Dieta da mulher mais velha do mundo contraria tudo o que os médicos recomendam

Antonino di Marco / EPA

A italiana Emma Morano, aos 116, é a mulher mais velha do mundo

Conhecida como a “Avó da Europa”, a italiana Emma Morano, que vai completar 117 anos, é famosa por ser a mulher mais velha do mundo, e não é graças a uma dieta aprovada pelos médicos: a supercentenária inclui na sua alimentação poucos legumes e fruta, muitas bolachas e dois ovos por dia.

Em Maio passado, Emma Morano tornou-se na última pessoa viva nascida antes de 1900, após a morte da norte-americana Susannah Mushatt Jones, que tinha 116 anos.

A italiana, nascida a 27 de Novembro de 1899, prepara-se para completar 117 anos de vida e atribui a sua longevidade ao facto de evitar medicamentos e de comer dois ovos por dia.

“Como dois ovos por dia e é tudo. E bolachas. Não como muito porque não tenho dentes”, conta Emma Morano em declarações à AFP, conforme cita o site The Local.

O hábito de comer ovos vem do tempo em que foi diagnosticada com uma anemia, quando tinha 20 anos, em plena Primeira Guerra Mundial, e depois de recomendação de um médico. Ela manteve o regime alimentar à base de ovos durante 90 anos.

Emma sempre comeu muito poucos vegetais, muita pouca fruta“, conta o seu médico da família, Carlo Bava, à AFP, salientando que quando a conheceu “comia três ovos por dia, dois crus de manhã e uma omelete ao meio-dia, e galinha ao jantar”, refere Bava.

Actualmente, come essencialmente bolachas “e não quer comer carne porque já não gosta e alguém lhe disse que provoca cancro”, refere o médico que acompanha a idosa há 27 anos.

O consumo de ovos de forma regular é visto como um mau hábito de saúde, porque são associados ao aumento do colesterol.

No entanto, um estudo publicado no início deste ano no American Journal of Clinical Nutrition não encontrou qualquer ligação nesse sentido, concluindo que “o consumo frequente de ovos não aumenta o risco de doenças cardiovasculares, mesmo em pessoas que estão geneticamente predispostas a uma maior efeito do colesterol dietético nos níveis de colesterol”.

Todavia, o segredo da longevidade de Emma está mais no factor genético, aponta o seu médico de família, realçando que a mãe da idosa viveu até aos 91 anos de idade.

Em Setembro, um grupo de cientistas revelou o segredo de longevidade de uma aldeia do sul de Itália, onde existe um número significativo de habitantes centenários, mas não é seguro que Emma partilhe essas características associadas aos níveis hormonais.

A condição desta anciã italiana é presentemente, de “precário equilíbrio”, conforme sustenta Bava, explicando que ela passa a maior parte do tempo na cama, que tem muitas dificuldades de audição, de visão e de fala, mas que está perfeitamente lúcida.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …