Desemprego real é o dobro do oficial

Paulo Novais / Lusa

Os números oficiais do desemprego não reflectem a realidade do país, ocultando várias pessoas sem emprego que não contam para as estatísticas. Esta é a conclusão de uma análise efectuada por investigadores do Instituto Universitário de Lisboa.

De acordo com esta pesquisa, divulgada pelo Público, o número real de desempregados chegava aos 17,5% no final de 2017. Oficialmente, o desemprego situava-se nos 8,5%.

O número real será, assim, mais do dobro do oficial pelo simples facto de contabilizar pessoas que não são consideradas nas estatísticas oficiais do desemprego.

Os dois investigadores do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES) do Instituto Universitário de Lisboa, Frederico Cantante e Renato Miguel do Carmo, incluíram para esta “taxa de desemprego redimensionada” vários grupos de pessoas sem trabalho ou com empregos precários.

Assim, integram no número global de desemprego, os “desempregados desencorajados“, os que já não têm esperança de encontrarem um emprego e que, portanto, já não procuram, e os sub-empregados, aqueles que trabalham a tempo parcial, em condições precárias, por não encontrarem trabalho a tempo inteiro.

Além disso, integram ainda os “indisponíveis para trabalhar”, pessoas que não podem trabalhar por terem alguém a seu cargo ou por estarem doentes, e os desempregados integrados nos planos ocupacionais do Instituto de Emprego e Formação Profissional que não contam para as estatísticas.

Os dois investigadores notam ainda que, no pico da crise, o desemprego real chegou a atingir os 28,1%, no primeiro trimestre de 2013, quando oficialmente os números andavam pelos 17,5%, cita o Público.

ZAP //

PARTILHAR

17 COMENTÁRIOS

  1. Nem era preciso ser a universidade a dizê-lo.É mais uma informação credível.
    Toda a gente sabe (e também os próprios políticos só que nunca o dirão devido a sustentabilidade do seu emprego) que toda essa pobre gente que nunca conseguiu arranjar emprego depois de anos e anos de procura,pura e simplesmente desiste,porque a paciência tem limites e a esperança desaparece. Vão-se governando conforme podem,à antiga.
    Nunca nos enganaremos se quisermos saber exactamente qual é a percentagem: é só multiplicar por dois.

    • Estas tretas do desemprego 8%, 9,1% ou 16% não vai durar muito….. Quando os governos acabarem com o dinheiro físico (e não falta muito) vou deixar de poder governar-me à antiga… Vivo com 700 ou 800 euritos limpos por mês e estou “desempregado” à 7 anos, oficialmente só estive 4 anos, depois fui banido (rsrsrs).
      Não tive a esperteza de arranjar trabalho, desculpem, emprego no ESTADO para não passar pela situação de desempregado e agora vivo sem rendimentos, nem RSI, nem nada. A minha declaração de IRS vai a zeros desde 2014 e ninguém se preocupa ou averigua do que vivo…… Só se preocuparam em banir-me do registo do Centro de Emprego… (não convinha lá estar)….

  2. Pois, esta notícia é falsa!
    O valor do desemprego real não é o dobro do valor do desemprego oficial, é muito mais do que isso!

  3. O Armando está certo no que diz. A questão é que esta notícia pode dar erradamente a entender que essa diferença entre o desemprego real e o estatístico é coisa de agora, ou deste governo em particular. Isto já era assim nos governos anteriores e como tal, imagine-se as cifras do desemprego real durante a governação PAF, que era forte com os fracos e fraca com os fortes.

    • A PAF foi forte com os fortes (veja o seu amigo Ricardo Salgado; se tivesse sido com o seu PS o BES ainda existia meu caro); veja a nomeação da PGR (a Cândida de Almeida foi oferecer-se à Universidade de Verão do PSD e o Passos Coelho mandou-a passear, tendo escolhido a PGR mais competente de que há memória em Portugal; no tempo dos seus amigos tivemos lá o de Porto de Ovelha… e nem é preciso dizer mais nada; até foi jantar com o Sócrates pouco tempo antes de este ser preso).
      O senhor de facto não percebe nada de nada. É oco e um profundo vazio de ideias.

      • Epá estamos mal… Porque se os meus amigos são por definição aqueles em quem costumo votar ou já votei, o PS não conta.

        Os exemplos que você dá são brilhantes! Ahahah… Ou você é muito anjinho ou está amigado com a máfia em questão… Ora vejamos: Cândida de Almeida não é mais nem menos do que a ex-directora do DCIAP. Ela conduzia uma investigação sobre Dias Loureiro no caso BPN desde 2009 e tinha já instruido a PJ o interrogá-lo. Em 2011 a PAF sobe ao governo, em 2013 Cândida de Almeida é corrida do cargo de directora do DCIAP, a PJ passa a estar proibida de interrogar Dias Loureiro e a investigação é abafada. O processo acabou recentemente arquivado. Nos Dias de hoje, Loureiro passeia-se, impunemente, de Jaguar, por Lisboa. Passos Coelho aponta-o como exemplo de iniciativa e sucesso. É portanto natural que Cândida de Almeida quanto mais longe melhor, para Passos Coelho… Ou não fosse ele membro da ala cavaquista/santanista do PSD.

        Curiosamente, Oliveira e Costa co-arguido no mesmo processo e ex-Presidente do BPN foi condenado a 14 anos de cadeia efectiva… Continua também a passear-se alegremente a rir à custa dos sete mil milhões que esta burla custou aos Portugueses.

