Corrida às Europeias. PS ganha vantagem e Bloco perto do terceiro eurodeputado

Miguel A. Lopes / Lusa

O PS e a Esquerda crescem, o PSD e a Direita perdem. Segundo uma sondagem da Pitagórica para o Jornal de Notícias e TSF, os socialistas somam 32,4% da intenção de voto, enquanto o PSD contabiliza 24,8%.

A três dias das eleições europeias, o PS destaca-se do PSD com uma vantagem de quase oito pontos percentuais, de acordo com uma recente sondagem da Pitagórica para o Jornal de Notícias e TSF. Ainda assim, as intenções de voto não chegam para apagar a classificação de “poucochinho” com que António Costa classificou o resultado de 31,4% de António José Seguro nas Europeias de 2014.

Este domingo, o Partido Socialista pode alcançar entre 7 a 8 eurodeputados, o Partido Social Democrata entre 6 e 7. Mas o Bloco de Esquerda merece também destaque, uma vez que conseguiu captar 12,9% das intenções de voto (mais 1,5 p.p. do que em abril) – metade do PSD e o dobro do CDS (6,7%).

Seguem-se CDU, com 7,1% (mais 0,5 p.p. do que em abril), que ultrapassa o CDS (6,7%). O PAN, que alcança os 3,3% na sondagem, pode mesmo eleger um elemento para o Parlamento Europeu.

Segundo o matutino, a sondagem da Pitagórica tem uma margem de erro de 4,07% e apresenta um total de 14,7% de indecisos, que são distribuídos pelos diferentes partidos. Sem esta distribuição, a diferença entre PS e PSD seria de 4 pontos.

A Pitagórica refere ainda que, no caso do PCP e do CDS, o tratamento da informação é historicamente mais problemático, porque quem vota nestes partidos não gosta normalmente de declará-lo por telefone.

Efeito professores descola PS

Uma das razões apontadas para a vantagem do PS sobre o PSD está relacionada com a discussão sobre a recuperação do tempo de serviço dos professores. Neste tópico, 55% dos inquiridos acreditam que o objetivo do PSD e do CDS era, simplesmente, ganhar votos.

Além disso, 66% dos eleitores considera o controlo das contas públicas mais importante do que a reposição das carreiras dos professores e outros funcionários públicos, com Rui Rio e Assunção Cristas a serem avaliados de forma negativa. Ainda assim, metade dos inquiridos acredita que as reivindicações dos professores são justas.

Se nos centrarmos apenas na intenção direta de voto (excluindo a abstenção e a distribuição de indecisos), a diferença entre o PS e o PSD passa de um para mais de quatro pontos percentuais, com a vantagem dos socialistas amparada essencialmente pelos eleitores mais idosos (uma diferença de cerca de 13 pontos em relação ao PSD) e mais pobres (uma vantagem de 17 pontos percentuais).

Só entre os mais ricos o PSD se destaca do PS (com uma diferença de 7 pontos) e entre os que vivem no Grande Porto (10 pontos).

O Bloco acena ao terceiro lugar com a hipótese de eleger um terceiro eurodeputado. A CDU cresce meio ponto desde a última sondagem de abril e, apesar de ultrapassar o CDS, só deverá conseguir eleger dois eurodeputados.

LM, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Como é isto possível?!?!?!
    O pais está adormecido ou é a comunicação social que está a viciar a opinião publica.

