Daniel Bessa diz que o responsável da nossa desgraça é um banqueiro central

RTP / Flickr

O economista e ex-ministro Daniel Bessa

O economista e ex-ministro Daniel Bessa

O economista e ex-ministro da Economia Daniel Bessa afirmou no Porto que “o responsável número um da nossa desgraça é um banqueiro central”, cujo nome, porém, omitiu.

“O engenheiro Sócrates é muito responsabilizado, e não há ninguém que o responsabilize mais do que eu, mas eu vejo-o como aquele egípcio que tomou os comandos do Boeing que se precipitou sobre as Torres Gémeas”, continuou Daniel Bessa.

O economista, que fez parte de um governo do primeiro-ministro socialista António Guterres, falava no jantar-debate promovido pela Associação Portuguesa de Gestão e Engenharia Industrial (APGEI), que teve como orador convidado o governador do Banco de Portugal, Carlos Costa.

Daniel Bessa disse que “já o Boeing ia a caminho das Torres Gémeas e ele (José Sócrates), no cumprimento de um guião qualquer, sentou-se ao comando, acelerou quanto pôde e, connosco lá dentro, enfiou-se contra as Torres Gémeas“.

“É um destino, não tem nada de mal, cada um cumpre a sua função na vida e portanto ficará para a história por isso. Mas essa não é a responsabilidade maior. A responsabilidade maior é do mentor, não é do executante, e o mentor estava no Banco de Portugal“, prosseguiu Daniel Bessa, fazendo rir a assistência.

Segundo concluiu o economista, o mentor “disse que a partir da entrada no Euro, uma pequena economia aberta e financeiramente integrada, no regime de moeda única, não tem restrições financeiras. Endividar até sempre“.

Bessa referiu-se antes a Carlos Costa como sendo “um banqueiro central atípico, que pensa nas questões da economia, do desenvolvimento e do futuro”, referindo que o governador do Banco de Portugal “deu a entender” na sua conferência que “isto com consumo não é sustentável”. “O caminho, é exportar, exportar, exportar”, frisou.

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Já é tempo de deixarmos de olhar para trás, de ficarmos presos lá atrás na penumbra de um passado que o presente oculta permanentemente na multitude de narrativas e procurarmos o futuro como povo e como nação. Há que definir objetivos claros daquilo que queremos, que permitam elevar o nível de bem estar, liberdade e de dignidade humana dos cidadãos deste país e lançarmos-nos a todo o vapor, sem medo, para a realização de um futuro de qualidade que nos distinga e nos orgulhe.

  2. Este anda outra vez a procura de taxo, o que foi que ele fez no Governo antes de ser corrido, nada. Só temos vira casacas neste Portugal, que tristeza

  3. O tal banqueiro,ficamos a saber é central,não é avançado.
    Não espanta porque são todos uns atrasos de vida,incluíndo o senhor Daniel Bessa.

  4. Acredito sem dúvida que cerca de 1500 figuraras públicas que comandaram este país à desgraça que temos hoje, deviam estar presos e condenados, com os “seus bens” confiscados e em alguns casos extensivel à 3ª geração. Mas enquanto houver a cobardia de esconder os nomes dos principais responsaveis e a justiça não atuar sobre estes, vamos pagar cada vez mais caro esta desgraça. Não esquecer que eles comem muito acima das possibilidades e usam a desculpa do sistema social para tentar descartar responsabilidades.

  5. este é mais um comentador que é invejoso e que gostaria de estar no lugar do tal central… é mais um daqueles que tem andado a esfolar as massas dos outros e arma-se em sério e competente e ainda por cima é invejoso!

  6. Iiiiiiiiiiiiiii ahahahah mas quemserá, mas quem será o PAI da CRIANÇAaaaa–O SALGADINHO–O que foi para o BanCO CENTRAL EUROPEU–ooo aiai são tantos.as iiiiiiirissssssssssssss, mamamiaaa isto é que esta uma trafulhiçe, enfizes………….

  7. É do c… qualquer candidato a político na mais indistinta aldeia de Portugal só tem um fim em vista: locupletar-se e enriquecer com os dinheiros públicos e ter estatuto social. Se virem os cartazes que por aí andam de putativos candidatos autarcas é de mijar a rir. E quando eles e as “companheiras” começam a trocar os “v” pelos “b” e vice-versa? – Fujam se puderem; se não puderem vão lá levar um pão-de-ló, pela simples razão de que essa escumalha e arremedo de gente humana tem “bufos” por todos os buracos e vielas e fazem a vida negra a quem não é do sistema e não votar neles, caso ganhem. É a “democratura” à portuguesa, é o que merecemos…

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …