Fake news não têm solução e só tendem a piorar

A Pew Research realizou uma pesquisa que revelou que 51% dos especialistas do setor de tecnologia acreditam que o desenvolvimento acelerado da tecnologia irá dificultar o controlo das “fake news”, notícias falsas que são partilhadas na internet. Para muitos, a situação não tem solução e a tendência é de piorar.

A empresa de pesquisas entrevistou cerca de 1.100 especialistas do setor, questionando se acreditavam que o problema das “fake news” ia piorar ao longo da próxima década. 49% dos entrevistas defendem a ideia de que a tecnologia existente atualmente é suficiente para solucionar o problema a curto prazo, mas 51% acredita que só vai piorar.

Para os que dizem ser impossível solucionar a questão, a Pew Research identificou dois principais argumentos: o primeiro é de que o crescimento acelerado de soluções tecnológicas ultrapassará a capacidade para compreender o fenómeno das “fake news”, o que impedirá a correção do problema.

Outro argumento é que o desejo dos utilizadores por conteúdo falso e polémico é crescente e apenas continuará a alimentar as fontes de notícias falsas.

Algumas empresas de tecnologia que partilham este tipo de notícias, como o Facebook, Twitter e Google, atualmente trabalham em soluções que não estão a ser muito eficientes no contexto geral. As formas de combater as “fake news” consistem em multas, desenvolvimento de marcadores e educação dos usuários.

Em abril deste ano, o Facebook e a Mozilla investiram mais de 14 milhões de dólares, pouco menos de 12 milhões de euros, no fundo Iniciativa da Integridade Noticiosa. O objetivo deste fundo é educar os utilizadores a distinguir as notícias falsas das verdadeiras na internet.

De qualquer forma, esses esforços ainda não se revelaram totalmente eficientes contra o aumento alarmante de conteúdo falso ou com discurso de ódio nas redes sociais.

ZAP // CanalTech

PARTILHAR

RESPONDER

Antibiótico para a artrite manchou os olhos de um norte-americano de azul

Um norte-americanos, de 70 anos, viu os seus olhos ficarem completamente manchados de azul, graças a um antibiótico para a artrite inflamatória. Olhos azuis são muito comuns, mas a parte branca dos nossos olhos - a …

Atrizes de "Smallville" envolvidas em seita de tráfico sexual. "Chloe" detida

Allison Mack, conhecida pelo seu papel na série televisiva "Smallville", foi detida e acusada de tráfico sexual pela sua alegada ligação à seita Nxivm. Allison Mack, de 35 anos, atriz da série "Smallville", deverá comparecer em …

Naturopata tratou criança de 4 anos com saliva de cão raivoso

Uma naturopata canadiana tratou um criança hiperativa de 4 anos com saliva de um cão raivoso. O anúncio surpreendeu a comunidade médica internacional, que reagiu de forma negativa. Uma naturopata canadiana assumiu no seu blogue pessoal …

Ilha troca de país a cada seis meses

No meio do rio Bidasoa, entre França e Espanha, há uma ilha que vai alternando de nacionalidade de seis em seis meses. A ilha mede apenas 38 metros de largura e 215 de comprimento, medidas que lhe …

Cientistas criam implante vaginal que promete proteger as mulheres do VIH

O novo dispositivo desenvolvido por cientistas na Universidade de Waterloo, no Canadá, faz com que o número de células do VIH que se fixam no trato genital feminino diminua. Já há um implante que protege as …

Mais de 20 mortos em protestos na Nicarágua

Mais de duas de dezenas de pessoas, entre as quais um jornalista, morreram durante os protestos na Nicarágua contra a reforma da segurança social do Governo de Daniel Ortega. A Associated Press (AP) relata que num …

Não há evidências que provem que os animais conseguem prever terremotos

Uma nova revisão estatística conclui que a evidência de que os animais conseguem prever terramotos é bastante insubstancial. Se acha que os animais presentem quando um terramoto está a chegar, desengane-se: está amplamente implícito que os …

Falsa BBC anuncia guerra nuclear e deixa o mundo alarmado

Uma conta de YouTube publicou um vídeo em que o suposto jornalista da BBC anunciava uma guerra nuclear entre a Rússia e a NATO. Nos últimos dias, foi publicado um vídeo no YouTube que simulava o …

Morreu Verne Troyer, o “Mini Me” de Austin Powers

O ator norte-americano Verne Troyer, conhecido por ter interpretado "Mini Me" nos filmes da série "Austin Powers", morreu este sábado, aos 49 anos. Verne Troyer, conhecido sobretudo pelo papel de "Mini Me" em Austin Powers, morreu …

NASA vai enviar à Lua nave espacial construída com peças impressas em 3D

A NASA vai dar mais um "pequeno passo para o homem, mas um grande passo para a humanidade" ao enviar um foguetão construído apenas com peças 3D à Lua. No próximo ano, a NASA vai dar …