“Desespero e tirania”. Trump não promete transição pacífica caso perca as eleições

Sarah Silbiger / Pool

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não promete uma transição pacífica na Casa Branco caso perca as eleições, agendadas para 3 de novembro.

“Teremos de ver o que acontece. Sabem que me tenho queixado veementemente dos boletins de voto. E os boletins de voto são um desastre”, disse esta terça-feira o Presidente norte-americano, citado pelo Expresso, referindo-se aos votos por correspondência.

“Livrem-se dos boletins e terão [uma transição] muito pacífica… francamente, não haverá uma transição. Haverá uma continuação. Os boletins estão fora de controlo”, continuou.

Os boletins de voto por correspondência, que o Presidente tem colocado em causa, serão utilizados nas presidenciais norte-americanas deste ano devido à pandemia de covid-19.

O FBI rejeita as acusações de Trump sobre eventuais fraudes com os boletins de voto.

 

Estas declarações preocupam republicanos e democratas, escreve o Diário de Notícias.

O Presidente do Senado norte-americano, o republicano Mitch McConnell, recorreu ao Twitter para garantir aos eleitores que o vencedor das eleições de novembro tomará posse tal como o calendário prevê, no início da janeiro.

“O vencedor da eleição de 3 de novembro tomará posse em 20 de janeiro. Haverá uma transição ordenada, assim como tem acontecido a cada quatro anos desde 1792”.

Já o presidente do Comité Judiciário do Senado, Lindsey Graham, um aliado próximo de Donald Trump afirmou, em declarações à emissora norte-americana Fox News: “Posso garantir que será pacífica [a transição]. Agora, podemos ter litígios sobre quem ganhou a eleição, mas o tribunal [supremo] decidirá e se os republicanos perderem, aceitaremos o resultado. Mas precisamos de um tribunal” .

Trump “não está na Coreia do Norte”

Foram várias as figuras que reagiram esta semana às declarações de Trump.

A democrata Hillary Clinton, derrotada por Trump na última eleição presidencial, escreveu no Twitter: “A recusa de Trump em comprometer-se com a transferência pacífica do poder é o comportamento de um suposto ditador desesperado que se agarraria ao cargo mesmo que significasse destruir nossa democracia. É patético. Mas porque ele é o Presidente, devemos levar a sério a ameaça”, escreveu, citada pelo jornal The Guardian.

Recorrendo à mesma rede social, o senador republicano Mitt Romney escreveu: “O fundamental para a democracia é a transição pacífica de poder; sem isso, há a Bielorrússia”. Por sua vez, Nancy Pelosi, a presidente democrata da Câmara dos Estados Unidos, disse que era necessário lembrar o Presidente norte-americano que “não está na Coreia do Norte, não está na Turquia, não está na Rússia”.

Ouvido pelo semanáro Expresso, o sociólogo DaShanne Stokes, considerou esta é a “mais recente demonstração do desespero e da tirania mesquinha que têm caracterizado a presidência ilegítima de Trump desde o início”.

“Não é uma surpresa que um Presidente criminoso, que regularmente abusa do poder e viola leis americanas, tente, uma vez mais, manter-se no poder através de meios imorais, antiéticos, ilegais e antiamericanos (…) Afinal, este é um homem que ajudou os nossos inimigos e solicitou atos de guerra contra a América em benefício próprio e para enriquecer. Essa é a definição exata de traição”.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Espero sinceramente estar enganado, mas esta besta quadrada, perdão, redonda, perdendo as eleições, ainda vai ser responsável por uma guerra civil nos EUA….

  2. De tanto andar a semear “democracia” pelo mundo, eis uma como nenhuma outra! E bem-merecido: é a vez de perceberem o mal e as guerras que espalharam nas últimas décadas por toda a terra.

  3. Este artigo, tal como outros aqui publicados, está repleto de mentiras, descontextualizações… ou más traduções. O Expresso não é uma fonte fiável. Há, sim, «desespero e tirania», mas por parte dos democratas; estes, sim, é que são os criminosos.

  4. Ora aqui está um verdadeiro exemplo do celebrado sistema DEMOCRÁPULA do Império dos Cowboys (USA e abusa), segundo a digníssima e superior interpretação do atual Sheriff de serviço …

"Morri no Paralelo79N". Diário revela as últimas horas de um explorador que morreu sozinho na Gronelândia

Os investigadores analisaram a última entrada do diário de explorador polar do século XX, Jørgen Brønlund, incluindo uma curiosa mancha negra, escrita antes de morrer sozinho no nordeste da Gronelândia, descobrindo o que lhe aconteceu …

Cybershoes. O problema de andar em Realidade Virtual pode já ter uma solução

Um dos problemas com os jogos de Realidade Virtual é que, normalmente, as experiências são definidas numa escala maior do que uma sala de estar. Assim, o jogador acaba por ter de ficar numa parte …

"Um tsunami de dívidas". O mundo deve a si mesmo 277 mil milhões de dólares

Prevê-se que até ao final deste ano, a dívida da economia mundial atinja os 277 mil milhões de dólares. A pandemia de covid-19 é um dos fatores responsáveis. A pandemia de covid-19 não só está a …

Empresas podem negar trabalho a quem não se quiser vacinar

"É obviamente possível" que as empresas evitem contratar um trabalhador se não quiserem ser vacinadas contra a covid-19. A presidente do Comité Económico e Social Europeu (CESE), Christa Schweng, admitiu a possibilidade de uma empresa se …

"A Suitable Boy". Um beijo numa série da Netflix provocou um escândalo (social e político) na Índia

A Netflix está a enfrentar uma reação negativa na Índia por causa de uma cena de um beijo entre duas personagens na série A Suitable Boy ("Um bom partido"). O partido no poder já pediu …

Irmãos transformaram 7 linhas de código num império de 36 mil milhões de dólares

Patrick e John Collison são dois jovens empreendedores irlandeses que fundaram a Stripe, uma empresa que criou uma solução alternativa para os pagamentos online, avaliada em 36 mil milhões de dólares. Em vez de construirem soluções …

ECDC. Portugal terá "níveis muito baixos" de novos casos se mantiver restrições

Se Portugal mantiver as restrições adotadas atualmente, irá registar em dezembro “níveis muito baixos” de novos casos de covid-19. O Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), criado com a missão de ajudar os …

Com apenas 14 anos, Xiaoyu é o adolescente mais alto do mundo. Mede 2,21 metros

Ren Keyu nasceu na China a 18 de outubro de 2006, e no dia em que comemorou o seu 14º aniversário recebeu também o título do Guinness World Records do adolescente mais alto do mundo, …

Jerónimo "não está a prazo" no PCP (e vai continuar a negociar com o PS)

O PCP continua disponível para negociar com o PS, mas não a troco de nada. Quanto ao quinto mandato consecutivo enquanto secretário-geral do partido, Jerónimo avisou, este domingo, que não está "a prazo". No discurso de …

Hackers expõem na cloud dados que roubaram de utilizadores do Spotify. Foi um acidente

Um grupo de piratas informáticos compilou uma base de dados com cerca de 250.000 palavras-passe do Spotify e armazenaram os dados na cloud. No entanto, esqueceram-se de proteger o armazenamento com uma palavra-passe. De acordo com …