Emails, fotos e histórico. FaceApp recolhe informações dos utilizadores

 

A FaceApp é uma aplicação que nos últimos dias viralizou e permite usar um filtro de fotografia que nos torna mais velhos, entre outras funcionalidades. No entanto, a aplicação admite construir uma base de dados com as informações dos utilizadores.

Na política de privacidade da aplicação, a FaceApp admite recolher os dados sempre que o utilizador usa um filtro ou outra funcionalidade. No tópico “informações que recolhemos”, a empresa que desenvolveu a aplicação admite reunir “conteúdo dos utilizadores (por exemplo fotos e outros materiais) que sejam publicados através do serviço“.

A aplicação de edição de fotografias permite alterar a nossa aparência, mudando a cor de olhos, o estilo do cabelo, etc. No entanto, a funcionalidade mais viral é a de fazer uma simulação da nossa aparência quando formos mais velhos. Fotografias com os filtros do FaceApp têm sido vistas espalhadas pelas redes sociais, com várias celebridades a também usarem a aplicação.

Atualmente, a aplicação desenvolvida pela empresa russa Wireless Lab é a mais descarregada da Google Play e da App Store em Portugal. Apesar de parecer uma violação da nossa privacidade, são os próprios utilizadores que autorizam a recolha dos dados pela aplicação.

O histórico de navegação do browser, de acordo com o jornal Público, é uma das informações que também é recolhida pela app. “Usamos ferramentas de análise de terceiros para nos ajudar a medir o tráfego e as tendências de uso do serviço”, lê-se na política de privacidade.

“Estas ferramentas reúnem informação enviada pelo seu dispositivo ou pelo nosso serviço, incluindo as páginas web que visita, add-ons, e outra informação que nos ajude a melhorar o serviço”, explica.

A FaceApp esclarece que “não recolhe intencionalmente” informação de menores de 13 anos e, caso o faça, é obrigada a eliminar essa informação.

“Também podemos recolher informações semelhantes de emails enviados para os nossos utilizadores, que depois nos ajudam a monitorizar quais emails são abertos e em que links os destinatários clicam”, alegando que recolhe estes e outros dados para “melhorar e testar a eficácia do serviço“.

No entanto, além de ser utilizada em benefício dos criadores, a informação recolhida pode ser partilhada com os parceiros da FaceApp, como por exemplo empresas de publicidade.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. App desenvolvida por empresa russa?
    Hummm… até me podem chamar as coisas que agora estão em voga… Mas que não me fiava… lá isso não.

RESPONDER

Pela primeira vez em 45 anos, uma casa vitoriana "flutuou" pelas ruas de San Francisco

A manhã de 21 de fevereiro em San Francisco, nos Estados Unidos, foi um pouco diferente do normal: uma casa vitoriana passou a "flutuar" pelas ruas da cidade. De acordo com o BuzzFeed News, uma equipa …

Nação Cherokee pede à Jeep que deixe de usar o nome da tribo nos seus carros

"É hora de a Jeep reconsiderar chamar os seus SUVs Cherokee e Grand Cherokee". Pela primeira vez, a tribo norte-americana Nação Cherokee pediu diretamente à Jeep para parar de usar o seu nome nos seus …

PCP quer apoios a 100% para pais "imediatamente e com efeitos retroativos"

O secretário-geral do PCP pediu ao Governo, este sábado, apoios a 100% para os trabalhadores que estão em casa com os filhos, pagos "imediatamente e com efeitos retroativos", e defendeu um plano de desconfinamento "setor …

Naufrágio grego que levava partes do Partenon está a revelar os seus segredos

A última expedição de mergulhadores ao navio grego Mentor, que naufragou perto da ilha Citera em 1802, recuperou várias peças do cordame, moedas, a sola de couro de um sapato, uma fivela de metal, uma …

Chega vai reagir "muito veementemente" na rua à tentativa de ilegalização

O líder do Chega disse, este sábado, que o partido vai responder "muito veementemente" e com "presença na rua", já em março, à tentativa de ilegalização da estrutura promovida por Ana Gomes. "Quero deixar claro aqui, …

Procura-se candidato para dormir. Site oferece 1650 euros e uma noite num resort

Este pode ser, literalmente, um emprego de sonho: fazer dinheiro enquanto se dorme, incluindo uma noite num resort de 5 estrelas. O site Sleep Standards, que se dedica a dar informação sobre pesquisas e produtos relacionados …

Catarina Martins faz apelo a Costa. "Moratórias têm de ser estendidas já"

A coordenadora do Bloco de Esquerda fez um apelo direto ao primeiro-ministro, este sábado, para que não espere que "seja tarde demais" e decida já estender as moratórias, evitando assim uma vaga de despejos e …

Toronto apresenta providência cautelar contra projeto que constrói "casas" para os sem-abrigo

Um carpinteiro canadiano decidiu construir abrigos para as pessoas que vivem nas ruas de Toronto. A autarquia considerou que são perigosos e apresentou uma providência cautelar. De acordo com a empresa de media Vice, Khaleel Seivwright, carpinteiro …

Trinta anos depois, MI6 pede desculpa por ter banido espiões gays

Richard Moore pediu desculpa " pela forma como colegas e concidadãos LGBT+ foram tratados", tendo-lhes sido negada a oportunidade de servir o país no MI6. O chefe do MI6, o serviço secreto de inteligência do Reino …

Já foram administradas 837.887 vacinas em Portugal

Um total de 837.887 vacinas contra a covid-19 foram administradas em Portugal desde 27 de dezembro, quando foi dada a primeira dose, indicou o Ministério da Saúde este sábado. Num comunicado de balanço do processo de …