/

Estudante alemão cria embalagem biodegradável com algas marinhas mortas

Um estudante universitário alemão criou um material completamente biodegradável, feito inteiramente de águas marinhas mortas encontradas nas praias.

Felix Pöttinger, da Royal College of Art, em Londres, garante que o material (chamado POC) tem propriedades anti-bacterianas, que ajudam a manter a comida seca e fresca.

O estudante espera que o POC seja usado para reduzir os resíduos de embalagens de alimentos e plásticos. “É um material desperdiçado naturalmente e investigações anteriores mostraram que é altamente resistente contra o mofo”, explica.

As algas são misturada com uma substância das folhas, antes de serem comprimidas num molde. Depois, o material é aquecido até secar completamente.

Já que o novo material também é completamente renovável, Felix acredita que poderá vir a substituir as embalagens plásticas de alimentos.

“Estou a usar apenas as fibras de algas mortas que aparecem nas praias da costa do Mediterrâneo, portanto não há processo de colheita industrial que prejudique qualquer ser vivo”, garante Felix.

O estudante pretende criar uma empresa para testar o produto, para cumprir as normas de embalagem de alimentos da União Europeia.

  ZAP // Só Notícia Boa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.