Curta metragem portuguesa ganhou Urso de Ouro em Berlim

A realizadora portuguesa Leonor Teles recebe o Urso de Ouro para Melhor Curta Metragem no Festival de Cinema de Berlim

Balada de um Batráquio, da realizadora portuguesa Leonor Teles, ganhou o Urso de Ouro para Melhor Curta Metragem no Festival de Cinema de Berlim.

Esta é a segunda curta de Leonor Teles, que já tinha realizado Uma Pedra no Sapato.

O filme da realizadora portuguesa estava em competição nas Berlinale Shorts ao lado de Freud und Friends, de Gabriel Abrantes.

Balada de um Batráquio é uma exploração das mitologias da comunidade cigana, que prolonga o trabalho com que Leonor Teles venceu em 2013 o prémio Take One no Curtas Vila do Conde com Rhoma Acans.

No centro desta curta metragem de onze minutos está a prática, bastante comum em algumas regiões de Portugal, do uso de sapos de cerâmica pelos proprietários de lojas e cafés para manter afastados os membros da comunidade cigana que são supersticiosos relativamente aos sapos e rãs.

De etnia cigana por parte do pai, Leonor Teles quis denunciar este comportamento xenófobo, e diz que o filme “não apresenta só uma problemática mas tenta, de certa forma, combatê-la”, uma vez que ela própria sentiu a “urgência” de destruir vários desses sapos em frente à câmara.

O Urso de Prata para melhor ator foi para o tunisino Majd Mastoura, pelo desempenho em “Hedi”, uma história de amor passada no rescaldo da Primavera Árabe, a vaga de contestação popular, que atravessou vários países do norte de África e do Médio Oriente.

A dinamarquesa Trine Dyrholm ganhou o Urso de Prata para melhor atriz, pelo papel em “The Commune”, de Thomas Vinterberg. A atriz de 43 anos interpreta, neste filme, uma mulher enganada à beira de um abismo emocional.

O Urso de Prata de melhor realização da 66.ª edição do Festival Internacional de Cinema de Berlim foi entregue à cineasta francesa Mia Hansen-Love, pela obra “Things to Come”, protagonizada pela atriz Isabelle Huppert.

ZAP / Bom Dia

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. POIS. mas não denuncia que são traiçoeiros, ladroes, mal educados,não respeitam ninguém, ameaçadores. Moro numa zona em que 10 ou 15 deles (famílias) entram na confeitaria comem bom pequeno almoço e saem…claro,sem pagar … e as empregadas com medo não podem fazer nada. E um numa feira a agredir uma senhora de uns 65 anos porque pediu desconto. EU VI. Isso é que esta gaja devia denunciar. È por serem bons rapazes que comerciantes poeem os sapos?!!! Quer enganar quem esta gaja? Seja HONESTA e eduque os bandidos.

RESPONDER

Testes massivos (e alguma "sorte") podem explicar a baixa letalidade da Alemanha

Testes massivos e alguma "sorte" podem explicar a baixa letalidade da pandemia da covid-19 na Alemanha que, apesar de ter já registado mais de 80.000 casos positivos, lamenta apenas 1.100 vítimas mortais. Comparativamente a outros países …

FC Porto declarado campeão? "Seria uma bomba atómica", diz Bruno de Carvalho

O antigo presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, considera que seria uma como uma "bomba atómica" se o campeonato português de futebol fosse dado como terminado e o FC Porto, líder da competição, fosse declarado …

Um milhão de assinaturas apoia apelo da ONU para cessar-fogo mundial

Uma petição lançada pela ONG Avaaz, em apoio ao apelo da ONU para um cessar-fogo mundial, devido à pandemia de covid-19, atingiu, esta quinta-feira, um milhão de assinaturas, numa altura em que os conflitos não …

Premier League afasta regresso da competição em maio

A Liga inglesa de futebol adiou esta sexta-feira o recomeço para uma altura em que seja apenas “seguro e apropriado” fazê-lo, devido à pandemia do Covid-19, descartando a possibilidade de o regresso da competição acontecer …

Trump anunciou acordo com Arábia Saudita que fez disparar petróleo. Mas Rússia desmente

O Kremlin desmentiu esta quinta-feira mensagens do Presidente norte-americano, Donald Trump, prometendo uma redução da produção saudita e russa de petróleo, que provocaram uma subida forte das cotações, o que compromete aquele crescimento. Em Nova Iorque, …

Mais de 100 detenções e 1126 pessoas barradas na fronteira

Cento e oito detenções foram feitas nos primeiros 15 dias do estado de emergência devido à covid-19 e mais de mil entradas foram recusadas no país através das fronteiras com Espanha, revelou o ministro da …

Cuidadores informais vão receber apoios a partir de abril (mas estatuto fica suspenso)

Mesmo que os processos de reconhecimento do estatuto fiquem congelados, o Executivo garante que os cuidadores informais vão receber apoios a partir de abril. Os apoios estão garantidos desde dia 1 de abril, mas a pandemia …

UGT quer garantia de pagamento do subsídio de refeição em teletrabalho

A UGT propõe uma alteração legislativa que garanta o pagamento do subsídio de refeição em regime de teletrabalho e pede ao Governo que intervenha já para “pôr cobro imediato às situações injustas” que se estão …

Negócios online. Registo de domínios .pt triplicou desde o início da pandemia

Apesar de o registo de domínios .pt ter triplicado desde o início da pandemia em Portugal, ajudar os pequenos comerciantes tradicionais a usarem o digital ainda é muito importante. Os negócios de origem portuguesa começaram a …

Bolsonaro critica governadores por terem "medinho" do vírus

O presidente brasileiro acusou os governadores de terem medo de serem infetados pelo povo. "Desconheço qualquer hospital que esteja lotado", acrescentou Bolsonaro, após serem informações contrárias. O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, voltou esta quinta-feira a criticar …