Encontrada a primeira carta que relatava o regresso de Cristóvão Colombo depois de descobrir a América

Prang Educational Co., 1893. 40802Y U.S. Copyright Office

Ilustração da chegada de Cristóvão Colombo à América em 1492.

O documento mais antigo que relata o regresso de Cristóvão Colombo depois de descobrir a América acaba de ser encontrado pelo Arquivo da Nobreza, dependente do Ministério da Cultura, no seu trabalho de tratamento técnico e digitalização do Arquivo dos Condes de Villagonzalo.

“Nosso muito alto, excelente e poderoso príncipe, rei de Castela, de Aragão da Sicília, de Granada e nosso amado príncipe irmão”, pode ser lido em português no verso da carta datada de 4 de março de 1493 e escrita por João II de Portugal a Fernando, o Católico, onde o ato de Colombo se anuncia pela primeira vez. Está escrito no mesmo dia em que Colombo chegou a Lisboa depois da sua aventura.

“O interesse deste documento reside, especialmente, no início da sua data, já que poderíamos estar diante do primeiro testemunho do regresso bem-sucedido de Colombo depois de sua aventura oceânica, além das suas cartas e jornais. A chegada fortuita a Lisboa do navegador concedeu ao monarca português o furo de descobertas e deu lugar a uma batalha diplomática entre os tribunais castelhano e português pelo controlo da expansão atlântica”, explicou o Arquivo à ABC.

Na parte de trás do documento, no endereço da carta, podemos ver o selo de armas do Rei de Portugal, excecionalmente bem preservado, e o ponto de fecho na forma de um semicírculo.

Esta instituição pretende expor a carta ao público a partir da semana que vem na exposição sobre a assinatura do Tratado de Tordesilhas, que pode ser visitada em Toledo.

Neste processo de descrição e tratamento técnico do Arquivo dos Condes de Villagonzalo, que é de propriedade privada, mas é guardado pelo Arquivo da Nobreza, foram encontradas há dois meses duas cartas oficiais de João II de Portugal relacionadas com o Tratado de Tordesilhas. São os primeiros documentos relativos a esta viagem após a partida de Palos de la Frontera em 3 de agosto de 1492.

O segundo documento é também uma carta de João II de Portugal a Fernando, o Católico, desta vez datado de 25 de maio de 1493, e é um testemunho de como o rei português concordou em paralisar a partida de suas caravelas. A carta do monarca constitui o começo das negociações que dariam origem ao Tratado de Tordesilhas, enquanto as conversas com o papa Alexandre começaram em relação às terras descobertas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Em 1816 não houve verão. A culpa foi de um vulcão na Indonésia

https://vimeo.com/361354585 Em 1815, o vulcão Monte Tambora, na Indonésia, explodiu - e terá sido a maior erupção nos últimos 1.500 anos. Há muito que se suspeita que o evento causou o chamado "ano sem verão" na …

Já se sabe o que colidiu com Júpiter em agosto

No mês passado, recebemos a notícia de um raro flash de luz em Júpiter, suficientemente brilhante para ser visto através de telescópios. De acordo com uma nova análise, a causa desse acidente foi um pequeno asteróide, …

Maior expedição científica de sempre ao Ártico parte hoje da Noruega

A maior expedição científica de sempre ao Ártico parte hoje para estudar durante um ano os efeitos visíveis das alterações climáticas no Pólo Norte. O quebra-gelo Polarstern, do instituto Alfred-Wegener, de Bremerhaven, na Alemanha, partirá do …

Asteróide "sorrateiro" pregou um susto à NASA e quase colidiu com a Terra em julho

Em finais de julho, um asteróide do tamanho de um campo de futebol pregou um susto à NASA quando passou a apenas 65.0175 quilómetros da Terra. Foi a maior rocha espacial a passar tão perto …

Vem aí o Dia 0. A Austrália vai ficar sem água (e pode não ser a única)

O Dia 0 está a chegar e a Austrália está prestes a ficar sem água. Os cientistas dizem que este é um aviso para todas as outras regiões em redor do mundo. Este dia vai marcar …

Mujahid é a misteriosa figura por detrás da propaganda talibã (mas pode nem ser real)

Zabihullah Mujahid pode não ser um nome reconhecido pelas pessoas, mas a verdade é que tudo aquilo que ele diz é escutado atentamente por todo o mundo. Mujahid é o porta-voz dos talibãs há 12 anos …

O rapper, a mulher adúltera, a caçadeira e a PIDE feminista. Polémica com videoclip de Valete

Numa altura em que continuam a contar-se as mulheres que morrem vítimas de violência doméstica, o último videoclip de Valete, um dos rappers mais reconhecidos do país, está a causar polémica. Há quem considere que faz …

Milhares de milhões de pássaros desapareceram dos EUA

Um quarto de todos os pássaros dos EUA desapareceram desde 1970, segundo uma pesquisa publicada esta quinta-feira na revista Science, que dá conta de uma perda de biodiversidade contabilizada em 30% da população total de …

Cruzeiro "exclusivamente para britânicos" levanta polémica

Uma brochura que prometia viagens de cruzeiro exclusivas para britânicos levou várias pessoas a queixarem-se da Saga, uma empresa especializada em serviços para clientes com mais de 50 anos. A empresa já remeteu as culpas …

Começou à "invasão" da Área 51. Já há detidos e até um festival

Pelo menos 75 pessoas já chegaram à Área 51, uma base militar secreta dos Estados Unidos, em resposta a um evento criado no Facebook. Milhão e meio de pessoas combinaram invadir esta sexta-feira esta zona misteriosa …