FBI conseguiu desbloquear iPhone do terrorista de San Bernardino

sparktography / Flickr

-

O FBI conseguiu desbloquear o iPhone 5c que pertencia ao terrorista islâmico que atacou colegas em San Bernardino. A Apple não foi envolvida na solução e não tem conhecimento da técnica usada.

Parco em detalhes, o FBI anunciou apenas que está a analisar os conteúdos do smartphone, sem explicar como conseguiu entrar num iPhone bloqueado.

Na semana passada, o maior diário de Israel avançou que a empresa local Cellebrite estaria a ajudar o FBI, depois de o Departamento de Justiça norte-americano ter pedido ao tribunal de Riverside que adiasse a audiência com a Apple.

Esta segunda-feira, o Departamento finalizou o processo requerendo ao tribunal que anule a ordem dada à Apple em fevereiro, quando foi solicitado que a empresa desenvolvesse software específico para arrombar o smartphone.

“A nossa decisão de concluir o litígio baseou-se somente no facto de, com a assistência recente de terceiros, conseguimos agora desbloquear o iPhone sem comprometer a informação contida nele”, explicou a procuradora Eileen Decker, que assinou o pedido entregue em tribunal.

Os iPhones têm uma funcionalidade de segurança que formata todos os conteúdos no caso de 10 tentativas erradas de acesso; a solução encontrada pelo FBI contornou este obstáculo.

Ainda assim, grupos de defesa de direitos e liberdades civis garantem que a batalha não fica por aqui. O FBI tem pelo menos uma dúzia de outros pedidos de acesso a iPhones bloqueados, com várias versões do sistema operativo iOS, e não é claro que a técnica usada neste 5c seja aplicada ou funcione nos restantes casos.

Entretanto, a Apple divulgou um comunicado onde afirma que desde o início do processo se opôs ao pedido do FBI para criar um backdoor para o iPhone porque isso colocaria os seus utilizadores em risco e abriria precedentes perigosos.

A empresa garantiu ainda que continuará a contribuir com as investigações para ajudar na aplicação da lei, mas que também continuará a trabalhar para aumentar a segurança dos seus dispositivos contra ameaças e ataques aos dados, já que a cada dia tais ameaças se tornam mais frequentes e mais sofisticadas.

A Apple declarou ainda que todas as pessoas merecem privacidade, segurança e proteção dos seus dados, e que a suspensão desses direitos acaba por colocar toda a população em risco.

B!T / Canal Tech

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Das duas, três… Ou a Apple decidiu cooperar sob compromisso do FBI dizer que não foram eles, ou o FBI não desbloquou coisíssima nenhuma e resolveu inventar sobre o que lá encontrou dentro, de acordo com o que melhor lhe convém.
    Agora, o FBI ter desbloquado o iPhone sozinho ou com ajuda de uma empresa Israelita?.. Conta outra!

    • Não percebo o porquê dessa afirmação. O próprio John McAfee disse que o fazia sem qualquer problema.. e sinceramente acredito bem nisso!

  2. Agora a questão é mesmo essa, só acredita quem quer…
    E o que cada vez mais, diz esta experiência de vida,
    é que andais todos a ser enganados como meninos….
    Deixai-vos andar…

RESPONDER

Primeiro não flutuava. Agora o novo submarino espanhol não cabe nas docas

Primeiro não flutuava, por excesso de peso, e agora, não cabe nas docas. O novo submarino da Marinha Espanhola é um embaraço para a Defesa do país vizinho e um caso flagrante de derrapagem, com …

Quase um milhão de refeições escolares desperdiçadas

Quase um milhão de refeições escolares que tinham sido encomendadas foram desperdiçadas porque os alunos faltaram, revela o relatório anual do ministério da Educação sobre cantinas concessionadas a privados. Entre setembro do ano passado e 31 …

Arrojada no céu: Aston Martin apresenta carro voador de luxo

A Aston Martin apresentou recentemente o Volante Vision Concept, uma aeronave arrojada e futurista destinada a transportar passageiros em voos de médias e longas distâncias. A Aston Martin pôs em cima da mesa as suas soluções …

Marta Soares recusa candidatura de Bruno de Carvalho

Bruno de Carvalho tentou formalizar a sua candidatura à presidência do Sporting, esta quarta-feira, tendo sido prontamente recusada por Jaime Marta Soares. O advogado de Bruno de Carvalho, Pedro Proença, deslocou-se esta quarta-feira ao Estádio de …

Hungria retira-se de pacto mundial sobre as migrações aprovado na ONU

A Hungria, com um Governo abertamente hostil à imigração, declarou que se retira do pacto mundial sobre as migrações aprovado, na semana passada, nas Nações Unidas, por considerar que encoraja o fluxo de pessoas "perigosas". O …

Lisboa vai proibir copos de plástico a partir de 2020

Um dos objetivos da Câmara Municipal de Lisboa para o ano em que a cidade será a Capital Verde Europeia é banir os copos de plástico até 2020. Segundo o Diário de Notícias, esta é uma …

Prisão preventiva para 39 dos 58 arguidos dos Hells Angels

O Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa determinou prisão preventiva para 39 dos 58 arguidos como medidas de coação no âmbito do processo do grupo Hells Angels e apresentações periódicas às autoridades para os restantes. Segundo …

Bruxelas aplica multa recorde de 4,3 mil milhões de euros à Google

A Comissão Europeia aplicou, esta quarta-feira, uma multa com valor recorde de 4,3 mil milhões de euros ao gigante norte-americano Google por abuso de posição no mercado devido ao sistema Android. Esta sanção, destinada a punir …

Rapazes salvos na Tailândia saíram do hospital e recordam "milagre"

As 12 crianças e o treinador de futebol que ficaram presos numa gruta inundada na Tailândia e que estavam internados desde a semana passada receberam esta quarta-feira alta hospitalar e falaram pela primeira vez desde …

Hotel processa sobreviventes do massacre de Las Vegas

A empresa que detém o hotel Mandalay Bay, em Las Vegas –  onde Stephen Paddock disparou sobre uma multidão num festival de música country –, processou mil de vítimas do ataque, argumentando não ter "qualquer …