Há uma empresa neozelandesa em que se trabalha 4 dias por semana (e ganha-se o mesmo)

Os trabalhadores da Perpetual Guardian trabalham apenas quatro dias por semana e recebem o mesmo salário. A empresa neozelandesa decidiu fazer a experiência e os resultados não poderiam ser melhores.

Mantendo o mesmo salário e sem necessidade de fazerem horas extra, os funcionários da empresa Perpetual Guardian, na Nova Zelândia, puderam tirar um dia de folga por semana. Esta experiência foi realizada durante oito semanas e revelou ser um autêntico sucesso.

A empresa gerou o mesmo mas com menos um dia de trabalho, fazendo com que a produtividade aumentasse, assim como os níveis de motivação dos funcionários. O diretor da empresa afirmou que os resultados foram “excitantes”, destacando um maior equilíbrio entre a vida profissional e a vida familiar.

Andrew Barnes, fundador e diretor da Perpetual Guardian, é o responsável pela ideia de implementar a semana de apenas quatro dias de trabalho. E não se arrepende! Em entrevista à Radio Live, o diretor revelou ainda que a ligação entre os funcionários da empresa aumentou significativamente. “As pessoas ficaram mais confortáveis com a organização da empresa”, declarou.

No entanto, a existência de um dia de folga extra existe um maior empenho por parte dos trabalhadores para que os níveis de produtividade se mantenham inalterados. “Nós não reduzimos o número de horas de trabalho contratualizadas, mas o que dissemos foi: ‘se não mantêm a produtividade retiramos o presente’”, explicou Barnes.

Segundo o Diário de Notícias, os 240 trabalhadores da empresa neozelandesa mantiveram a produtividade e, inacreditavelmente, os níveis de stress diminuíram a olhos vistos.

Ainda assim, os funcionários precisaram de um período de adaptação. Segundo o diretor, tiveram de se ajustar a esta nova realidade, que começou a ser testada em março deste ano. Apesar da regalia, Barnes deixa claro que “isto é um presente, e não um direito”.

Se me dão a produtividade que eu quero eu dou um dia de folga. É respeito mútuo”, afirmou, aconselhando todas as empresas do país a seguirem este exemplo de modelo de trabalho.

As oito semanas desta experiência foram analisadas por académicos da Universidade de Auckland. Através de várias entrevistas e análises, os especialistas chegaram à conclusão que a semana de quatro dia de trabalho não teve qualquer efeito negativo na produtividade da empresa… pelo contrário!

Ao The Guardian, Helen Delaney, professora da Escola de Negócios da Universidade de Auckland, disse que os funcionários “projetaram uma série de inovações e iniciativas para trabalhar de uma forma mais eficiente e produtiva, desde automatizar processos manuais ou eliminar o uso da internet não relacionado com o trabalho”.

Antes desta experiência revolucionária, 54% dos funcionários afirmaram que conseguiram equilibrar a sua vida profissional com a sua vida familiar. Mas este número aumentou para 78% após estas oito semanas. Além disso, o nível de stress diminuiu 7% e a satisfação da vida subiu em 5%.

Para já, a semana de quatro dias de trabalho não é permanente na empresa, mas Barnes está já a trabalhar nesse sentido. O diretor da Perpetual GUardian vai enviar à administração recomendações para que este modelo de trabalho não se extinga e se torne comum nesta empresa.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. E em Portugal há uma empresa onde não se trabalha nenhum dia por semana e ganha-se mais do que em qualquer outro lado: É O ESTADO!

RESPONDER

Polícia holandesa encontra 25 pessoas escondidas em contentor frigorífico num cargueiro

A polícia holandesa localizou esta terça-feira 25 pessoas escondidas num contentor frigorífico numa embarcação que saiu do porto de Vlaardingen, perto de Roterdão, na Holanda, em direção ao Reino Unido, mas teve de regressar após …

É oficial: José Mourinho é o novo treinador do Tottenham

O treinador português José Mourinho, que estava no desemprego há quase um ano, é o sucessor do argentino Maurício Pochettino no comando do Tottenham, anunciou esta quarta-feira o 14.º classificado da Liga inglesa de futebol. Mourinho, …

Cientistas captam imagens extremamente raras de um peixe a devorar um tubarão inteiro

https://vimeo.com/374136378 Os tubarões são dos animais mais temidos nos oceanos, mas naquela que é uma verdadeira troca de papéis, um tubarão foi devorado por completo por um peixe das profundezas do mar. Um vídeo publicado pela US …

Há uma nova maneira de medir a gravidade da Terra

Uma equipa de cientistas descobriu uma nova forma única de medir a gravidade da Terra. O método anterior envolvia medir a influência da gravidade nos átomos, rastreando a rapidez com que os átomos caíam. O problema …

Detetado pela primeira vez vapor de água na Europa, a lua de Júpiter

Uma equipa internacional de cientistas confirmou a presença de vapor de água na superfície de Europa, um dos quatro satélites naturais de Júpiter, revelou a agência espacial norte-americana (NASA). "Os elementos químicos essenciais (carbono, hidrogénio, …

Pela primeira vez, uma astronauta corrige página da Wikipédia a partir do Espaço

Pela primeira vez na história da Humanidade, a astronauta norte-americana Christina H. Koch fez a edição de uma página da Wikipedia na Internet a partir da Estação Espacial Internacional (EEI), enquanto orbitava o planeta Terra. A …

Rover Mars 2020 vai procurar fósseis microscópicos

Cientistas do rover Mars 2020 da NASA descobriram o que poderá ser um dos melhores locais para procurar sinais de vida antiga na Cratera Jezero, onde o veículo vai pousar no dia 18 de fevereiro …

MP quer passar a ouvir todas as crianças expostas a violência doméstica

A procuradora-geral da República quer que os magistrados do Ministério Público peçam sempre ao juiz de instrução criminal que as crianças expostas a violência doméstica sejam ouvidas em tribunal para memória futura. A procuradora-geral da República, …

Greta Thunberg no Parlamento entre final do mês e início de dezembro

A ativista sueca aceitou participar numa sessão na Assembleia da República, em Lisboa, promovida pela comissão parlamentar de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, que se realizará entre o final deste mês e início de …

Phineas Fisher. O "hacker fantoche" que está a pagar para piratearem bancos e petrolíferas

Phineas Fisher é um hackers mais infames do mundo e procura agora renovar esse estatuto ao oferecer 100 mil dólares a quem piratear instituições capitalistas, como bancos e empresas petrolíferas. O hacker ficou conhecido após ter …