Dos 1637 pedidos, só 4 pessoas viram reconhecida a sua nacionalidade

Manuel de Almeida / Lusa

A ministra da Justiça, Francisca Van Dunem

Em Portugal, 1637 pediram nacionalidade, mas apenas quatro pessoas a viram reconhecida. Dessas quatro, três são brasileira, incluindo o arguido do caso Lava-Jato, Raul Schmidt.

De acordo com o Instituto de Registos e Notariado (IRN), foram recebidos 1637 pedidos de reconhecimento de cidadania portuguesa originária nos últimos seis meses, sendo a maioria deles de estrangeiros netos de cidadãos nacionais.

No entanto, de entre os 248 processos já analisados, foram até agora deferidos apenas quatro casos, segundo fonte oficial do Ministério da Justiça, três dos quais brasileiros.

O Diário de Notícias avança que 25% – cerca de 400 – dos requerimentos são de pessoas que já têm nacionalidade portuguesa, por naturalização. Há 1237 que são estrangeiros, sendo a maioria dos pedidos de pessoas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP).

Conforme avança o DN, um dos casos já deferidos é o de Raul Schmidt, perseguido pelas autoridades brasileiras da operação Lava-Jato, que pediram a Portugal a sua extradição. A cidadania originária de Schmidt, neto de portugueses, que obteve a cidadania “derivada” (por naturalização) foi reconhecida pelo IRN , tendo causado muita polémica.

Raul Schmidt tem um processo de extradição pendente, por crimes de corrupção e branqueamento de capitais e organização criminosa no Brasil. A sua defesa recorreu e pediu urgência na concessão da cidadania originária, com o intuito de impedir que fosse deportado e julgado em Portugal.

As denúncias de favorecimento a Raul Schmidt são inúmeras. De acordo com o DN, com este reconhecimento, a ministra da Justiça está a reavaliar o processo.

Segundo a legislação em vigor, a nacionalidade portuguesa originária pode ser atribuída a netos de portugueses nascidos no estrangeiro que tenham “laços de efetiva ligação à comunidade nacional”.

Além disso, há outras condições como declararem que querem ser portugueses; não terem sido condenados pela prática de crime punível com pena de prisão de máximo igual ou superior a três anos e têm ainda de inscrever o seu nascimento no registo civil português.

Para que a ligação à comunidade nacional seja provada, têm de demonstrar que residem em território português, que se deslocam ao país regularmente ou que estão ligados à cultura portuguesa, mesmo vivendo no estrangeiro.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. o nosso lindo País…. com dois pesos e duas medidas, por vezes pessoas decentes procurando melhores condições de vida (quem não o faz para si e os seus?), no entanto esses gatunos é que ficam por cá…. faz juz ao País de merda com lideres de merda que temos!!!!

RESPONDER

INE espanhol está a "espiar" telemóveis para estudo estatístico

Um estudo do INE espanhol está a receber duras críticas por alegadamente infringir a privacidade de dados dos cidadãos. O gabinete irá monitorizar os telemóveis dos espanhóis. O Instituto Nacional de Estatística (INE) de Espanha deu …

Donald Tusk vai presidir o Partido Popular Europeu

O presidente do Conselho da União Europeia (UE) é o único candidato à presidência do Partido Popular Europeu (PPE) e vai suceder no cargo ao francês Joseph Daul. Esta será a primeira vez que um europeu …

EUA. Casal vegan vai ser julgado por homicídio depois da morte do filho de 18 meses

Um casal americano, que segue uma alimentação vegan, vai ser julgado por homicídio depois da morte do filho de 18 meses, por malnutrição. Ambos vão permanecer detidos até à data do julgamento, em dezembro. Segundo noticiou …

Carrinha com 52 migrantes entra em Ceuta após derrubar barreiras fronteiriças

Uma carrinha com 52 migrantes rompeu, esta madrugada, as barreiras fronteiriças entre Marrocos e Espanha para entrar no enclave espanhol de Ceuta, incidente que a Guarda Civil espanhola já está a investigar. A carrinha lançou-se a toda …

Chef que renunciou à estrela Michelin espera sair do Guia em 2020

O chef Henrique Leis, que em julho renunciou à estrela Michelin que o seu restaurante detinha há 19 anos, afirma que o seu "compromisso com a Michelin acabou" e espera não ver renovada a distinção …

Morreu a fadista Argentina Santos

A fadista portuguesa morreu, esta segunda-feira, aos 95 anos de idade. As exéquias realizam-se, a partir das 17h00, na Basílica da Estrela, em Lisboa. A fadista Argentina Santos, que esta segunda-feira morreu aos 95 anos, despediu-se …

Governo apresenta queixa no Ministério Público contra 21 pedreiras

O ministro do Ambiente e da Ação Climática anunciou que 21 pedreiras, de um universo de 185, estão em incumprimento por falta de vedações, exigidas pelo levantamento do Governo, tendo sido apresentada queixa ao Ministério …

Adeus EDP Universal. Vem aí a SU Eletricidade, mas os preços não mudam

A EDP Serviço Universal vai deixar de existir a partir de 15 de Janeiro de 2020. Em seu lugar vai nascer a SU Eletricidade, a nova marca do universo EDP que vai abranger os clientes …

Mais de 41 mil idosos vivem sozinhos ou isolados em Portugal

A Guarda Nacional Republicana (GNR) sinalizou 41.868 idosos a viverem sozinhos ou isolados em todo o país em outubro no âmbito da operação "Censos Sénior", anunciou esta segunda-feira a guarda. Em comunicado, a GNR adiantou ter …

Vai nascer um Pavilhão de Gelo em Lisboa (com apoio do Governo e de fundos públicos)

O secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, está certo de que, ainda nesta legislatura, vai nascer um Pavilhão do Gelo para a prática de desportos em Lisboa, com apoio de …