FBI conseguiu desbloquear iPhone do terrorista de San Bernardino

sparktography / Flickr

-

O FBI conseguiu desbloquear o iPhone 5c que pertencia ao terrorista islâmico que atacou colegas em San Bernardino. A Apple não foi envolvida na solução e não tem conhecimento da técnica usada.

Parco em detalhes, o FBI anunciou apenas que está a analisar os conteúdos do smartphone, sem explicar como conseguiu entrar num iPhone bloqueado.

Na semana passada, o maior diário de Israel avançou que a empresa local Cellebrite estaria a ajudar o FBI, depois de o Departamento de Justiça norte-americano ter pedido ao tribunal de Riverside que adiasse a audiência com a Apple.

Esta segunda-feira, o Departamento finalizou o processo requerendo ao tribunal que anule a ordem dada à Apple em fevereiro, quando foi solicitado que a empresa desenvolvesse software específico para arrombar o smartphone.

“A nossa decisão de concluir o litígio baseou-se somente no facto de, com a assistência recente de terceiros, conseguimos agora desbloquear o iPhone sem comprometer a informação contida nele”, explicou a procuradora Eileen Decker, que assinou o pedido entregue em tribunal.

Os iPhones têm uma funcionalidade de segurança que formata todos os conteúdos no caso de 10 tentativas erradas de acesso; a solução encontrada pelo FBI contornou este obstáculo.

Ainda assim, grupos de defesa de direitos e liberdades civis garantem que a batalha não fica por aqui. O FBI tem pelo menos uma dúzia de outros pedidos de acesso a iPhones bloqueados, com várias versões do sistema operativo iOS, e não é claro que a técnica usada neste 5c seja aplicada ou funcione nos restantes casos.

Entretanto, a Apple divulgou um comunicado onde afirma que desde o início do processo se opôs ao pedido do FBI para criar um backdoor para o iPhone porque isso colocaria os seus utilizadores em risco e abriria precedentes perigosos.

A empresa garantiu ainda que continuará a contribuir com as investigações para ajudar na aplicação da lei, mas que também continuará a trabalhar para aumentar a segurança dos seus dispositivos contra ameaças e ataques aos dados, já que a cada dia tais ameaças se tornam mais frequentes e mais sofisticadas.

A Apple declarou ainda que todas as pessoas merecem privacidade, segurança e proteção dos seus dados, e que a suspensão desses direitos acaba por colocar toda a população em risco.

B!T / Canal Tech

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Das duas, três… Ou a Apple decidiu cooperar sob compromisso do FBI dizer que não foram eles, ou o FBI não desbloquou coisíssima nenhuma e resolveu inventar sobre o que lá encontrou dentro, de acordo com o que melhor lhe convém.
    Agora, o FBI ter desbloquado o iPhone sozinho ou com ajuda de uma empresa Israelita?.. Conta outra!

    • Não percebo o porquê dessa afirmação. O próprio John McAfee disse que o fazia sem qualquer problema.. e sinceramente acredito bem nisso!

  2. Agora a questão é mesmo essa, só acredita quem quer…
    E o que cada vez mais, diz esta experiência de vida,
    é que andais todos a ser enganados como meninos….
    Deixai-vos andar…

RESPONDER

Estivadores vão fazer greve em Setúbal e ameaçam fazer o mesmo em Lisboa

O Sindicato dos Estivadores e Atividade Logística (SEAL) revelou esta sexta-feira que vai entregar já na segunda-feira um pré-aviso de greve no Porto de Setúbal e ameaça fazer o mesmo no Porto de Lisboa. “Os trabalhadores …

Segundo maior diamante transforma-se em joias Louis Vuitton

Depois de cortado e polido, o segundo maior diamante da história será transformado numa coleção de joias da Louis Vuitton. A Lucara Diamond encontrou o diamante Sewelo, de 1.758 quilates, na sua mina do Botswana, no …

Filho do presidente da Câmara de Pedrógão Grande "sem memória" no caso da reconstrução de casas

O adjunto do presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Telmo Alves, que também é filho do autarca, disse em Tribunal que desconhece o processo de reconstrução das casas ardidas no incêndio no concelho, em 2017, …

Joacine não está inscrita no congresso do Livre

De acordo com o semanário Expresso, a deputada única do Livre não se inscreveu na reunião magna do partido, que se realiza este fim de semana, em Lisboa. A deputada do Livre, Joacine Katar Moreira, e …

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE aos contratos individuais do Estado e aos precários regularizados no PREVPAP, disse Alexandra Leitão, esta sexta-feira, no Parlamento. A ministra da Modernização do Estado e da Administração …

Países "lutam" por fundos europeus para neutralizar emissões de carbono

Um novo fundo de 100 mil milhões destinado a neutralizar as emissões de dióxido de carbono na Europa até 2050 está em disputa por vários países. A Comissão Europeia quer implementar um fundo de 100 mil …

Tribunal japonês suspende atividade de reator nuclear que tinha recebido luz verde

Um tribunal no Japão ordenou esta sexta-feira que o reator nuclear da central de Ikata (oeste do país) pare por razões de segurança, numa decisão que revoga uma anterior que deu luz verde ao seu …

Panamá. Sete corpos encontrados em vala comum em área indígena controlada por seita religiosa

Os corpos de sete pessoas foram encontrados na quinta-feira numa vala comum numa área indígena do Panamá controlada por uma seita religiosa, entre eles o de uma grávida e cinco dos seus filhos. Outras 15 …

Deixar de dar aulas com mais de 60 anos só no pré-escolar e 1.º ciclo

A possibilidade de os professores com mais de 60 anos deixarem de dar aulas para "desempenhar outras atividades", prevista no Orçamento do Estado de 2020, será apenas aplicada ao pré-escolar e 1.º ciclo, esclareceu o …

Aumento extra de dez euros pode beneficiar 1,6 milhões de pensionistas

O aumento extra de dez euros nas reformas até 658,2 euros, confirmado esta quinta-feira pelo secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, pode vir a beneficiar cerca de 1,6 milhões de pensionistas. A estimativa é avançada …