e criticou o PSD pelo acordo feito com o partido.

Questionado sobre porque não houve um movimento para pedir ao Tribunal Constitucional que ilegalize o Chega, Medina disse não saber, mas admite que “essa questão venha a pôr-se”.

No que depender de si, Medina afirmou que o Chega seria ilegalizado. “Aliás, nem vejo responsáveis da direção nacional do PSD a negar o que são elementos identitários do Chega porque eles fazem parte. Vemos movimentos de extrema direita, xenófoba racista e intolerante, que não são novos no nosso país”, atirou.

“Não vejo nenhum bom resultado que o PSD retire disto que não seja a sua fragilização”, atirou o autarca lisboeta. E vai mais longe ainda: “O que se traduziu para o plano nacional é uma legitimação completa do Chega”.

“No dia em que Governo do PS cair o que estará como alternativa será um governo liderado pela direita com o apoio do Chega”, disse ainda Fernando Medina, admitindo que o Governo atravessa um momento sensível.

Em relação às eleições nos Açores, o socialista defendeu as suas próprias cores e disse que preferia que o PS tivesse ganhado com maioria absoluta. “Além de não termos conseguido essa maioria, não existiram condições para uma maioria parlamentar à esquerda no quadro do Parlamento açoriano”, acrescentou.

O acordo com o Chega pode trazer consequências para o PSD e Medina admite mesmo que “é profundamente negativo para o país”. Ainda para mais, “integrou na normalização do debate político uma parte importantíssima do Chega que faz parte do elemento identitário que é contrária a valores fundamentais de direitos humanos, de tolerância, de vida em comunidade”.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. É triste quando um político,revela a sua tendência para a prepotência, e assume que quem não pensa como ele, devida ser aniquilado, antigamente tínhamos o hitler e o Staline , mas actualmente já começa a ser difícil ver um político tão ditadorcomo este. Tenha juízo Sr Medina e respeite a opinião dos outros.

  2. So’ os trocas tintas e’ que concordam com o ventura. Se uns tem ideias a apresentar contra tudo e todos, e depois ja’ estao a favor do que eram contram, nao sabem se defenir, o melhor e’ ser excluido o partido que formou. Revelam que procuram taxo! Pois nao conseguiram arranjar em mais lado nehum.

  3. E se dependesse de mim, este artista já estava preso há muito. Fiquei sempre por perceber o ajuste direto à Teixeira Duarte e a compra meses antes do seu imóvel por uma bagatela, quando no mesmo período o andar que vendia valorizou substancialmente. Esta notícia foi veiculada na imprensa e nunca percebi como foi o desfecho. Mas a ser verdade o que era relatado nessa notícia, não percebo como é que este artista ainda anda solto.

RESPONDER

Mais duas baixas por covid-19. Benfica desfalcado para jogo com o Braga

Depois de Waldschmidt, Gilberto, Vertonghen, Diogo Gonçalves e Grimaldo, também Otamendi e Nuno Tavares estão infetados com covid-19 e, consequentemente, fora do jogo com o Sporting de Braga. O surto de covid-19 no SL Benfica deixou …

De norte a sul do país, autarcas pressionam Governo para fechar escolas

Os diretores escolares esclarecem que não têm qualquer autonomia para encerrar escolas, dependendo essa decisão de um parecer da entidade de saúde pública local e da confirmação por parte dos serviços do Ministério da Educação. …

Muito mais do que tabaco. Cientistas identificam drogas tomadas pelos maias em recipientes antigos

Uma equipa de cientistas da Washington State University identificou a presença de planta que não é do tabaco em recipientes de drogas dos antigos maias. Os investigadores detetaram "marigold mexicana" (Tagetes lucida) em resíduos retirados de …

Pico na primeira semana de fevereiro. Mesmo confinando, modelo prevê 1154 doentes em UCI

Portugal deverá ter 1.154 doentes internados em cuidados intensivos num pico na primeira semana de fevereiro, mesmo com um confinamento igual ao de março, avança um modelo da NOVA Information Management School. Portugal deverá duplicar o …

Biden assume leme dos EUA. Trump concede 140 perdões (e pede que se "reze" pelo sucessor)

Joe Biden assume esta quarta-feira o leme dos Estados Unidos. Porém, antes de sair, o Presidente cessante, Donald Trump, perdoou e comutou penas a mais de 140 pessoas. Nas horas finais da sua presidência, Donald Trump …

Ouvir música clássica enquanto faz exercício? A Ciência sugere que sim

Estudos sugerem que, ao contrário daquilo que pensa, ouvir música clássica enquanto se pratica exercício físico pode ajudá-lo no seu treino. Para muitas pessoas, uma parte essencial de qualquer regime de exercício é a música que …

“Não queiram fazer mistérios onde não existem”. UE encerrou caso do procurador europeu

A União Europeia (UE) deu por "encerrado" o caso do procurador europeu José Guerra e dos lapsos no seu currículo enviado pelo Governo. “A reunião dos membros do Conselho da UE decorreu na segunda-feira e …

Jack Ma reaparece após estar "desaparecido" quase três meses

O bilionário fundador do gigante do comércio eletrónico chinês Alibaba reapareceu, esta quarta-feira, numa reunião virtual com professores rurais, após meses de incerteza sobre o seu paradeiro. No vídeo, publicado no site do jornal chinês Tianmu …

Jesus voltou a testar negativo. Benfica confirma presença na Taça da Liga

O treinador do Benfica voltou a testar negativo ao novo coronavírus, num segundo teste realizado esta terça-feira, dia em que o clube anunciou ter 17 casos de infeção na sua estrutura profissional de futebol. "O Benfica …

Novas regras do confinamento entram em vigor esta quarta-feira (mas há exceções nos horários)

As novas medidas de restrição para travar a pandemia de covid-19 em Portugal entraram em vigor às 0h desta quarta-feira no âmbito do estado de emergência em vigor no país.  O primeiro-ministro anunciou esta segunda-feira que …