Exército dos EUA quer pôr soldados a conversar com robôs (e conta com uma mãozinha da IA)

US Army

O Exército dos Estados Unidos está a desenvolver uma interface de conversação que permite o diálogo bidirecional entre soldados e sistemas robóticos autónomos.

A Interface Conjunta de Entendimento e Diálogo (JUDI, na sigla em inglês) está a ser desenhada com o objetivo de reduzir os custos do treino de soldados e como forma de melhorar o trabalho de equipa entre soldados e robôs.

Os robôs desempenham um papel cada vez mais importante nas Forças Armadas norte-americanas, pelo que o controlo destes sistemas tornam-se cada vez mais urgentes. Até agora, joysitcks, sensores e ferramentas remotas foram o suficiente, mas a próxima geração de robôs militares será muito mais inteligente e autónoma.

Este upgrade faz com que a tecnologia se torne menos sensível a estes instrumentos e mais “companheira” da equipa de soldados, pelo que são necessárias interfaces mais sofisticadas e intuitivas.

Além disso, os soldados humanos também têm de aprender a lidar com estas máquinas e, com esta nova ferramenta, o processo torna-se mais fácil, sendo que a JUDI permite conversas verbais bidirecionais entre robôs e soldados.

“Esta tecnologia permite que um soldado interaja com sistemas autónomos através do diálogo bidirecional em operações táticas onde as instruções verbais podem ser usadas para comando e controlo de um robô móvel”, explicou o cientista Matthew Marge, citado pelo New Atlas.

Além disso, a tecnologia oferece ao robô “a capacidade de solicitar esclarecimentos ou fornecer atualizações de status à medida que as tarefas forem concluídas”.

Este sistema pode parecer muito semelhante com a Siri ou a Alexa, nas existem grandes diferenças. Os assistentes digitais do quotidiano baseiam-se em conexões na nuvem, mas um sistema militar não pode confiar neste tipo de conexão ou em grandes bancos de dados.

Em vez disso, JUDI usa um banco de dados sob medida para interpretar a intenção de um soldado com base nas suas palavras faladas. O processamento do diálogo utiliza uma técnica de classificação estatística, que foi treinada numa pequena seleção de diálogo humano-robô.

Acresce ainda o facto de JUDI ter sido projetado para trabalhar com robôs que operam num ambiente do mundo real, realizando tarefas que podem significar a vida ou a morte (literalmente).

Atualmente, o objetivo do programa é avaliar quão robusto JUDI consegue ser com plataformas robóticas autónomas no teste que terá lugar em setembro.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Cabrita transformou-se numa espécie de ministro sempre em pé", diz líder do CDS

O líder do CDS-PP disse, este sábado, que o país já não confia no ministro da Administração Interna, a quem apelidou de "ministro sempre em pé", adiantando que já se fazem apostas sobre quando será …

A arma que matou o famoso pistoleiro do Velho Oeste "Billy the Kid" vai a leilão

O revólver que matou um dos homens procurados mais famosos do Velho Oeste, há mais de um século, vai a leilão no próximo mês. William "Billy the Kid" Bonney, pseudónimo de William Henry McCarty, foi um …

Milhares protestam em França e Itália contra novas medidas anti-covid

Milhares de pessoas manifestaram-se, este sábado, em várias cidades de França e Itália contra as medidas para controlar a pandemia, sobretudo contra a obrigatoriedade do uso do "passe sanitário" para entrar em espaços públicos. Com gritos …

O holograma de Whitney Houston vai dar um concerto em Las Vegas

No outono, poderá desfrutar de um concerto de Whitney Houston em Las Vegas. A diva será reencarnada, áudio e visualmente, no espetáculo An Evening With Whitney: The Whitney Houston Hologram Concert. Segundo a Forbes, o holograma …

TC recusa impugnação pedida pelo PSD sobre candidato de Castelo Branco. Direção avalia recurso

O Tribunal Constitucional (TC) decidiu que o PSD não tem legitimidade no pedido de anulação de uma deliberação do Conselho de Jurisdição Nacional do partido sobre o candidato autárquico em Castelo Branco, recusando admitir uma …

Orbán vai rejeitar dinheiro do fundo de recuperação se tiver de revogar lei anti-LGBTQI

O primeiro-ministro húngaro assegurou, este sábado, que o país não vai aceitar o dinheiro do fundo de recuperação se tiver de ceder perante Bruxelas e revogar a lei anti-LGBTQI. Segundo a agência Europa Press, Viktor Orbán …

Avaria em rede europeia causou "apagão" parcial em Portugal e falhas no 112

O incêndio que queimou, este sábado, 500 hectares de vegetação no sudoeste de França esteve na origem dos cortes de energia em Espanha e Portugal, segundo a agência francesa Rede de Transmissão de Energia Elétrica …

Um tumor e duas fraturas nas vértebras dificultaram a vida deste dinossauro (mas não o mataram)

Quando foi descoberto na década de 1980, na Argentina, este hadrossauro foi diagnosticado com uma fratura no pé. Porém, uma nova análise agora mostra que este tinha um tumor, bem como duas fraturas nas vértebras …

Morreu Otelo Saraiva de Carvalho, capitão de Abril

O capitão de Abril morreu, este domingo, aos 84 anos, no Hospital Militar, confirmou o presidente da Associação 25 de Abril. A notícia foi confirmada ao jornal online Observador pelo presidente da Associação 25 de Abril, …

Pela primeira vez, cientistas viram chimpanzés a matar gorilas

Investigadores testemunharam, pela primeira vez, chimpanzés e gorilas a lutar entre si, confrontos esses que provocaram a morte de alguns deles. De acordo com o site Science Alert, as duas disputas foram observadas no Parque Nacional …