Estudo prova que afinal há mesmo (alguma) vida depois da morte

Um novo estudo científico surpreendente confirma que, após a morte, há ainda funções do organismo “vivas” e, em alguns casos, a sua expressão nos genes até aumenta – durante um período a que chamam o “crepúsculo da morte”

Depois de em 2014 um estudo ter encontrado provas de consciência depois da morte, um novo estudo encontrou agora indícios de actividade fisiológica após a morte de um organismo.

A pesquisa, realizada por uma equipa de cientistas internacionais e publicada no jornal Open Biology, estudou o post mortem de peixes-zebra e de ratos, tendo permitido constatar que nem todas as funções do organismo param imediatamente quando o corpo morre.

Segundo os autores do estudo, o fenómeno ocorre em todos os animais – incluindo os seres humanos.

“Morrer” passo-a-passo

O que parece ocorrer, de acordo com o estudo, é um desligar faseado das células, após a morte, ou seja, algumas transcrições genéticas – processo celular que regula a cópia de material proteico com base no código genético da célula – cessam totalmente, enquanto outras transcrições genéticas permanecem activas.

“Os dados sugerem que ocorre um ‘desligamento’ passo-a-passo na morte dos organismos, manifestado pelo aparente aumento de expressão genética – o processamento da informação codificada nos genes para uma dada proteína com uma função específica no organismo – com várias durações e picos de abundância”, escrevem os autores do estudo.

Para que este processamento se verifique, é preciso que ocorra a “transcrição genética”, ou seja, que moléculas de ARN, o Ácido Ribonucléico, copiem partes específicas de uma sequência de ADN, levando-as até ao núcleo vivo das células (o citoplasma), onde ocorre a síntese das proteínas (a “tradução genética“).

As análises efectuadas post mortem levaram os investigadores a concluir que as funções das transcrições genéticas mais abundantes, nas horas ou dias subsequentes à morte, estão associadas ao stress, imunidade, inflamação, cancro e, surpreendentemente, ao desenvolvimento embrionário – como se o corpo quase procurasse renascer.

“Nem todas as células estão mortas quando um organismo morre. Diferentes tipos de células têm diferentes períodos de vida, de geração e de resiliência ao stress extremo”, diz o autor principal do estudo, Peter Noble, da Universidade de Washington, nos EUA, citado pelo Seeker.

“É provável que algumas permaneçam vivas e tentem reparar-se, especialmente as células estaminais”, acrescenta o investigador.

“O crepúsculo da morte”

Este “limbo” que ocorre depois da morte e antes do início do processo de decomposição do corpo, em que a “expressão genética” cessa, é definido pelos cientistas como o “crepúsculo da morte”.

Noble compara o processo à queda de um edifício, como sucedeu, por exemplo, com as torres gémeas do World Trade Center, na altura dos atentados terroristas de 11 de Setembro de 2001.

“Podemos obter muita informação sobre como um sistema colapsa estudando a sequência de acontecimentos, à medida que eles se desenrolam ao longo do tempo. No caso das torres gémeas, num momento, vimos o colapso sistemático de um andar que afectou os andares abaixo dele”, explica Noble.

“Isto dá-nos uma ideia das fundações estruturais que suportam o edifício, e vemos um padrão semelhante no apagamento dos animais“, diz o cientista.

Surpreendente nas suas conclusões, este é, conforme sublinham os próprios autores, um estudo que levanta muito mais questões do que aquelas a que dá resposta.

SV, ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. existe morte para corpo humano, más espírito humano, conforme parecer dos mensageiros de deus nunca more .
    deus perdoa todos pecados,más a consciência é capaz de sofrer um bocadinho.
    no outro mundo tal como este mundo ,depois de nascer, como os médicos, almas do espíritos santos e parentes falecidos vão ajudar para beleza existentes no outro
    mundo .

  2. Já se sabia que nos homens se constata que a barba cresce ligeiramente nas horas que se seguem à morte. E sem estudo.

  3. DEPOIS DE MORTE PARA FÍSICO SENDO UMA COMPOSIÇÃO EXISTE DECOMPOSIÇÃO,
    MÁS ENQUANTO ESPÍRITO QUE É UM ELEMENTO,NÃO EXISTE DECOMPOSIÇÃO E VIVERÁ
    ETERNAMENTE.

RESPONDER

Prémio Tyler 2020: Defensores de políticas verdes ganham "Nobel do Meio Ambiente"

O Prémio Tyler 2020, também conhecido como o "Nobel do Meio Ambiente", foi atribuído à bióloga Gretchen Daily e ao economista ambiental Pavan Sukhdev, foi hoje anunciado. A bióloga especialista em conservação e o economista são …

Subsídios estão a ser pagos e aumento de 15% no ordenado "não é realista", diz a Ryanair

A Ryanair está a pagar os subsídios de férias e Natal, afirmou hoje um responsável da companhia, salientando que o sindicato dos tripulantes de cabine tenta “forçar” aumentos salariais de 15%, o que “não é …

Tia de Kim Jong-un faz a primeira aparição pública em mais de seis anos

Kim Kyong-hui, tia paterna do líder norte-coreano Kim Jong-un, reapareceu em público este sábado pela primeira vez em mais de seis anos, escreve a BBC. A emissora britânica, que avança a notícia citando a Agência Central …

Coronavírus. Madeira está a preparar-se para eventual surto

Região da Madeira “já está a delinear” quartos com pressão negativa e áreas isoladas, além de “fármacos, oxigénio, fatos protetores, máscaras e capacidade laboratorial”. O presidente do Instituto de Saúde (Iasaúde) da Madeira anunciou esta segunda-feira …

Luanda Leaks. Isabel dos Santos vai processar o consórcio de jornalistas

Depois de Rui Pinto ter assumido a autoria da divulgação dos documentos do caso Luanda Leaks, Isabel dos Santos avança que vai processar o consórcio de jornalistas. A empresária angolana Isabel dos Santos vai processar o …

Portugal vende cinco F-16 à Roménia por 130 milhões de euros

O ministério da Defesa Nacional oficializou hoje, na Base Aérea de Monte Real, no distrito de Leiria, a venda de cinco aviões militares F-16 à Roménia, num negócio de 130 milhões de euros. "Com este processo …

Pedro Proença e a violência no futebol: "É chegada a altura de o Governo assumir responsabilidades"

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol (LPFP), Pedro Proença, disse esta segunda-feira, depois de uma reunião no Ministério da Administração Interna (MAI), que o governo deve assumir responsabilidades sobre os recentes casos de violência …

Reconhecimento facial vai ser testado no acesso a serviços públicos online

O Governo quer criar um sistema de reconhecimento facial para usar a chave móvel digital, ferramenta que já permite aceder a vários serviços online do Estado. O Governo está a planear criar um sistema de reconhecimento …

Sem voz no clube, Raul José pondera abandonar o Sporting

Sem voz na pasta das contratações e construção do plantel, Raul José, líder do departamento de scouting do Sporting, pode estar de saída do clube. Raul José, líder do departamento de scouting do Sporting CP, estará …

António Costa vai responder por escrito a 100 perguntas sobre Tancos

Apesar de sempre ter defendido que o testemunho devia ser presencial, o Juiz Carlos Alexandre aceitou que António Costa possa depor por escrito sobre o caso do furto e recuperação das armas de tantos. O …