Estados Unidos podem tornar-se o epicentro da pandemia, avisa OMS

Os Estados Unidos correm o risco de se tornarem o epicentro da pandemia da covid-19, devido ao rápido aumento do número de infetados naquele país, particularmente na cidade de Nova Iorque, alertou hoje a Organização Mundial de Saúde (OMS).

“Estamos a assistir a uma disseminação muito rápida de casos nos EUA”, disse hoje Margaret Harris, porta-voz da OMS, numa conferência de Imprensa, em Genebra, no mesmo dia em que as autoridades norte-americanas revelaram que Nova Iorque está a ver o número de casos confirmados duplicar a cada três dias.

O mais recente balanço sobre a situação nos EUA, divulgado na madrugada de hoje pela OMS, mostra que o número de pessoas infetadas e de morte com a covid-19 duplicou nas últimas 24 horas, elevando o número total para 31.573 casos positivos e 402 vítimas mortais.

A aceleração de casos nos Estados Unidos pode ser explicada por uma melhor triagem (que demorou a ser feita) e pela elevada taxa de transmissões, antes da implementação das medidas de contenção agora em vigor.

“O contágio de cada indivíduo a duas ou três pessoas, demora entre três e cinco dias. O que estamos a observar agora foi o que sucedeu há três, quatro ou cinco dias, em vários países”, disse Margaret Harris, para explicar a tendência de crescimento dos mais recentes números.

“Nos Estados Unidos, há uma semana, havia muitas transmissões”, afirmou a porta-voz da OMS, dizendo ser expectável que o número de infetados naquele país continue a crescer nos próximos dias, tornando-o o epicentro da pandemia.

Na Itália, o país mais afetado a seguir à China, as autoridades já estão a registar um declínio nos números de casos de infeção diária com covid-19.

Nos Estados Unidos o estado de Nova Iorque é o mais afetado, com o número de casos a duplicar a cada três dias, informou hoje o governador, Andrew Cuomo. Este estado tem já mais de 25 mil casos confirmados, quase 10 vezes mais do que o número de casos na Califórnia, o segundo estado mais atingido pela pandemia, nos EUA.

Com uma taxa tão elevada de infeção, a pandemia pode atingir o seu nível mais alto dentro de 14 a 21 dias, mais cedo do que era esperado, tornando o combate à doença por parte dos serviços de saúde ainda mais difícil.

O governo estadual já pediu ao Governo federal um reforço de ventiladores (neste momento possuem apenas 10.000 unidades), para equipar os hospitais deste estado onde vivem quase 20 milhões de pessoas.

O estado da Florida viu o número de mortes com covid-19 aumentar para 18 e o número de infetados subir para quase mil, levando o governador, Ron DeSantis, a pedir ao Presidente Donald Trump para declarar estado de “grande desastre”.

O governador pede ao Governo federal reforço de equipamento médico, bem como fundos adicionais para ajudar a combater o desemprego, na iminência de uma profunda crise económica, alegando que os cerca de 200 milhões de euros alocados no plano de emergência não serão suficientes.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 386 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram cerca de 17.000.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia. Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Como é que isso poderá ser possível? Com tanto material bélico que têm, não conseguem eliminar um ser que de tão pequenino até é invisível?

RESPONDER

Lavada em lágrimas, primeira-ministra da Dinamarca pede desculpa pelo abate de milhões de martas

Em lágrimas, a primeira-ministra dinamarquesa, Mette Frederiksen, pediu desculpas nesta quinta-feira pela gestão da crise com as martas no país, depois de uma mutação do novo coronavírus encontrada em quintas de criação ter motivado o …

Mistério continua por resolver: um mês após o início do surto de legionella, ainda não há respostas

Há cerca de um mês que o mistério da origem da legionela continua por resolver. A doença continua a fazer mortos na região norte, mas de acordo com o Jornal de Notícias, não tem sido …

Relações "complicadas". Rússia admite abandonar projetos de cooperação com a UE

O ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Sergey Lavrov, que se encontrará mais tarde com o Presidente bielorrusso, Alexander Lukashenko, comentou que as relações atuais entre Moscovo e Bruxelas são "complicadas". O Governo russo está a ponderar …

Benfica tem novo central. Luís Filipe Vieira fecha contratação de Lucas Veríssimo

O Benfica deverá pagar 1,3 milhões de euros em mão e outros 5,2 milhões em quatro prestações. Lucas Veríssimo chega do Santos para a posição de defesa central. À semelhança daquilo que fez com Jorge Jesus, …

Apoio à retoma pode prolongar-se pelo menos até setembro de 2021

O mecanismo de apoio à retoma progressiva nas empresas em crise poderá prolongar-se até, pelo menos, setembro do próximo ano, avisou o ministro de Estado e da Economia, Pedro Siza Vieira. O mecanismo sucedâneo do layoff …

Vinícius bisou e assistiu para o Tottenham. Para Mourinho, só há uma coisa a melhorar

O Tottenham de José Mourinho venceu esta quinta-feira o Ludogorets no jogo da 4.ª jornada da fase de grupos da Liga Europa. O ex-Benfica Carlos Vinícius, que não tem sido opção para o campeonato inglês, …

Portugal já terá atingido o pico. Foi na terceira semana de novembro, segundo os peritos do Governo

Portugal já terá atingido o pico de novos casos da segunda vaga de covid-19, de acordo com os cálculos dos peritos consultados pelo Governo. Em declarações ao jornal Observador, engenheiro Carlos Antunes, da Faculdade de …

Benfica colheu um ponto na Escócia. O Rangers "não é uma equipazinha", diz Jesus

O Benfica empatou a dois golos em casa do Rangers, na quarta jornada do Grupo D da Liga Europa, e ficou a uma vitória de seguir para os 16 avos de final. Arfield (7 minutos) e …

Reformas antecipadas sofrem corte de 15,5% em 2021

O valor das pensões antecipadas pedidas no próximo ano terá um corte superior ao que está a ser aplicado em 2020: 15,5%. Os trabalhadores que se reformem antecipadamente em 2021 terão uma penalização de 15,5% na …

Templo de Esna foi restaurado ao fim de 2000 anos (e surpreendeu com misteriosos segredos egípcios)

Descoberto há cerca de 200 anos, o antigo templo egípcio de Esna guardava segredos há mais de 2000 anos. Agora esses segredos foram revelados graças a um projeto de restauração iniciado em 2018, onde foram …