Ex-presidente da Catalunha detido em Itália (e pode vir aí mais uma derrota para Espanha)

Olivier Hoslet / EPA

O ex-presidente da Catalunha Carles Puigdemont.

Carles Puigdemont, o ex-presidente da Catalunha, foi detido em Itália, na Sardenha. O também eurodeputado era alvo de um mandado internacional e vai tentar, mais uma vez, escapar à extradição para Espanha.

Fontes contactadas pela agência EFE revelam que Puigdemont foi preso à chegada a Itália, vindo de Bruxelas, onde se encontrava refugiado.

O antigo presidente da Catalunha foi detido ao chegar a Alghero, uma cidade no noroeste da Sardenha onde devia participar num evento político com Victòria Alsina, responsável pela pasta dos Negócios Estrangeiros na Catalunha, e com Laura Borràs, presidente do Parlamento da Catalunha.

Puigdemont foi detido por agentes à paisana, aponta o delegado do governo da Catalunha em Itália, citado pela EFE.

O ex-presidente catalão é considerado um fugitivo pela Justiça espanhola desde 2017 depois de ter sido condenado pelo Supremo Tribunal de Justiça do país pelos crimes de sedição e desvio de dinheiros públicos.

Em Março passado, o Parlamento Europeu decidiu retirar a imunidade a Puigdemont, uma decisão que o Tribunal Geral da União Europeia (TGUE) acabou por confirmar, considerando que não havia o risco de o ex-presidente catalão ser detido no exercício das suas funções enquanto eurodeputado.

Agora, a justiça italiana vai decidir se entrega, ou não, Puigdemont à justiça espanhola.

Imbróglio pode originar nova “derrota” para Espanha

O advogado de Puigdemont, Gonzalo Boye, já anunciou que vai pedir ao TGUE para anular a detenção, argumentando que a extradição não está em causa e que confia nas “garantias de direito da UE”.

Em 2018, um tribunal alemão recusou entregar Puigdemont à justiça espanhola.

E em Janeiro passado, o Tribunal de Recurso da UE rejeitou também entregar o ex-vereador catalão Lluís Puig a Espanha, considerando que o Supremo Tribunal de Justiça do país não era competente para o julgar.

Mas o juiz responsável pelo processo dos independentistas catalães questionou a decisão do Tribunal de Recurso europeu, enviando um requerimento que ainda não teve resposta.

Assim, a justiça italiana pode negar a entrega de Puigdemont a Espanha “escudando-se” nesse facto, como salienta o jornal El Mundo.

Entretanto, a detenção de Puigdemont já está a motivar protestos em Barcelona, junto do consulado italiano, com a presença de vários líderes políticos da Catalunha.

O presidente do Governo da Catalunha, Pere Aragonès, condenou a detenção de Puigdemont enquanto dirigentes do PP, do Vox e do Ciudadanos, partidos de direita, vieram apontar a confiança e o desejo na extradição do ex-presidente catalão.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Isto enquanto o rei de Espanha (envolvido em vários crimes) fugiu e está “refugiado” no Dubai – com todo o luxo pago pelos espanhóis!…

RESPONDER

J&J acusada de usar manobra para impedir processos judiciais relativos à venda de pó de talco com propriedades cancerígenas

A Johnson & Johnson está a ser criticada por usar uma manobra para impedir cerca de 38 mil processos judiciais que alegam que o famoso baby powder da marca causa cancro. De acordo com a NPR, …

Tondela 1-3 FC Porto | Hat-trick de Taremi castiga insolência beirã

O iraniano Mehdi Taremi foi a grande figura da vitória do FC Porto em casa do Tondela, por 3-1. Os homens da casa marcaram primeiro, mas cedo se viram reduzidos a dez elementos e tiveram …

Chamam-lhe "Lady Trump". A candidata a governadora do Nevada que está a gerar polémica

Conhecida como "Lady Trump", Michele Fiore anunciou a sua candidatura a governadora do estado do Nevada em estilo, gerando polémica nos Estados Unidos. Michele Fiore, vereadora de Las Vegas, anunciou esta terça-feira a sua candidatura a …

Benfica abre inquérito a envolvimento de colaboradores em negócio de ações da SAD

O Benfica abriu um inquérito interno para averiguar o possível envolvimento de dois colaboradores num eventual negócio de transação de ações da SAD ‘encarnada’, informou hoje o clube, em comunicado. “Tendo em conta as recentes notícias …

Um hipopótamo na água

Tribunal norte-americano reconhece hipopótamos de Pablo Escobar como pessoas jurídicas

O grupo de hipopótamos, mais uma parte do legado deixado na Colômbia por Pablo Escobar, recebeu o estatuto de "pessoas jurídicas". Um tribunal federal dos Estados Unidos defendeu que os descendentes dos hipopótamos do barão da …

Mais rapidez e menos ruído. E-bikes permitem que militares em ação passem despercebidos

Os soldados do Regimento de Cavalaria da Infantaria Montada de Queensland, na Austrália, estão a testar e-bikes para perceber se o veículo poderá ser uma opção válida para operações no terreno. Passar despercebido no terreno é …

Oposição critica Governo de El Salvador por usar a covid-19 para limitar manifestações

Na quarta-feira, a Assembleia Legislativa de El Salvador aprovou um decreto que proíbe reuniões públicas e privadas que não estejam relacionadas com as artes, cultura ou desporto até 8 de dezembro. Segundo a Vice, apesar de …

Portugal com mais 883 casos confirmados e quatro mortes

Portugal regista hoje mais 883 casos confirmados de covid-19 e quatro óbitos pela doença, assim como 729 pessoas recuperadas e menos internamentos em enfermaria e unidades de cuidados intensivos, de acordo com o boletim diário. Segundo …

Um boneco do Super-Homem a voar

Indianos declaram "guerra" ao Super-Homem e à Mulher-Maravilha

Injustice, o último filme de animação da DC Comics, deixou alguns indianos muito perto de um ataque de fúria. Cenas em que o Super-Homem e a Mulher-Maravilha surgem a lutar contra militares indianos e a …

Alec Baldwin

Hollywood em choque. Alec Baldwin recebeu arma carregada, mas disseram-lhe que estava "fria"

A morte da directora de fotografia Halyna Hutchins, depois de ter sido atingida pelo actor Alec Baldwin durante as filmagens de "Rust", deixou o mundo de cinema de Hollywood abalado. E ninguém percebe como é …