Esfinge milenar com cabeça de carneiro descoberta no Egito

Uma equipa de arqueólogos descobriu na área de Gebel el Silsila, no sul do Egito, os restos de uma oficina com cerca de 3500 anos. No mesmo local, que é datado do reinado de Amenófis III da 18.ª dinastia, foram também encontradas várias esculturas e hieroglíficos.

Entre os elementos descobertos encontra-se uma esfinge com cabeça de carneiro feita de arenito. Este artefacto era já visível antes das antes das escavações levadas a cabo pela equipa da Universidade de Lund, na Suécia, e pelo Ministério de Antiguidades do Egito que agora conseguiram desenterrar a esfinge totalmente.

De acordo com o Projeto Gebel el Silsila, a escultura tem cerca de 5 metros de comprimento e 3,5 metros de altura, mesmo estando a sua cabeça partida. Além disso, foi encontrada perto desta esfinge uma outra de menores dimensões que se acredita ter sido esculpida por um aprendiz.

As esfinges são um símbolo da realeza do Antigo Egito, representavam a força e o poder do faraó. Além disso, são ainda consideradas símbolos da vida após a morte, sendo muitas vezes encontradas junto a túmulos.

Ainda segundo a equipa que liderou a escavação, a oficina terá sido abandonada após a morte do faraó Amenófis III, em meados 1350 a.C.

Estas obras não foram, contudo, os únicos objetos encontrados. A equipa de arqueólogos  encontrou uma escultura de uma cobra feita para coroar a cabeça da esfinge e ainda uma estela (coluna de pedra destinada a ter uma inscrição). Foi também encontrado um santuário destruído com símbolos hieroglíficos dedicados a Amenófis III e partes de uma escultura de um falcão e um obelisco.

Nos últimos meses, o Egito tem anunciado uma série de descobertas da Antiguidade, na esperança de animar a indústria turística do país, fonte primária de rendimento nacional. O setor foi muito afetado na última década pela instabilidade que se seguiu à turbulência popular de 2011, que derrubou o então ditador de longa dara Hosni Mubarak.

Entre as várias descobertas que alimentaram a Arqueologia no Egito durante o ano passado, sobressai um enorme sarcófago negro, descoberto em meados de julho. Encontrado em Alexandria, o túmulo captou desde logo a atenção de cientistas de vários quadrantes do mundo quer pelas suas dimensões e pela sua cor, quer por se desconhecer por completo quem estaria lá sepultado. Houve até quem pensasse que se trataria do sepultamento de Alexandre, o Grande.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Feitos de estrelas. Os nossos ossos são compostos por estrelas que explodiram

Uma nova investigação concluiu que metade do cálcio do nosso Universo é oriundo de uma supernova rica em cálcio, que explodiu há milhões de anos. O novo estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista …

"Monarquia criminosa". Parlamento declara Catalunha republicana e não reconhece o rei

O Parlamento catalão aprovou esta sexta-feira uma resolução na qual declara que “a Catalunha é republicana e, portanto, não reconhece nem quer ter um rei”, rotulando a monarquia de “criminosa”. A resolução foi aprovada em sessão …

Novo método deteta metais tóxicos em alimentos e água em apenas algumas horas

Uma equipa de cientistas da Universidade de Joanesburgo, na África do Sul, desenvolveu um método sensível para detetar níveis perigosos de metais pesados em alguns alimentos e água. Os vestígios de metais como chumbo (Pb), arsénico …

Meghan Markle vence primeira batalha judicial contra jornal britânico

A Duquesa de Sussex conseguiu que o Tribunal Superior de Londres optasse por manter anónima a identidade das suas cinco amigas, como parte da ação legal que está a ser levada a cabo. O 39º aniversário …

Cientistas obrigados a rebatizar dezenas de genes humanos. A culpa é do Excel

Só no ano passado, os cientistas viram-se obrigados a mudar os nomes de 27 genes humanos por causa de um erro de leitura do Microsoft Excel. Tal como explica o portal The Verge, que avança …

"Vai continuar a queimar". Covid-19 é mais parecida com um fogo florestal do que com ondas e picos

Com o surgimento do novo coronavírus no mundo, vários especialistas previam que este iria surgir em ondas e picos. Agora a visão de futuro é outra e os especialistas dizem que a pandemia se compara …

Mudanças climáticas podem vir a causar mais mortes do que a covid-19, alerta Bill Gates

  As mudanças climáticas podem custar muito mais vidas nas próximas décadas do que a pandemia do novo coronavírus (covid-19). O alerta é do co-fundador da Microsoft, Bill Gates, que, através de uma reflexão no seu …

Descoberta a primeira disrupção gigante nas nuvens de Vénus

Uma equipa internacional de cientistas, que incluiu um investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), descobriu a "primeira disrupção gigante" nas nuvens de Vénus que tem fustigado as zonas profundas da atmosfera …

TVI aposta em estúdio a Norte. Nuno Santos quer Informação mais ao estilo da SIC Notícias do que da CMTV

O diretor-geral da TVI, Nuno Santos, afirmou, em entrevista ao jornal Público, que a estação de Queluz de Baixo vai apostar num estúdio no Norte, revelando ainda que pretende mudar a Informação do canal mais …

Fair-play financeiro. UEFA mantém restrições ao FC Porto

A UEFA informou, esta sexta-feira, que o FC Porto "cumpriu parcialmente as metas estabelecidas para a época 2019/20" a nível do fair-play financeiro e que vai manter as restrições impostas ao clube azul e branco. "O …