    • O país está totalmente estupidificado. As pessoas pensam que isto está bem mas estão muito enganadas. Não percebem o essencial. E o essencial é que este governo contou com a melhor conjuntura internacional da última década. E mesmo assim no crescimento económico está nos últimos lugares da União Europeia (todos os nossos adversários diretos crescem a 4% e mais enquanto nós andamos por aproximadamente 2%). Depois dizem que o turismo está uma maravilha. Bem, nós recebemos 12,5 milhões de turistas estrangeiros em 2018. E não venham com os 21 milhões (destes mais de 8 milhões são nacionais, logo não são turistas estrangeiros).
      Só a Catalunha recebeu 18 milhões. Veneza 30 milhões. Espanha mais de 80 milhões. França quase nos 90 milhões. A Grécia rondou os 20 milhões. Enfim, também aqui os portugueses pensam que estão bem mas não compreenderam o essencial. O nosso turismo aumentou mas este fenómeno foi global. De 2010 para 2018 o turismo global passou de 950 milhões para 1,4 mil milhões!!! E uma vez mais estamos muito distantes de alguns dos nossos parceiros.
      Em jeito de remate, o povo engole o discurso destes patetas, acredita que o país está melhor, mas se compararmos a nossa evolução com os países que nos são próximos em termos de desenvolvimento económico, temos de concluir que estamos agora mais distantes deles do que estávamos há 4 anos atrás. Essa é que é a grande realidade.

  2. Os mais idosos e os mais pobres, votam mais no xuxa ! (votos menos refletidos/conscientes?)
    A Norte e os com situação estável, votam mais no partido laranja ! (votos mais refletidos/conscientes?)

RESPONDER

Bancos querem passar a cobrar por grandes depósitos. Particulares escapam

BCP, Novo Banco e Caixa Geral de Depósitos defendem que é preciso cobrar aos grandes clientes por depósitos de grande dimensão. Particulares e pequenas e médias empresas escapariam desta medida. A ideia foi lançada pelo …

Filho de Bolsonaro já não vai ser embaixador em Washington

O deputado Eduardo Bolsonaro, filho do Presidente do Brasil, anunciou na terça-feira, na Câmara dos Deputados, que desistiu da sua indicação para embaixador do país em Washington, nos Estados Unidos (EUA). Na véspera, Jair Bolsonaro, que …

OE2020. Catarina Martins critica chantagem da Comissão Europeia a cada ano

A coordenadora do Bloco de Esquerda criticou esta terça-feira a chantagem da Comissão Europeia em relação a Portugal repetida a cada legislatura e a cada ano, reiterando a disponibilidade "para negociar um Orçamento do Estado …

Maior parte das escolas não cumprem lei de 2009 sobre a educação sexual

Grande parte das escolas não está a cumprir a lei de 2009 que define como deve ser dada a educação sexual no ensino obrigatório, do 1.º ao 12.º ano de escolaridade. A conclusão surge num relatório …

Pouco poder, mas algum. Deputados únicos podem desencadear revisão da Constituição

Os deputados únicos não têm poder para pedir a votação do programa de Governo, ao contrário dos grupos parlamentares, nem podem sozinhos censurar o Executivo, mas podem desencadear, como qualquer parlamentar, um processo de revisão …

Funcionários públicos esperam entre 100 e 280 dias para se poderem reformar. Processo pode ser acompanhado online

A atribuição das novas pensões de reforma aos funcionários públicos está a demorar, em média, entre 100 a 280 dias - ou seja, entre três e mais de nove meses. A revelação foi feita esta terça-feira, …

"Onde está o Varandas?". Claques não faltaram à vitória do Sporting em hóquei em patins

Apesar das quebras de protocolos, Juventude Leonina e Diretivo Ultras XXI marcaram presença no jogo desta terça-feira de hóquei em patins entre o Sporting e a Oliveirense. Na noite desta terça-feira, o Pavilhão João Rocha foi …

Do azedume às contas do passado. Críticos internos atacam Rio

Depois de Rui Rio ter anunciado esta segunda-feira que se recandidata à liderança do PSD, os críticos internos vieram a público. Acusam-no de querer dividir o partido e ajustar contas com o passado e esperam …

"Acho ridículo que sejam feitas obras, portas ou não", diz Ventura

O CDS que não quer o líder do Chega no meio dos seus deputados e a solução pode mesmo passar por abrir uma porta especial para o deputado. "Acho ridículo", comenta André Ventura. Na última conferência …

Duas vitórias em 14 jogos. Benfica quer travar o calvário da Champions

O Benfica recebe esta quarta-feira o Lyon, estando praticamente obrigado a ganhar para seguir em frente na competição milionária. Apesar de reconhecer a dificuldade, Rúben Dias acredita os encarnados vão voltar aos bons resultados. A …