FC Porto declarado campeão? “Seria uma bomba atómica”, diz Bruno de Carvalho

Rodrigo Antunes / Lusa

O antigo presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, considera que seria uma como uma “bomba atómica” se o campeonato português de futebol fosse dado como terminado e o FC Porto, líder da competição, fosse declarado campeão.

No entender de Bruno de Carvalho, que fazia uma análise ao campeonato português e ao seu eventual desfecho na rede social YouTube, a situação seria diferente se fosse o Benfica que liderasse o campeonato português e não os dragões.

“Se estivesse o Benfica em primeiro o campeonato estava acabado e o Benfica era declarado campeão”, afirmou o antigo líder dos leões, reforçando que seria uma “bomba atómica” se o FC Porto fosse declarado campeão desta forma.

“Declarar o FC Porto campeão seria engraçado. Posso meter as mãos no fogo em como isso não se vai verificar. Se a UEFA definisse que o campeonato acabava agora, a Federação não o aceitaria nunca”, frisou Bruno de Carvalho no seu comentário semanal.

A Federação Portuguesa de Futebol cancelou todas as competições de futebol e futsal em meados de março, visando conter a propagação da pandemia de covid-19.

Campeonato Portugal, Taça de Portugal e Liga Revelação, bem como a Liga feminina, ficaram suspensos por tempo indeterminado.

No caso da primeira liga de futebol, a competição foi cancelada à jornada 25, a dez partidas do fim programa da competição. O FC Porto é líder do campeonato com 60 pontos, mais um do que o Benfica. Na tabela classificativa segue-se depois o Sporting de Braga (46 pontos), o Sporting (42 pontos) e o Rio Ave (38 pontos).

É “prematuro” e “injustificado” terminar campeonatos

A UEFA considera ser “prematura” e “injustificada” a decisão de suspender em definitivo qualquer liga nacional, cuja esmagadora maioria está suspensa devido à pandemia.

Em carta dirigida a federações, ligas e clubes, a que a agência noticiosa AFP teve acesso, a UEFA diz-se “confiante” no regresso à atividade das provas nacionais “nos próximos meses”, em contraponto com o que foi decidido pela Liga belga, que recomendou o fim do campeonato principal da época 2019/20.

A mensagem da UEFA, assinada pelo presidente Aleksander Ceferin, é apresentada conjuntamente com a Associação Europeia de Clubes e a Associação de Ligas Europeias.

“Pensamos que qualquer decisão de abandonar as competições domésticas é, neste momento, prematura e injustificada”, lê-se, com a UEFA a esperar que os campeonatos se possam concluir, mas também as competições europeias, em julho ou agosto.

A Liga belga decidiu na quinta-feira recomendar o fim da época 2019/20 com a classificação atual – o que fará do Club Brugge campeão -, uma decisão que terá ainda que ser ratificada em assembleia geral, em 15 de abril.

ZAP //

 

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • Concordo em absoluto. Nem compreendo como é que a comunicação socil procura e transmite opiniões de certas pessoas. Porquê?

  1. Lá que ele até tenha razão nem será necessário fazer grande esforço olhando todo o passado do futebol português, mas perder tempo a ouvi-lo acho desnecessário.

  2. Melhor a liga ficar sem campeão assim o Sporting em vez de pedir mais 4 campeonatos pode pedir mais 5. Quanto a Bruno de Carvalho, presumível terrorista por incitamento aos acontecimentos de Alcochete, vamos a ver o resultado no final pois ainda há recursos, devia ter vergonha e nunca mais aparecer em publico, mas vergonha é coisa que gente deste calibre não tem.

  3. Acho engraçado alguns comentários que por aqui andam.
    O próprio ministério público pediu a absolvição do homem e continuam a chamá-lo de criminoso! Se eu fosse o bruno do caralho metia estes parolos todos em tribunal.

Papa Francisco defende distanciamento social e é criticado por radicais de direita

Num artigo no New York Times sobre o Dia de Ação de Graças, o Papa Francisco defendeu as restrições levantadas para combater a pandemia covid-19, acabando por ser criticado por alguns radicais de direita, que …

Dez empresas e três pessoas acusadas no caso do vulcão na Nova Zelândia que fez 22 mortes

Dez empresas e três pessoas foram acusados de não cumprirem obrigações de segurança quando um vulcão na Nova Zelândia entrou em erupção em 2019, matando 22 pessoas, anunciou hoje a agência responsável pelas normas de …

Taxa de desemprego desce em setembro para os 7,9%

A taxa de desemprego recuou em setembro para 7,9%, menos 0,2 pontos do que em agosto e mais 1,4 pontos que no mesmo mês de 2019, segundo dados esta segunda-feira anunciados pelo Instituto Nacional de …

Multinacionais com mais respeito pelos direitos humanos e ambiente? Suíços dizem não

A Suíça rejeitou este domingo, em referendo, uma iniciativa que queria impor obrigações legais mais rígidas às empresas, no que se refere ao respeito pelos direitos humanos e padrões ambientais, segundo projeções adiantadas por instituto …

Brasil. Forças alternativas a Bolsonaro e Lula conquistam metade das capitais estaduais

Na segunda volta das municipais brasileiras, disputadas em 57 dos 5565 municípios do país e envolvendo mais de 38 milhões de eleitores, os políticos apoiados pelo Presidente Jair Bolsonaro e os candidatos do Partido dos …

Surto de gripe aviária no Reino Unido origina o abate de 10 mil perus

Mais de 10 mil perus vão ser abatidos no Reino Unido, devido a um surto de gripe aviária detetado numa quinta na cidade de Yorshire, no norte do país, anunciou este domingo o Governo britânico. Segundo …

Portugal com mais 78 mortos e 3.262 novos casos

Portugal contabiliza esta segunda-feira mais 78 mortos relacionados com a covid-19 e 3.262 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, Portugal já registou 4.505 …

Ministra da Saúde timorense ordena apagar referências a uso de preservativos em cartazes

A ministra da Saúde timorense ordenou retirar a recomendação de uso de preservativo em cartazes distribuídos pelo país para marcar o Dia Mundial de Luta contra a SIDA, por oposição “moral” ao que considera ser …

Messi marcou na goleada do Barça e homenageou Maradona

O Barcelona regressou neste domingo às vitórias na Liga espanhola de futebol e subiu ao sétimo lugar da prova, ao golear por 4-0 na recepção ao Osasuna, em jogo da 11.ª jornada, marcado por homenagens …

Austrália exige pedido de desculpa à China após publicação de imagem no Twitter

O primeiro-ministro australiano, Scott Morrison, exigiu esta segunda-feira um pedido de desculpas da China por causa de uma publicação na rede social Twitter divulgado por um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês. "O Governo chinês …