Empresas de comunicações ameaçam subir preços das mensalidades

As empresas de telecomunicações ameaçam subir os preços das mensalidades, se o Parlamento avançar com a proposta da ANACOM para limitar os montantes a pagar em caso de quebra de contrato de fidelização.

Em causa a proposta do regulador entregue no Parlamento para limitar, e muito, o custo da quebra do período de fidelização pelos clientes. A proposta foi esta quarta-feira detalhada aos deputados pelo presidente da ANACOM. João Cadete de Matos explicou que querem evitar abusos.

As medidas enviadas à Assembleia da República e ao Governo alterariam a Lei das Comunicações Eletrónicas, mantendo o período máximo de fidelização em 24 meses.

No entanto, se o cliente quiser rescindir o contrato na primeira metade do período de fidelização terá de pagar ao operador, no máximo, apenas 20% das mensalidades que ainda estavam por pagar. Se a quebra acontecer na segunda metade do período de fidelização o montante desce para 10%.

A ANACOM é agora fortemente criticada pela Associação dos Operadores de Comunicações Electrónicas (APRITEL), de acordo com a TSF. A associação que representa as grandes empresas da área fala num “atentado ao setor” e à inovação tecnológica, pondo em causa a nova tecnologia 5G.

A secretária-geral referiu que uma consequência económica evidente será, naturalmente, o aumento das mensalidades e dos custos de adesão aos serviços de comunicações. Daniela Antão diz que “na prática estamos perante um fim dissimulado da fidelização através da eliminação quase total das compensações possíveis em caso de quebra”.

“Sem a possibilidade de alguma estabilidade contratual, o setor não vai conseguir ter preços compatíveis com o poder de compra em Portugal, com um impacto grave. É evidente que se o cliente puder sair com uma compensação irrisória os operadores terão de ter alguma reciprocidade nos benefícios que estão a entregar ao consumidor, sendo mau para todos”, defende a representante das empresas.

A APRITEL acusa a ANACOM de não ter ouvido o setor nem de ter feito qualquer análise económica às consequências da proposta que entregou para mudar as fidelizações.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Estas empresas são mesmo um grupo de mafiosos.
    As fidelizações apenas são uma forma de EXTORQUIR dinheiro aos consumidores.
    Reconheço que é preciso uma forma de evitar clientes insensatos que poderiam pedir um serviço de forma irresponsáveis e que traria custos injustificáveis ao operador.
    Agora uma fidelização de 2 anos… POR FAVOR, VÃO ROUBAR OUTRO.
    E pior que tudo de pois de fidelizado por 2 anos, apenas renovam nova fidelização…
    Isto não tem nada haver com inovação ou qualquer outra treta, apenas querem é ficar com o nosso dinheiro.
    O governo se quisesse impunha uma lei com fidelizações limitadas a 6 meses e depois era livre, obrigando que os valores atuais apenas fosse atualizados até ao máximo da inflação.
    Se os operadores não estão satisfeitos que se ponham a andar que haveria muitas empresas pelo mundo fora que estariam interessadas neste mercado (que deve ter das infraestruturas mais atuais e modernas da Europa ou mesmo do Mundo)

  2. Se as operadoras concertarem uma posição comum, isso é cartelização e como tal deverá ser punida severamente por lei. Se, em lugar de ignorarem completamente o disposto legalmente quanto à defesa da privacidade e acesso a dados pessoais aceitando que quando as pessoas escolhem não querer ser contactadas para ações promocionais isso é para ser levado a sério, deixando assim de efetuar chamadas telefónicas sistemáticas para clientes, potenciais ou não, muitas delas usando números não identificados, deixarem também de iludir inúmeros jovens à procura de emprego com a ilusão de uma carreira comercial aborrecendo constantemente as pessoas nos seus lares e ainda acabarem com contratos abusivos cheios de cláusulas reconhecidamente irregulares, para não ir mais longe, então não só poupariam dinheiro que iriam ter reflexo nos seus resultados, como se calhar acabariam por corrigir a imagem desastrosa que a generalidade das pessoas/consumidores têm dos operadores de telecomunicações.

  3. Bah, quem manda no país, são as grandes companhias ou os governantes…..(até há quem chame os que se governam!!!)!!!!!!!!!! Qual o problema?!!! Xuxalismo é caro….. E lá vamos cantando e rindo no país dos otarinhos…. Afinal onde existe o tal país das maravilhas e do paraíso tão apregoado pela nossa “ilustre” classe política….?!!!! De certeza que não fica à beira mar plantado.. deve ser noutra galáxia a muitos milhões de anos-luz!!!!!!!!

