Os cientistas já sabem (quase) tudo sobre as múmias do sarcófago negro do Egito

(dr) Ministério de Antiguidades do Egito

No início de julho, um enorme sarcófago negro foi descoberto em Alexandria, no Egito. O misterioso túmulo foi aberto dias depois e os especialistas identificaram no seu interior três múmias danificadas pela água que se tinha infiltrado. 

Os cientistas acreditam que se trata de uma sepultura do do período ptolemaico, que começou logo após a morte de Alexandre, o Grande, em 323 a.C.

Após três semanas de trabalho intenso, um grupo de especialistas egípcios, liderados pela investigadora Zeinab Hasheesh, conseguiu determinar a idade, o sexo e a altura das múmias encontradas.

De acordo com os investigadores, o sarcófago tinha no seu interior dois homens e uma mulher. Um dos homens, tinha entre 35 e 39 anos e media, aproximadamente, 1,60 a ,1,65 metros; já o segundo, possuía uma estrutura física mais forte, tinha entre 40 e 44 anos e media entre 1,79 e 1,84 metros.

A mulher tinha cerca de 20 a 25 anos e media entre 1,60 a 1,64 metros, aponta o Ministério das Antiguidades do Egito.

Segundo a localização dos restos no túmulo, os investigadores supõem que os corpos foram enterrados em duas etapas distintas.

A mais antiga intervenção cirúrgica

Mas as descobertas não ficaram por aqui. Os investigadores encontraram ainda um buraco com cerca de 1,7 centímetros de largura na zona posterior do crânio de um dos homens. A incisão revela que o homem viveu durante muito tempo com essa cavidade no cérebro – ou seja, o buraco foi resultado de uma intervenção cirúrgica.

A incisão neste crânio é “umas das práticas médicas mais antigas utilizadas pela humanidade, mas raramente era aplicada no Antigo Egito, onde se encontram poucos crânios com vestígios de operação”, explicou Hasheesh.

No futuro, os cientistas tencionam continuar a estudar os restos encontrados no misterioso sarcófago negro através de exames de ADN que ajudarão a determinar o grau de parentesco entre os três indivíduos. O líquido extraído de dentro do sarcófago também será analisado.

(dr) Ministério de Antiguidades do Egito

A incisão tinha cerca de 1,7 centímetros

Descobertas 3 inscrições no sarcófago

Foram ainda encontradas três inscrições, gravadas em folhas de ouro, no túmulo. A Live Science ouviu vários especialistas que não estiveram envolvidos na investigação, para tentar compreender o significado do desenhos encontrados.

Um dos desenhos é uma cobra, revelou Jack Ogden, presidente da Sociedade de Historiadores de Jóias, especialistas em joelharia de ouro egípcia.

O investigador relembrou que as cobras era muito utilizadas nas jóias egípcias, relembrando que estes animais estão relacionadas com o “renascimento – uma vez que trocam a sua pele – e, por isso, são perfeitas para uma cerimónia fúnebre”.

Jack Ogden relembrou ainda que as serpentes estavam “aparentemente associadas à Deusa Ísis“. “Regra geral, parece que as jóias com cobras eram, na sua maioria, associadas à mulheres. No entanto, não posso afirmar que a cobra aqui inscrita estivesse associada à mulher aqui sepultada”, acrescentou.

Ministério de Antiguidades do Egito

O segundo e mais enigmático desenho mostra o que pode ser uma semente de uma papoila de ópio no interior de um santuário. Ogden enfatiza, contudo, que não há certezas sobre o que possa significar.

“O ópio parece ter sido bastante usado no Egito greco-romano para fins medicinais, mas pode haver alguma conexão – pelo menos na mentalidade antiga – relativamente às suas qualidades na indução do sono e dos sonhos bem como, na morte e renascimento”, explicou Ogden. “É intrigante”, rematou.

