Durão Barroso “sempre recusou representar” a Goldman Sachs na UE

Depois de o vice-presidente da Comissão Europeia ter revelado que esteve com Durão Barroso enquanto representante do banco de investimento, o Goldman Sachs saiu em defesa do responsável português.

De acordo com o jornal i, o Goldman Sachs emitiu um comunicado no qual garante que Durão Barroso sempre recusou representar o banco junto de responsáveis da União Europeia.

“Enquanto presidente do Goldman Sachs International, José Manuel durão Barroso representa a nossa empresa junto de clientes, figuras públicas e outros importantes stakeholders. Desde que está connosco, sempre se recusou a representar a empresa em quaisquer interações com responsáveis da União Europeia”, lia-se na nota que contraria a versão adiantada por Jyri Katainen.

O Goldman Sachs garantiu ainda que “quaisquer reuniões desse tipo estão relacionadas com a sua competência pessoal construída ao longo da sua carreira de serviço público”.

O vice-presidente da Comissão Europeia, no entanto, garantiu ter-se encontrado com o português numa ação de lóbi. “Encontrei-me com o Dr. Barroso no Hotel Silken Berlaymont em Bruxelas, a 25 de Outubro de 2017. O sr. Barroso e eu fomos os únicos participantes nesta reunião, onde discutimos sobretudo assuntos de comércio e de defesa“, frisa Katainen numa carta de 31 de janeiro e enviada ao Observatório Corporativo da Europa, uma organização sem fins lucrativos que inspeciona o lóbi.

O Comité de Ética da Comissão Europeia que analisou o caso de Durão Barroso concluiu que o ex-político português tomou uma decisão pouco sensata, quando rumou ao Goldman Sachs, mas que não violou as regras de conduta da UE.

No entanto, a investigadora e ativista do Corporate Europe Observatory, Margarida Silva, defende que “Barroso claramente quebrou o compromisso, então a opinião do Comité de Ética tem de ser considerada inválida“.

O Comité de Ética da Comissão Europeia concluiu que, apesar de Barroso não ter mostrado “bom senso” ao tornar-se chairman da Goldman Sachs, não tinha quebrado a regra do artigo 245º do Tratado Europeu, que obriga os ex-membros da Comissão Europeia a não agir contra os interesses e a integridade do cargo, por garantir que não iria fazer lóbi, numa carta enviada a Jean-Claude Juncker, o seu sucessor.

Depois de Katainen confirmou ter-se encontrado com Barroso, enquanto representante da Goldman Sachs, para falar de “comércio e defesa”, o Corporate Europe Observatory quer que esta decisão seja revista.

Segundo o ECO, no entanto, Katainen já desmentiu ter sido alvo de lóbi, tendo o comissário dito que, em vez disso, os dois “só beberam uma cerveja”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …

Lista candidata à Ordem dos Enfermeiros excluída por ter poucos homens

Uma das listas candidatas às eleições para a Ordem dos Enfermeiros foi excluída por ter poucos homens. A comissão eleitoral nomeada explica que a lista não respeita a lei da paridade, aprovada pela Assembleia da …

“É a desilusão”. PSD queria novos ministros na Saúde, Educação e Justiça

  O PSD defendeu esta quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Dobradinha poderá render 1,6 milhões de euros a Bruno Lage

Caso consiga alcançar a dobradinha, isto é, vencer o campeonato e a Taça de Portugal, o treinador do Benfica, Bruno Lage, receberá em prémios cerca de 1,6 milhões de euros brutos, avança a imprensa desportiva. A …

Lisboa aumenta seis vezes IMI de prédios devolutos nos centros

A Câmara de Lisboa vai aumentar, em 2020, seis vezes a taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para os prédios devolutos nas zonas de maior pressão urbanística, anunciou esta quarta-feira o vereador das Finanças, …

Polícia entrou na federação de futebol da Bulgária e deteve cinco pessoas

Já depois de Borislav Mihailov se ter demitido da presidência da federação da Bulgária, uma unidade da estrutura policial que luta contra o crime organizado no país entrou esta terça-feira na sede da federação, em …

Família holandesa vivia há 9 anos numa cave à espera “do fim dos tempos”

A policia holandesa encontrou uma família de seis pessoas na cave de uma quinta no nordeste do país, onde viviam em isolamento há nove anos e, segundo a imprensa, esperavam “o fim dos tempos”. A polícia …

Kim Jong-un subiu montanha sagrada a cavalo (e deixou a Coreia à espera de um grande anúncio)

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, foi ao monte Paektu, a montanha considerada sagrada pelos norte-coreanos, dar um passeio a cavalo. As imagens foram divulgadas pela agência estatal KCNA, tendo surgido especulações de que virá aí …

Uma questão de físico. Já se sabe porque o Manchester United desistiu de João Félix

Foi a "falta de físico" que afastou João Félix do Manchester United. O clube inglês ponderou contratar a jovem estrela do Benfica, antes da sua mudança para o Atlético de Madrid, mas acabou por desistir …