“Dia da liberdade”. Reino Unido prepara-se para levantar restrições, máscara será opcional

Lindsey Parnaby / AFP

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, deverá revelar esta semana os planos para reduzir as restrições contra a covid-19, previstos para 19 de julho, o “dia da liberdade”.

A antecipação do final das restrições tem levado a alertas de cientistas que argumentam que apesar da cobertura de vacinação, a variante Delta – que é mais transmissível e dominante no país – introduz um grau de incerteza que não permite excluir que os internamentos subam ou que haja perturbações significativas.

Ainda assim, a decisão parece já estar tomada. “Acreditamos que chegou a altura de o público começar a aprender a viver com a covid-19”, declarou uma fonte de Downing Street ao jornal Sunday Times.

“Todos os dados e modelos científicos sugerem que o levantar das restrições vai trazer um aumento de casos mas, com o sucesso da vacinação e a quebra da ligação entre hospitalizações e mortes, estamos confiantes de que não há risco de pôr pressão adicional sobre o NHS”, o serviço nacional de saúde britânico.

Contudo, nem todos concordam com esta previsão. O Observer diz que há “cientistas a avisar que é ainda possível que os hospitais fiquem no limite durante o verão se não se mantiverem nenhumas medidas de supressão da covid depois de 19 de julho”.

Susan Michie, diretora do Centro para Mudanças Comportamentais da University College London, do grupo de aconselhamento Sage, diz, citada pelo Público, que “permitir que a transmissão comunitária aumente é como estar a construir ‘fábricas de variantes’ a uma velocidade muito rápida”, declarou no Twitter.

Já o presidente da British Medical Association (BMA), Chaand Nagpaul, comentou que não tem de ser tomada uma decisão de “tudo ou nada” em relação às medidas e criticou a fixação no anúncio de uma data, sublinhando que o Governo prometeu antes tomar decisões “baseadas em dados e não em datas”.

O Reino Unido tem 66% da população vacinada com a primeira dose e uma percentagem de 49% totalmente vacinada, segundo o site Our World in Data, da Universidade de Oxford.

Uso de máscara vai passar a ser escolha pessoal

Por outro lado, no país, o uso de máscara vai passar a ser uma escolha pessoal.

A revelação foi feita por Robert Jenrick, ministro da Habitação do governo britânico, em declarações à Sky News.

“Será uma fase diferente, na qual seremos nós, cidadãos, a decidir, em vez de ser o Governo a dizer-nos o que fazer. Parece que podemos agora andar para a frente e passar para um regime muito mais permissivo, afastando-nos assim dessas restrições que têm sido tão difíceis para nós. Vamos ter de garantir que todos os adultos recebem as duas doses da vacina, porque isso é chave para manter o vírus sob controlo à medida que nos aproximamos do outono e do inverno”, explicou Jenrick.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A "Capela Sistina" está a chegar aos EUA (e vai ser possível ver de perto os frescos de Michelangelo)

A famosa Capela Sistina de Michelangelo está a chegar a várias cidades dos Estados Unidos, graças a reproduções de alta resolução, quase em escala real, dos famosos quadros do artista. Michelangelo’s Sistine Chapel: The Exhibition é …

Há uma nova Barbie inspirada na cientista que criou uma das vacinas contra a covid-19. Mas não é a única

Sarah Gilbert, uma das cientistas que desenvolveu a vacina britânica contra a covid-19, juntou-se a Beyoncé, Marilyn Monroe e Eleanor Roosevelt — há uma Barbie que foi inspirada em si. Sarah Gilbert, professora da Universidade de …

Bangladesh. Trabalhadores retornam às confeções, apesar do recorde de mortes por covid-19

Centenas de milhares de trabalhadores regressaram às confeções em Bangladesh, após o governo permitir a sua reabertura, apesar do elevado número de mortes por covid-19. As autoridades ordenaram o encerramento de fábricas, escritórios, transportes e lojas …

Harry Kane falha jogo do Tottenham contra...o Manchester City

Nuno Espírito Santo ainda não conta com o avançado, que agora decidiu prolongar as suas férias. Foi recordado o caso de Steven Gerrard. Harry Kane estará a forçar a sua saída do Tottenham, clube que representa …

Bill e Melinda Gates oficializam divórcio sem divulgar partilha de bens

Um juiz do Tribunal Superior do condado de King, no estado norte-americano de Washington, assinou na terça-feira o decreto de dissolução do casamento de Bill e Melinda Gates, sem divulgar detalhes sobre como o casal …

Mais do que um robô de duas rodas. A mota Da Vinci DC100 equilibra-se sozinha

A empresa chinesa Da Vinci Dynamics revelou recentemente a DC100, uma mota elétrica com um amplo alcance, muitos recursos e a impressionante capacidade de se auto-equilibrar. O New Atlas escreve que a Da Vinci DC100 é …

Spartak 0 - 2 Benfica | Gaiola russa pequena demais para águia

O Benfica deu um passo importante, mas não decisivo, para chegar ao “play-off” de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões. No duelo de treinadores portugueses (Rui Vitória e Jorge Jesus), a formação “encarnada” foi …

Em Lisboa, há portas a mais de um metro do chão (e já foram motivo de picardia entre Medina e Rio)

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, disse a Rui Rio para prosseguir com a "silly season" — época da parvoíce, em tradução livre. Em causa está uma publicação do líder do PSD sobre …

Crianças "raramente" são afetadas por sintomas prolongados da Covid-19

Apenas 4.4% das crianças que integraram o estudo manifestavam sintomas da doença quatro semanas após o diagnóstico. Investigadores encontraram uma relação entre os sintomas prolongados e a idade das crianças, já que a duração dos …

Incêndio em Loulé tem duas frentes ativas e levou 53 pessoas a sair de casa

O incêndio que deflagrou esta quarta-feira no concelho de Loulé está com duas frentes ativas em zona de mato e vegetação e já levou 53 pessoas de 30 habitações a sair de casa "por precaução", …