        Para terminar e para que veja que eu não olho a partidos, temos outro bandido como o Sócrates, o Armando Vara… Condenado a 5 anos de prisão efectiva e continua também à solta. Depois temos mais gandins do PS como António Mexia e Eduardo Catroga. Mas também temos pessoas impolutas no PS (João Cravinho por exemplo) e no PSD (Rui Rio por exemplo). Mas dessa gente não deve gostar você.

        • É pena os impolutos estarem em minoria. Mas acredite no que lhe digo. A Cândida de Almeida ofereceu-se para continuar o regabofe. Disse alto e bom som na Universidade de Verão: “Não há corrupção em Portugal”. Assim como quem diz: metam-me lá que isto continua tudo na mesma.
          Eu sou apartidário. Mas reconheço que o Passos Coelho fez um excelente trabalho em muitas matérias. O tempo far-lhe-á justiça. Estou certo disso.

      • Olhe que o antigo procurador é uma pessoa impoluta,séria e acima de qualquer suspeita.Não fique com essa ideia porque não é correcta. Ele foi juíz aqui em Anadia e foi uma maravilha (não tive processos com ele,nem com outros). Temos que ver que pode haver coincidências e nada mais do que isso.
        Bom fim de semana.

        • Não. Ele não era mal intencionado. Era apenas um palerma a quem o Sócrates e a Cândida de Almeida faziam tudo o que queriam.
          Em Portugal não há melhor exemplo do princípio de Peter

  4. A verdade é que, apenas metade dos números oficiais são verdadeiros desempregados, uma vez que existe uma percentagem elevadíssima de supostos desempregados, a receber subsidio de desemprego e a trabalhar, recebem de 2 maneiras e o patrão não tem custos associados.
    Este fenómeno é por demais conhecido mas não consta dos relatórios oficiais.
    Números que o INE deveria destacar, fazem tantas estatísticas mas estes números não divulgam,
    Mas não se coíbem de divulgar economia paralela sem sequer terem ideia do real volume.

  5. Como se ninguém soubesse que na realidade muito desemprego está oculto por parte dos centros de empregos que obrigam a maioria das pessoas a aceitarem cursos profissionais a pessoas com o 12º ano em vez de lhes oferecer um emprego, isto para que deixem de pertencer às estatísticas do desemprego.

    Mas obriga a tirarem cursos e pagam uma miséria para depois receberem valores chorudos por parte da UE, este país está minado e é isto que eles querem é encher os bolsos.

Afluência às urnas é menor (mas há mais votantes). Abstenção deverá ficar entre os 56 e 60%

A afluência às urnas às 16:00 nas presidenciais de hoje em Portugal, 35,4%, é a segunda mais baixa desde as eleições de 2006, ano em que este número passou a ser divulgado pela administração eleitoral. Esta …

Reino Unido já vacinou quase 6 milhões. Alemanha aumenta controlo nas fronteiras

O Reino Unido já administrou a primeira das duas doses da vacina contra o novo coronavírus em cerca de seis milhões de pessoas, quando o número de mortes no país devido à pandemia está perto …

Polícia desmantela rede de tráfico internacional de armas (e descobre santuário dedicado a Hitler)

Em dezembro, as autoridades espanholas conseguiram desmantelar uma rede ilegal de armas que operava em toda a Europa, e acabou por capturar os traficantes. O que a polícia não esperava era encontrar um armazém cheio …

Diminuição da esperança média de vida é "consequência inevitável" da pandemia

A esperança média de vida em Portugal vai necessariamente diminuir em consequência da pandemia de covid-19, defendeu um especialista, explicando que isso decorre do efeito combinado da morte de idosos, mas também de jovens em …

Novo estudo explica a importância de esterilizar os gatos antes da adolescência

Um novo estudo sugere que a idade de esterilização dos gatos deve ser antecipada de seis para quatro meses, com o objetivo de prevenir ninhadas indesejadas de gatinhos, que muitas das vezes acabam por ser …

Publicidade do Pingo Doce a promoções viola a lei do confinamento

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica está a avaliar incumprimento que visa aumentar clientes em loja durante o fim de semana. Os supermercados da Jerónimo Martins estão a publicitar promoções numa altura em que …

A tomada de posse de Joe Biden deixou os apoiantes do QAnon sem rumo

Com a tomada de posse de Joe Biden como 46.º Presidente dos Estados Unidos, esta quarta-feira, a frustração começou a infiltrar-se entre os apoiantes do QAnon. O QAnon é um movimento nascido, em 2017, no seio …

Pela quarta vez em quase 50 anos, gelo cobriu o deserto do Saara

Na terça-feira passada, um dos lugares mais secos do mundo acordou com uma geada sobrenatural. Foi apenas a quarta vez em quase 50 anos. No deserto do Saara, no noroeste da Argélia, nos arredores da cidade …

Novo máximo de mortes. São mais 275 óbitos e 11 721 novos casos

Portugal registou mais 275 mortos e 11 721 novos casos de infeção por covid-19 nas últimas 24 horas, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) deste domingo. É o novo máximo de mortes …

Longas filas para votar em segurança. Candidatos a Belém apelam ao voto

As mesas de voto para as eleições presidenciais abriram hoje às 08h00, e as longas filas são uma realidade em todo o país. Todos os candidatos já votaram. De acordo com o porta-voz da Comissão Nacional …