O terceiro desenho mostra um ramo de uma palmeira ou uma espiga de milho, ambos normalmente associados “à fertilidade a ao renascimento”, concluiu.

O misterioso e enorme túmulo foi descoberto no início do mês de julho e, desde então, multiplicaram-se especulações sobre o que estaria lá dentro.

O sarcófago de 30 toneladas foi datado pouco depois da morte de Alexandre, o Grande, que conquistou a área em 332 a.C., e, por isso, alguns investigadores acreditavam que pudesse conter os restos mortais do rei da Macedónia. Outros, menos céticos, acreditavam que a abertura do túmulo selado há mais de 2 mil anos podia trazer uma maldição mortal.

Na verdade, o túmulo “escondia” três múmias envolvidas em água suja do esgoto. O líquido deve ter-se infiltrado, acelerando o processo de decomposição dos corpos.

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Determinar características fisionómicas não é determinar a IDENTIDADE… (tal como saber quantos números e estrelas tem a chave do euromilhões, não é o mesmo que acertar nela)

    E… de acordo com a imagem o buraco no crânio terá 17 mm, não centímetros… e faz muita diferença no caso!

    Obrigado pela notícia, de qualquer modo…

  2. Não sei onde o autor da notícia ou o tradutor tinha a cabeça quando criou esta notícia:
    – um buraco no craneo de 17 cm seria um buraco que ocuparia praticamente toda a parte lateral do craneo, no tempo em que foi feita provocaria certamente a morte imediata do energúmeno.
    – Como se deprende pela escala apresentada na foto, o orifício teria sim 17 mm, o então é mais aceitável e plausível.
    Penso que seria de corrigir este erro grosseiro.
    Obrigado

RESPONDER

Pela primeira vez, os norte-americanos querem mais imigração - e não menos

Pela primeira vez, os norte-americanos querem ver aumentar a imigração no seu país, escreve o Business Insider citando uma sondagem da Gallup. De acordo com os números apresentados pelo jornal norte-americano, 34% dos cidadãos dos …

Porto 5-0 Belenenses | Segunda parte demolidora no Dragão

O FC Porto respondeu de forma categórica à vitória do Benfica sobre o Boavista por 3-1 na noite de sábado. Na recepção ao Belenenses, os “azuis-e-brancos” golearam por expressivos 5-0, com quatro golos a serem apontados …

Foi exposto o primeiro núcleo exoplanetário. Pode pertencer a gigante gasoso "planeta falhado"

Astrónomos da Universidade de Warwick descobriram o núcleo sobrevivente de um gigante gasoso em órbita de uma estrela distante, oferecendo uma visão sem precedentes do interior de um planeta. O núcleo, que é do mesmo tamanho …

As águas profundas provocam terramotos e tsunamis (e já se sabe como)

Uma nova investigação vincula diretamente o ciclo da água na Terra com a produtividade magmática e a atividade sísmica. A água (H2O) e outros elementos voláteis (como o CO2 e o enxofre) que circulam nas profundezas …

Cidade japonesa acaba de proibir a utilização de telemóveis enquanto se caminha

A cidade japonesa de Yamato acaba de aprovar uma proposta de lei que proíbe as pessoas de utilizarem telemóveis enquanto caminham. A cidade, localizada num subúrbio de Tóquio, entende que os telemóveis são um risco …

MIT apagou base de dados popular que ensinou IA a ser racista e sexista

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, viu-se obrigado apagar uma base de dados de treinamento de Inteligência Artifical (IA) depois de esta ensinar vários algoritmos a usar insultos racistas e sexistas. …

Escola Básica e fábrica de Paços de Ferreira encerradas, com nove casos positivos

A Escola Básica n.º 2 e a Fábrica de Lacados Abrelac, em Paços de Ferreira, Porto, foram encerradas após diagnosticados nove casos de covid-19 para “prevenção” e para “interromper as cadeias de transmissão”, disseram hoje …

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …