Facebook admite derrota. Tirar notícias do feed “não foi eficaz”

A experiência, levada a cabo em seis países, que propunha a divisão do mural do Facebook em dois – uma dedicada aos posts dos amigos e familiares e outra que mostraria as publicações de páginas e empresas – acabou por fracassar. A rede social admite acabar com a ferramenta Explore.

Esta quinta-feira, o Facebook anunciou que irá pôr fim à experiência que separou o conteúdo de páginas de organizações e empresas do feed dos utilizadores. Esta decisão surge depois de meses de queixas devido ao aumento de notícias falsas a circular nesta rede social.

Esta experiência foi levada a cabo em seis países e retirava todas as notícias de sites profissionais do feed principal dos utilizadores. Segundo o Público, o diretor do feed de notícias do Facebook, Adam Mosseri, justifica que a decisão assentou num “feedback constante” dos utilizadores que pediam para ver mais conteúdos da família e amigos.

Assim, em outubro, o Facebook retirou os conteúdos de empresas e organizações e colocou-os num separador à parte, dedicado a conteúdo noticioso e entretenimento: o Explore. Esta ferramenta foi aplicada na Eslováquia, Sri Lanka, Camboja, Bolívia, Guatemala e Sérvia, por forma a criar dois feeds diferentes.

Mas a solução baseada nos interesses dos utilizadores acabou por fracassar. “Nos inquéritos, as pessoas disseram-nos que estavam menos satisfeitas com aquilo que estavam a ver”, explicou Adam Mosseri, num comunicado.

Além disso, houve queixas crescentes de que o formato explore tornava mais difícil o acesso a informações importantes. “Concluímos que o Explore não foi eficaz“, conclui no comunicado.

Também esta quinta-feira, conta o Público, Jack Dorsey, director-executivo do Twitter, anunciou estar à procura de uma ferramenta capaz de garantir conversas “saudáveis” nesta rede social. “Testemunhamos abusos, assédio, manipulação através de bots, etc. Não nos orgulhamos da forma como as pessoas aproveitaram o nosso serviço”, afirmou.

Atualmente, o dedo está apontado às redes sociais e à sua capacidade de manipulação a opinião pública, através de conteúdos falsos disfarçados de notícias.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Baixas na Segurança Social. Dois pesos pesados saem em plena crise

A vice-presidente e uma vogal do conselho diretivo do Instituto da Segurança Social abandonaram funções no final de agosto. A razão da saída não foi avançada. No final de agosto, o Instituto da Segurança Social (ISS) …

"Esforço coletivo para salvar o Natal". Nóbeis da Economia querem novo confinamento em dezembro

Esther Duflo e Abhijit Banerjee, prémios Nobel da Economia de 2019, propõem quarentena em França em dezembro, para que seja possível "festejar o Natal". O casal acredita que só assim será possível festejar a quadra …

Venda de vinhos alentejanos para a Suécia disparou (e foi graças à pandemia)

Nunca se tinham vendido tantos vinhos alentejanos para a Suécia como durante o período de confinamento em Portugal. A estratégia menos restritiva dos suecos contra a covid-19 ajuda a explicar esse cenário, verificando-se a mesma …

Spray nasal investigado na Austrália pode travar covid-19 (e tem uma taxa de eficácia de 96%)

É simples: com apenas uma ou duas aplicações por semana, o novo spray pode evitar que as pessoas infetadas com o novo coronavírus contagiem as outras à sua volta. Muito se tem falado sobre uma potencial …

Brad Parscale, ex-diretor de campanha de Trump, hospitalizado após tentativa de suicídio

O antigo diretor digital de campanha de Donald Trump, Brad Parscale, foi hospitalizado depois de a mulher ter alertado para tentativa de suicídio. Brad Parscale, ex-diretor digital de campanha do atual Presidente dos Estados Unidos, Donald …

Variante de SARS-CoV-2 oriunda de Itália marcou início da pandemia. Circulou durante dias sem controlo

O arranque da epidemia em Portugal foi marcado pela “disseminação massiva” de uma variante do SARS-CoV-2 com uma mutação específica, que começou a circular nas regiões Norte e Centro mais de uma semana antes do …

Existem 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas

Existem atualmente em Portugal 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas, revelou esta segunda-feira, em conferência de imprensa, a diretora-geral da Direção-Geral da Saúde, Graça Freitas. Sem identificar especificamente os lares …

Catalunha. Supremo Tribunal espanhol confirma inabilitação de Quim Torra

O Supremo Tribunal espanhol confirmou esta segunda-feira a inabilitação por um ano e meio do presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, por desobediência à junta eleitoral central. O acórdão, aprovado por unanimidade, obriga Torra …

Já há mais 6.829 mortes do que em 2019, mas covid-19 só fez 2 mil. Óbitos em casa subiram 18%

Desde o início da pandemia, há registo de um aumento de 18% de óbitos que ocorrem em casa e as mortes em investigação subiram 24%. Nos hospitais há uma subida de 5,6% na taxa de …

PCP diz que pandemia é usada como pretexto para intensificar exploração dos trabalhadores

O secretário-geral do PCP consideraque a pandemia de covid-19 está a ser utilizada como pretexto para se tentar fazer regredir décadas em conquistas de direitos, através do que apelidou de "teorias do 'novo normal'". Jerónimo de …