Esquemas de Wall Street alimentaram a crise de 2008. Está a voltar a acontecer

Sam Valadi / Flickr

“Charging Bull”, escultura de Arturo Di Modica

Bancos têm erroneamente relatado dados de rendimento inflacionados que comprometem a integridade dos valores imobiliários resultantes.

Foi há mais de 12 anos que foi anunciada a falência do Lehman Brothers, o quarto maior banco de investimento dos Estados Unidos.

Este foi o marco da crise financeira de 2008, marcada pela desregulação financeira e pela bolha imobiliária, que rapidamente se alastrou à Europa. O elevado endividamento das famílias, empresas e Estados e a fragilidade bancária eram inevitáveis perante uma supervisão ineficaz.

A investigação do portal The Intercept revela que muitas instituições financeiras estão a arriscar-se mais uma vez, da mesma forma que aconteceu há mais de uma década. Tudo isto por causa de empréstimos semelhantes que podem levar a um desastre parecido.

Um analista descobriu esquemas de contabilidade numa escala surpreendente no mercado imobiliário comercial, de forma semelhante aos liar loans’ — “empréstimos mentirosos” — concedidos em meados dos anos 2000 para imóveis residenciais.

Como é que estes empréstimos funcionavam? Muitas vezes, sem informar os próprios mutuários, as empresas de empréstimos alegavam que a pessoa ganhava, por exemplo, 500 mil dólares por ano, permitindo que a pessoa pedisse dinheiro suficiente para comprar uma casa que não poderia pagar.

Assim, os bancos aceitavam os empréstimo, que na realidade nunca poderiam ser pagos com o rendimento real da pessoa. Os títulos eram depois vendidos a investidores como fundos de pensão, permanecendo valiosos enquanto os preços das casas aumentavam. Quando os preços pararam de subir, a bolha imobiliária rebentou.

Um recente estudo apoia a sua conclusão, descobrindo que bancos como Goldman Sachs e Citigroup têm erroneamente relatado dados de rendimento inflacionados que comprometem a integridade dos valores imobiliários resultantes.

O analista identificou ainda esquemas financeiros complexos de uma instituição financeira, que emite empréstimos e administra um fundo imobiliário, que pode ajudar um dos seus principais inquilinos — a cadeia de lojas Dollar General — a florescer e devastar os revendedores mais pequenos.

Desta vez, a questão não é uma bolha no mercado imobiliário, mas uma aparente inflação generalizada do valor dos negócios comerciais, nos quais os empréstimos são baseados.

  Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

BE e PCP fazem pressão e Carlos César questiona: "Sentem-se melhor a fazer oposição ou a fazer acordos?"

O presidente do PS defendeu, esta quinta-feira, que Bloco e PCP têm de esclarecer "o que os move" nas negociações orçamentais: se preferem fazer oposição a um Governo de direita ou fazer acordos com um …

Apenas 14% das vacinas prometidas aos países mais pobres foram efetivamente entregues

Apesar das promessas deixadas por muitos dos países mais ricos e desenvolvidos, número de vacinas que chegou aos territórios é ainda muito baixo, o que pode comprometer os avanços já conseguidos. Apenas uma em sete doses …

Presidente da Coreia do Sul anuncia fracasso da colocação de satélite em órbita

O primeiro foguetão espacial fabricado pela Coreia do Sul falhou a colocação em órbita da sua carga, um satélite simulado de 1,5 toneladas, apesar de o lançamento ter tido sucesso, disse o Presidente do país. O …

Juízes recusam suspender julgamento de Ricardo Salgado

O juiz que está a julgar o ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES), no âmbito da Operação Marquês, recusou suspender o julgamento, depois de a sua defesa ter alegado o facto de ter sido diagnosticado …

Quadro de Van Gogh, que esteve nas mãos dos nazis, vai a leilão. Deverá render 25 milhões de euros

Uma pintura de Vincent van Gogh vai ser leiloada no próximo mês, depois de mais de um século sem ser vista em público. Estima-se que o preço de venda chegue aos 25 milhões de euros. O …

Coreia do Sul lança com êxito o seu primeiro foguetão espacial

A Coreia do Sul lançou hoje o seu primeiro foguetão de fabrico próprio, segundo as imagens transmitidas pela televisão, tornando-se o décimo país do mundo com capacidade para desenvolver e lançar veículos espaciais. O veículo coreano …

"A melhor coisa que pode acontecer a Portugal era o Governo ser derrubado e desaparecer"

O presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, defendeu hoje que “a melhor coisa que podia acontecer a Portugal”, neste momento, era o executivo liderado por António Costa “ser derrubado e desaparecer”. Miguel Albuquerque afirmou …

Mulher de João Rendeiro tem mais três dias para entregar as obras em falta

O prazo para a entrega das obras acabou esta quarta-feira, mas a juíza do processo em que João Rendeiro foi condenado a dez anos de prisão efetiva deu mais três dias à mulher do ex-banqueiro. Depois …

Uma estrada com alguns automóveis

Sete cidades do Norte podem ir a jogo pela neutralidade carbónica

Gaia, Porto, Matosinhos, Famalicão, Guimarães, Braga e Viana do Castelo poderão ir a jogo na Missão Climate Neutral & Smart Cities, que quer apoiar a redução de emissões em 100 cidades. Uma coligação de sete cidades …

Teste à covid-19

Subvariante da Delta identificada em Israel. Em Portugal há nove casos

Em Portugal, já foram detetados nove casos da variante AY4.2, subvariante da Delta, de acordo com o mais recente relatório do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge sobre diversidade genética do novo coronavírus SARS-CoV-2. O …