  4. O 5G esta contratado a empresa que mais barata tem esta tecnologia do mundo que é a huawei e que vai vender essa tecnologia a Portugal …por isso as empresas querem o que so lucro?? Investimento? Bom o Investimento e fraco muito fraco existem muitos pontos negros no país onde so existe uma adsl e nem 11mb chega ate a ter … por isso estou de acordo com todos os que criticam as mediocres empresas de telecomunicacoes deste país que vejam so …apenas sao 2 …pois as outras duas so teem serviços em cidades

    • Pelo menos essas empresas servem para alguma coisa roubar o desgraçado e prestar péssimos serviços, tudo serve para roubar, desde as chamadas para lá para corrigirem erros de facturas, ou reclamar sobre os problemas da net… tudo, tudo serve para roubar…… e nada baratas… 2.00 euros. Não sei para que serve a ANACOM e o Governo do país da Alice das maravilhas…. Se são paus mandados das grandes empresas então vão para casa e poupem largos milhões aos países… Os (des)governantes pulhíticos) vivem no país da Alice das Maravilhas, e os tugas otários vivem no inferno criado por eles.

RESPONDER

Santa Clara 1-2 Sporting | “Leão” mostra POTEncial nas ilhas

Ao final da tarde deste sábado, o Sporting venceu o Santa Clara por 2-1, num duelo a contar para a 5ª jornada da Liga NOS que decorreu no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada. …

Robô ultrarrealista pode vir a substituir os golfinhos em cativeiro em parques temáticos

A empresa de engenharia Edge Innovations, com sede em São Francisco, Estados Unidos, projetou e construiu um golfinho-robô que se parece e age quase exatamente como um. Nadando ao redor da piscina enquanto um grupo de …

PCP avisa: Abstenção é “apenas e só” para discutir o OE2021

O secretário-geral do PCP avisou este sábado que a abstenção anunciada pelo partido visa "apenas e só" fazer passar o Orçamento do Estado de 2021 a "outra fase de discussão" e recusou estar garantido um …

Convento medieval encontrado sob parque de estacionamento em Inglaterra

Uma equipa de arqueólogos britânicos encontrou um convento medieval, há muito perdido, debaixo de um parque de estacionamento em Inglaterra. Há muito que os arqueólogos britânicos especulavam sobre a potencial localização de um antigo convento medieval, …

Virgin Galactic leva cientista planetário ao Espaço pela primeira vez

O norte-americano Alan Stern será o primeiro a realizar experiências científicas financiadas pela NASA, a bordo de uma aeronave comercial da empresa espacial privada Virgin Galactic. A NASA revelou a semana passada que o cientista planetário …

Português responsável por limpeza de hospitais condecorado pela Rainha Isabel II

O português Maciel Vinagre pensou que era mentira ou engano ao ler a notificação de que tinha sido distinguido pela Rainha Isabel II pelo trabalho como responsável da limpeza de dois hospitais públicos britânicos durante …

Japonês inventa sacos de plástico "comestíveis" (para salvar o veado sagrado de Nara)

Um empresário local no destino turístico japonês de Nara desenvolveu uma alternativa aos sacos de plástico de compras para proteger o veado sagrado da cidade. Hidetoshi Matsukawa, que trabalha na Nara-ism, um agente de souvenirs, disse, …

Emissão do programa de Ricardo Araújo Pereira cancelada. Humorista em isolamento

O programa de Ricardo Araújo Pereira na SIC não será emitido este domingo, uma vez que o humorista se encontra em isolamento profilático depois de ter estado em contacto com uma pessoa infetada com covid-19. …

Erro clínico. Centenas de hóspedes em quarentena em hotel da Austrália vão ter de fazer teste ao VIH

Centenas de pessoas que estiveram em quarentena no hotel Victoria, na Austrália, vão ter de fazer o teste de doenças transmitidas pelo sangue, incluindo VIH, devido a um erro dos profissionais de saúde daquele local …

Forças Armadas dos EUA estão a adquirir coletes à prova de bala adaptados para mulheres

As Forças Armadas dos EUA estão a dar grandes passos no que diz respeito à igualdade de género. A instituição está a começar a mudar os seus coletes à prova de bala, de forma a …