Preço da luz vai voltar a subir em 2019. ERSE propõe aumento de 0,1%

Marcello Casal Jr / Agência Brasil

O preço da eletricidade para os clientes domésticos que fazem parte do mercado regulado deve aumentar 0,1% já em 2019, o que implica, em média, um aumento 5 cêntimos na fatura mensal das famílias portuguesas.

A notícia é avançada nesta terça-feira pelo Jornal de Negócios, que cita as estimativas da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos.

Nos últimos 18 anos, só em 2018 é que se registou uma descida nas tarifas da eletricidade – o ano passado a descida foi de 0,2%. Já no próximo ano, volta a verificar-se a tendência de subida de preço, devido ao facto de os preços grossistas no mercado ibérico terem atingido máximos históricos, explica o diário.

De acordo com a entidade reguladora, a alta de preços nos mercados internacionais deverá manter-se em 2019. Além disso, prevê ainda que estes aumentem em cerca de 20%. A proposta de atualização das tarifas feita pela ERSE – que abrange 1,15 milhões de clientes – vai no sentido de tentar mitigar este aumento.

De forma a reduzir o impacto do aumento previsto, a ERSE vai reduzir em 11% as tarifas de acesso à rede e em 15,1% as tarifas de uso global do sistema.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O governo promete redução de IVA só para a “potência” da electricidade ( que é uma parte residual da factura ), e só para os utilizadores com potências ate 3,45kVA ( novamente parte residual dos consumidores ).
    Com este aumento anunciado da ERSE, a maioria dos portugueses VAI TER UM AUMENTO NAS SUAS FACTURAS !!!
    São as promessa de Costa, a enganar tolinhos !!

    • É, principalmente para tolinhos que não sabem ler ou/e gostam de inventar!…
      Primero, o aumento de 0,1% aplica-se apenas ao mercado regulado – o restante aumenta o que lhes “apetecer”!..
      Depois, até 3,45kVA é a potência da MAIORIA das famílias portuguesas que, se estiveram no mercado regulado, vão mesmo ter um redução uma pequena REDUÇÃO na factura!
      Isto quando o preço da energia no mercado atinge máximos históricos…
      Percebido?

      • Tens a mania que és esperto, mas não passas disso… um lacaio ao de serviço aos xuxalistas.
        O aumento é residual, só para alguns, e é uma pequena percentagem sobre a potencia facturada. Não chega para pagar uma bica.
        Numa factura onde 60% nada tem a ver com gasto de energia, mas com ROUBO feito por esta corja socialista que apoia a EDP o Mexia e os chinocas. Morram !

        • Pois, mas tu de esperto não tens NADA (nem sequer a mania)!!
          Além dos insultos e de não seres capaz de contrapor NADA do que eu escrevi acima, ainda te “esqueceste” de dizer quem foi o melhor amigo do Mexia e que “deu” a EDP aos chineses: exacto, foi o Passos!
          O seu amigo Catroga até recebeu uma prenda pelo excelente negócio que fez – um tacho de luxo na EDP/China Three Gorges!
          Isto já para não falar no secretario de Estado da Energia do Passos que em 2012 se demitiu (ou foi demitido) por querer corrigir a rendes excessivas da EDP!…
          Além de Mexia, também deve ser desses xuxalistas que estavas a falar!…

Responder a Eu! Cancelar resposta

Centeno já cativou mais de 1025 milhões de euros no Orçamento de 2020

As cativações no Orçamento do Estado (OE) para 2020 ascendem a 1025,5 milhões de euros, revelou o boletim da Direção-Geral do Orçamento relativo a abril, montante inferior ao do OE 2019. Segundo avançou o Expresso esta …

Supremo Tribunal anula presidência parlamentar de Juan Guaidó

Esta terça-feira, o Supremo Tribunal de Justiça da Venezuela reconheceu como presidente do parlamento Luís Parra, um dissidente da oposição. O Supremo Tribunal de Justiça da Venezuela (STJ) declarou nula a junta de direção da Assembleia …

Há 285 novos casos de covid-19. São quase todos na Grande Lisboa

A região de Lisboa continua a registar o maior número de novos casos de covid-19 registados no país. A Direcção Geral de Saúde (DGS) anuncia hoje 31.292 infectados com o coronavírus, mais 285 do que …

Com bens arrestados e a filha a pagar contas, é quase impossível cobrar multa de 3,7 milhões a Ricardo Salgado

O Tribunal Constitucional confirmou a multa de 3,7 milhões de euros que foi aplicada pelo Banco de Portugal ao banqueiro Ricardo Salgado, mas é quase impossível cobrar esse valor. O ex-presidente do BES tem os …

França suspende tratamentos com hidroxicloroquina

O Governo francês decidiu esta quarta-feira suspender os tratamentos à base de hidroxicloroquina para pacientes infetados com a covid-19. O Executivo revogou o decreto de 11 de maio que autorizava a prescrição e a administração …

Decisão unânime. Deputados vão pedir para ver contrato de venda do Novo Banco (e para ouvir Carlos Costa)

Os deputados da comissão de orçamento e Finanças aprovaram esta quarta-feira por unanimidade o requerimento do Bloco de Esquerda para que seja entregue ao parlamento o contrato de venda do Novo Banco ao Lone Star. Segundo …

Portugal poderá receber 26,3 mil milhões de Bruxelas. 15,5 mil milhões a fundo perdido

Portugal poderá receber 26,3 mil milhões de euros em subvenções e empréstimos no âmbito do Fundo de Recuperação da União Europeia (UE), após a crise da covid-19, que ascende a um total de 750 mil …

"Taxa covid" cobrada por clínicas e hospitais privados não é ilegal (e pode alastrar ao comércio)

Aumentaram, nos últimos dias, as queixas à DECO, a Associação de Defesa do Consumidor, relacionadas com o pagamento de taxas adicionais no acesso a hospitais e clínicas privadas. Taxas que se destinam a pagar os …

O Banif deixou de ser um banco em 2015, mas continua sem haver relatório obrigatório por lei

Os credores aguardam há quatro anos e meio que seja divulgado o relatório que diga qual a percentagem de recuperação a que têm direito por lei. A 20 de dezembro, completaram-se quatro anos desde que o …

FC Porto revela tempo mínimo de paragem de Marcano

O futebolista Iván Marcano, que sofreu uma uma rotura do ligamento cruzado, vai ficar afastado dos revelados pelo menos durante três meses. Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o FC Porto …