Ex-assistente assegura que o “declínio mental” de Trump não pode ser negado

Michael Reynolds / EPA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

Uma antiga funcionária da Casa Branca garante, num livro que acabou de publicar, que Donald Trump tem exibido “um declínio mental que não pode ser negado”. Um excerto do novo livro de Omarosa Manigault-Newman foi publicado pelo jornal DailyMail.

Esta antiga estrela televisiva, que apareceu no programa ‘The Apprentice’ (‘O Aprendiz’), que Trump manteve num canal televisivo, e mais tarde foi assistente do Presidente, confessou que ficou perturbada pela entrevista que Trump deu a Lester Holt.

Escreveu que, enquanto assistia à entrevista na televisão, “compreendeu que alguma coisa real e séria estava a ocorrer no cérebro de Trump” e que o seu “declínio mental não podia ser negado”.

E acrescentou: “Eu só pensava ‘Oh não! Oh não! Isto é mau!”. A Casa Branca não respondeu a um pedido de comentário.

O livro intitulado Unhinged: An Insider’s Account of the Trump White House estará à venda a partir de 14 de agosto. A página de pré-venda já se encontra disponível na Amazon.

Trump e Manigault-Newman foram próximos durante cerca de 15 anos, tendo a assistente trabalhado durante a campanha eleitoral e passado um curto período na Casa Branca.  Manigault-Newman renunciou ao cargo em dezembro, por alegadas tensões com o chefe de gabinete John Kelly.

Após a renúncia, Manigault-Newman pintou uma imagem menos positiva daquele que foi o seu tempo na Casa Branca.

O Fire and Fury de Michael Wolff, que detalha o primeiro ano de governo de Donald Trump, foi publicado a 5 de janeiro deste ano e continua a ser o livro mais vendido do ano, de acordo com o ranking geral do Amazon, citado pela CNN.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

    • Como se comprova pelo teu “brilhante” comentário, provavelmente ainda estarás pior do que o Trump!…
      E ainda falas dos outros?!

    • Este analfabruto nem escrever sabe e fala de uma mente admirável como a de Marcelo. A democracia da internet no seu pior: Dar voz aos burgessos.

      • Muito admirável mesmo, vamos ver quando batermos outra vez na parede se ele irá apurar tudo doa a quem doer.
        Talvez fosse melhor a internet nem existir, assim a vossa manipulação seria magnifica.

RESPONDER

Polícia desmantela rede de tráfico internacional de armas (e descobre santuário dedicado a Hitler)

Em dezembro, as autoridades espanholas conseguiram desmantelar uma rede ilegal de armas que operava em toda a Europa, e acabou por capturar os traficantes. O que a polícia não esperava era encontrar um armazém cheio …

Diminuição da esperança média de vida é "consequência inevitável" da pandemia

A esperança média de vida em Portugal vai necessariamente diminuir em consequência da pandemia de covid-19, defendeu um especialista, explicando que isso decorre do efeito combinado da morte de idosos, mas também de jovens em …

Novo estudo explica a importância de esterilizar os gatos antes da adolescência

Um novo estudo sugere que a idade de esterilização dos gatos deve ser antecipada de seis para quatro meses, com o objetivo de prevenir ninhadas indesejadas de gatinhos, que muitas das vezes acabam por ser …

Publicidade do Pingo Doce a promoções viola a lei do confinamento

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica está a avaliar incumprimento que visa aumentar clientes em loja durante o fim de semana. Os supermercados da Jerónimo Martins estão a publicitar promoções numa altura em que …

A tomada de posse de Joe Biden deixou os apoiantes do QAnon sem rumo

Com a tomada de posse de Joe Biden como 46.º Presidente dos Estados Unidos, esta quarta-feira, a frustração começou a infiltrar-se entre os apoiantes do QAnon. O QAnon é um movimento nascido, em 2017, no seio …

Pela quarta vez em quase 50 anos, gelo cobriu o deserto do Saara

Na terça-feira passada, um dos lugares mais secos do mundo acordou com uma geada sobrenatural. Foi apenas a quarta vez em quase 50 anos. No deserto do Saara, no noroeste da Argélia, nos arredores da cidade …

Novo máximo de mortes. São mais 275 óbitos e 11 721 novos casos

Portugal registou mais 275 mortos e 11 721 novos casos de infeção por covid-19 nas últimas 24 horas, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) deste domingo. É o novo máximo de mortes …

Longas filas para votar em segurança. Candidatos a Belém apelam ao voto

As mesas de voto para as eleições presidenciais abriram hoje às 08h00, e as longas filas são uma realidade em todo o país. Todos os candidatos já votaram. De acordo com o porta-voz da Comissão Nacional …

Afluência às urnas até às 12:00 foi de 17,07%. Valor é superior ao das presidenciais de 2016

A afluência às urnas para a eleição do próximo Presidente da República situava-se, até às 12:00 de hoje, nos 17,07%, segundo dados da Comissão Nacional de Eleições (CNE). Nas últimas eleições presidenciais, em 24 de janeiro …

Estado perde rasto a candidatas a asilo. Há 33 mulheres em fuga

Cerca de trinta e três mulheres requerentes de asilo a Portugal fugiram ao controlo do Conselho Português para os Refugiados (CPR) entre dezembro de 2020 e janeiro deste ano. O Estado não sabe do seu …