Desabamento massivo de terras engole aldeia na Índia

 

Cerca de 150 pessoas poderão estar presas sob a lama, depois de um aluimento de terras, causado pelas chuvas torrenciais, numa aldeia do estado de Maharastra, no oeste da Índia, disseram hoje as autoridades locais.

“O aluimento ocorreu esta manhã, destruiu entre 42 e 50 casas e receamos que 150 pessoas estejam sob os escombros e a lama”, declarou Alok Avasthy, comandante regional da Força de Resposta a Desastres Naturais, NDRF.

A NDRF enviou duas equipas de socorro para Malin, uma aldeia do distrito de Pune, no estado de Maharashtra. Avasthy acrescentou ser difícil confirmar a existência de vítimas, uma vez que as comunicações com a aldeia foram cortadas.

A televisão indiana CNN-IBN noticiou que cinco pessoas morreram no aluimento, e outras cinco foram resgatadas.

O canal local, NDTV, afirmou que a encosta de uma colina desabou sobre a povoação, deixando soterrada parte da aldeia.

As chuvas, previstas para as próximas horas, poderão dificultar as operações de socorro.

As inundações e aluimentos de terra são frequentes durante a época da monção na Índia.

Pelo menos 580 pessoas morreram e 5.700 foram dadas como desaparecidas nas inundações e aluimentos de terra ocorridos há uma ano nas zonas montanhosas do estado de Uttarakhand, no norte do país.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

França aprova lei que alarga poder da polícia apesar de críticas e manifestações

O parlamento francês aprovou hoje um projeto de lei sobre segurança que visa alargar os poderes da polícia, apesar das críticas de ativistas dos direitos civis, que temem que a legislação ameace os esforços para …

Bancos dos Emirados estão a congelar contas da família dos Santos

Os bancos dos Emirados Árabes Unidos estão a congelar os bens da família dos Santos e de pessoas a ela relacionadas, respondendo a um pedido da justiça angolana efetuado a 13 de abril, avançou a …

A pedido da Comissão Europeia, EMA volta a rever dados da vacina da AstraZeneca

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) anunciou esta quarta-feira que está a rever os dados sobre a vacina Vaxzevria a pedido da Comissão Europeia. Segundo um comunicado citado pelo Observador, a Agência Europeia do Medicamento (EMA) …

João Leão prevê para este ano défice de 4,5%. Ministro afasta aumento de impostos e austeridade

A terceira vaga da pandemia forçou o Governo a rever em baixa a previsão de crescimento da economia portuguesa para este ano. Assim, o ministro das Finanças antecipa um défice de 4,5% e crescimento de …

Já não é preciso isolamento para idosos que saiam dos lares por mais de 24 horas

Os idosos que vivem nos lares e que saiam por períodos superiores a 24 horas já não precisam de fazer o isolamento de 14 dias, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Na orientação atualizada nesta quinta-feira, …

Mais duas mortes e 501 casos nas últimas 24 horas em Portugal

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) indica que Portugal registou, nas últimas 24 horas, 501 novos casos de covid-19. O relatório desta quinta-feira (15 de abril) dá também conta de mais duas mortes …

PCP quer criar crime de enriquecimento injustificado com pena agravada para políticos

O PCP propôs esta quinta-feira, no Parlamento, a criação do crime de enriquecimento injustificado, com penas até três anos, mas que é agravado para titulares de cargos políticos e públicos, até aos cinco. O projeto dos …

Câmara de Lisboa estende testagem gratuita a todos os moradores

A Câmara de Lisboa decidiu alargar, a partir de quinta-feira, a testagem gratuita nas farmácias à covid-19 a todos os moradores, deixando o programa de estar limitado às freguesias com maior incidência da doença, foi …

"Fechaduras", testemunha do julgamento de Tancos, está em parte incerta

Paulo Lemos, conhecido como "Fechaduras", testemunha da acusação e da defesa no caso de Tancos, não compareceu em 08 de março à audiência e voltou a não aparecer esta quinta-feira, com o Tribunal de Santarém …

General que lidera o SIRESP apresenta demissão

O Diário de Notícias avança, esta quinta-feira, que o general que lidera o SIRESP apresentou demissão, tendo invocado "razões pessoais". De acordo com o Diário de Notícias, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, já recebeu …