Serviços de informação dos EUA suspeitam que Coreia do Norte está a construir novos mísseis

Kevin Lim / The Straits Times / EPA

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, e o Presidente do EUA, Donald Trump

As agências de espionagem norte-americanas suspeitam que a Coreia do Norte pode estar a construir novos mísseis, nem dois meses depois da cimeira histórica entre Donald Trump e Kim Jong-un.

De acordo com o The Washington Post, as agências de espionagem norte-americanas detetaram sinais suspeitos que fazem com que haja uma desconfiança em relação à Coreia do Norte que, segundo fontes próximas dos serviços secretos, pode mesmo estar a construir novos mísseis numa fábrica onde foram produzidos os primeiros mísseis balísticos intercontinentais.

Foram imagens dessa fábrica que deram aos agentes secretos norte-americanos a convicção de que a Coreia pode estar ainda a trabalhar no seu programa de mísseis balísticos, nem dois meses após a cimeira histórica entre Donald Trump e Kim Jong-un.

“Evidências recentes, incluindo imagens de satélite nas últimas semanas, indicam que estão a trabalhar em pelo menos um, talvez até dois mísseis intercontinentais, em Sanumdong, perto de Pyongyang”, escreve o jornal, citando responsáveis dos serviços de informação, sob anonimato.

Nas imagens de satélite, conta o Observador, é possível ver um veículo vermelho no pátio interno, muito semelhante aos usados pela Coreia do Norte para transportar mísseis.

“Esta nova informação não sugere um aumento nas capacidades da Coreia do Norte, mas mostra que o desenvolvimento de armamento continua várias semanas depois do presidente Trump ter escrito no Twitter que Pyongyang ‘não é mais uma ameaça nuclear'”, escreve o The Washington Post.

Mike Pompeo, chefe da diplomacia norte-americana, já tinha admitido numa audiência no Congresso que Pyongyang ainda produzia materiais nucleares, seis semanas após a reunião histórica entre Trump e Kim Jong-Un.

Também imagens de satélite captadas no dia 21 de junho revelaram modificações no complexo nuclear da Coreia do Norte, como a existência de um novo sistema secundário para arrefecer o reator da principal central nuclear e novas instalações cujo objetivo é ainda desconhecido.

Estas revelações surgem nem dois meses depois da cimeira histórica entre Donald Trump, Presidente dos Estados Unidos, e Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte, na qual assinaram um acordo que previa o caminho para a desnuclearização da península da Coreia. Algo que parece não estar a acontecer.

Esta terça-feira, generais da Coreia do Norte e da Coreia do Sul reúnem-se com o objetivo de discutirem formas de reduzir armamento e presença militar junto à fronteira entre os dois países.

A reunião, que decorre na cidade fronteiriça de Panmunjom, segundo o Ministério da Defesa da Coreia do Sul, acontece quatro dias depois da Coreia do Norte ter devolvido aos EUA os restos mortais de soldados norte-americanos que tinham sido dados como desaparecidos durante a guerra que decorreu na península coreana entre 1950 e 1953.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O RRS David Attenborough, navio virgem dos reinos polares, já saiu do estaleiro

O navio RRS Sir David Attenborough saiu finalmente do seu estaleiro. O já lendário navio vai agora ser sujeito a alguns testes antes de ser oficialmente entregue ao serviço, em novembro deste ano. A construção do …

Vulcões ativos produzem 30 a 50% da atmosfera de Io

Novas imagens rádio obtidas pelo ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) mostram, pela primeira vez, o efeito direto da atividade vulcânica na atmosfera da lua de Júpiter, Io. Io é a lua mais vulcanicamente ativa do nosso …

Descobertas pegadas fossilizadas com mais de 10 mil anos. São a trilha pré-histórica de uma mãe com um bebé ao colo

Uma equipa de investigadores internacional descobriu o trilho pré-histórico mais comprido do mundo no Novo México, nos Estados Unidos. O novo estudo conta a historia de uma mulher que carregou um bebé nos braços durante …

Pure Skies. Empresa desenha cabines dos aviões do pós-pandemia

Desde o início da pandemia, os especialistas têm testado diferentes maneiras de alcançar o distanciamento social em aviões, embora com pouco sucesso. Agora, há uma empresa que está a levar esta ideia até ao próximo …

OE2021. Bloco de Esquerda vota contra na generalidade

O Bloco de Esquerda vai votar contra a proposta do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, anunciou a coordenadora do partido, Catarina Martins. Em declarações aos jornalistas, a bloquista confirmou este domingo que o …

PS ganha eleições nos Açores sem garantia de maioria absoluta

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo entre 37% e 41%, o que não garante a maioria absoluta, segundo a projeção à boca das urnas realizada este domingo pela Universidade Católica …

Extinção da fauna em Madagáscar pode dever-se à presença humana (e a mudanças climáticas)

Grande parte da fauna de Madagáscar e das ilhas Mascarenhas foi eliminada durante o último milénio. Neste sentido, uma equipa de cientistas analisou um registo do clima nos últimos 8000 anos nas ilhas. O resultado …

PAN vai abster-se na generalidade. OE mais próximo da aprovação

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) vai abster-se na votação na generalidade da proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na próxima quarta-feira, anunciou a líder parlamentar do partido, Inês Sousa Real. Com a abstenção dos três …

O passado tóxico fica para trás. Asbestos, a cidade "amianto", mudou de nome

A cidade canadiana Asbestos (que significa amianto) ganhou um novo nome, quase 11 meses após o anúncio da votação. Wuase metade dos cerca de 6 mil residentes da cidade canadiana marcaram presença numa votação organizada num …

Menino de 12 anos encontra fóssil de dinossauro com 69 milhões de anos

Nathan Hrushkin, aspirante a paleontólogo de 12 anos, encontrou o fóssil de um dinossauro enquanto passeava com o pai em Alberta, no Canadá. Depois de enviarem uma fotografia ao Museu Royal Tyrrell, ficaram a saber …