No One Britain One Nation Day, (quase) todas as crianças britânicas vão cantar uma canção patriótica

O Governo britânico está a encorajar todas as crianças em idade escolar a cantar uma música patriótica, muito criticada nas redes sociais.

O Departamento de Educação do Reino Unido quer que as escolas participem no One Britain One Nation Day, esta sexta-feira, dia 25 de junho. Neste dia, o objetivo é que “as crianças possam aprender os nossos valores de tolerância, generosidade, orgulho e respeito”, disse o secretário da Educação, Gavin Williamson.

Segundo a Vice, cantar a música faz parte das “celebrações” deste dia.



A letra da canção combina patriotismo com noções vagas de diversidade e inclusão: “somos a Grã-Bretanha e temos um sonho, unir todas as pessoas numa grande equipa.”

No Twitter, a música está a ser muito criticada.

Além de questionarem os valores de “tolerância, generosidade, orgulho e respeito”, os utilizadores destacam que o Governo passou vários anos a criar um “ambiente hostil” para os migrantes, o que resultou na deportação de cidadãos britânicos negros, destaca a Vice.

A iniciativa para promover a unidade nacional no Reino Unido tem outros problemas, nomeadamente o facto de as escolas escocesas não participarem na iniciativa. Como vão estar fechadas esta sexta-feira, vão ficar de fora.

Além disso, o nome da campanha e as letras das músicas não parecem ter levado em consideração a Irlanda do Norte, uma vez que está situada na ilha da Irlanda e, portanto, não faz parte da Grã-Bretanha.

A música está ser promovida pelo One Britain One Nation (OBON), uma campanha independente fundada pelo antigo agente policial Kash Singh.

De acordo com a informação que consta no site, o objetivo é “ver cada criança a desenvolver uma forte conexão emocional e significativa com o nosso país, reconhecendo que somos um povo com um papel a desempenhar na vida da nossa nação, onde todos devem sentir-se felizes, seguros e valorizados”.

“A OBON quer criar um espírito de inclusão com um propósito coletivo e um futuro comum onde todos nós procuramos eliminar o ódio, a intolerância e a discriminação de qualquer tipo para que todos os nossos povos possam sentir e desenvolver um sentimento forte e partilhado de pertença, a fim de mostrar o seu orgulho, paixão e amor pela nossa grande nação”, lê-se ainda.

Além de cantar a canção, as crianças vão bater palmas durante um minuto “para reconhecer, abraçar e prestar homenagem a todas as pessoas que ajudaram durante a crise pandémica de covid-19”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Astrónomo amador descobre mais uma lua de Júpiter

Kai Ly revisitou dados captados em 2003 pelo Telescópio Canadá-França-Havai (CFHT) e descobriu uma nova lua na órbita de Júpiter, que ganhou o nome provisório de EJc0061. Segundo a União Astronómica Internacional (IAU), Júpiter tem 79 …

Nova tecnologia microondas permite "ver" através das paredes

Investigadores do US National Institute of Standards and Technology (NIST), nos Estados Unidos, desenvolveram um novo sistema de radar que pode produzir imagens em tempo real de objetos que se encontram atrás de paredes ou …

Pizza para Itália e salmão para a Noruega. Emissora pede desculpa por imagens usadas nos Jogos Olímpicos

O canal de televisão sul-coreano MBC pediu desculpa publicamente após usar imagens para representar países durante a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Fotos de pizza para a comitiva italiana, de salmão para a …

"Quanto mais cedo, melhor". A dona da Marlboro apoia a proibição dos cigarros até 2030

O CEO da Philip Morris Internacional, dona da Marlboro, apoia a proibição da venda de cigarros, mas os activistas anti-tabaco já acusaram a empresa de hipocrisia por tentar comprar uma farmacêutica enquanto lucra com o …

Bezos e Branson não são astronautas, clarifica Administração da Aviação norte-americana

Dúvida instalou-se depois dos voos que levaram os dois bilionários ao espaço. Novas diretrizes da Administração Federal de Aviação vêm esclarecer.  Após os voos que os tornaram nos primeiros turistas espaciais, Jeff Bezos e Richard Branson …

Soldados afegãos buscam refúgio no Paquistão após perderem postos na fronteira

Quase meia centena de soldados afegãos buscaram asilo no Paquistão após perderem para os Talibãs o controle das posições militares na fronteira, informou o exército paquistanês esta segunda-feira. Centenas de soldados do exército afegão e oficiais …

Portugal ultrapassa Estados Unidos em população com vacinação completa

EUA vivem atualmente um planalto no seu processo de vacinação, com pouco mais de meio milhão de cidadãos a serem vacinados diariamente. Desaceleração no ritmo de inoculações é atribuída a motivações pessoais da população e …

Mulher que vestia camisola com capa do Charlie Hebdo ferida em Londres

Uma mulher que vestia uma camisola estampada com uma capa da revista satírica francesa Charlie Hebdo foi ferida levemente com arma branca no domingo em Hyde Park, em Londres, informou a polícia, que pediu colaboração …

Novo Banco. Comissão de inquérito aprova que resolução do BES foi "fraude política"

A comissão de inquérito ao Novo Banco aprovou uma proposta do PCP de alteração ao relatório referindo que a resolução do BES e a sua capitalização inicial, de 4.900 milhões de euros, foi "uma fraude …

BCP prevê saída de mais de 800 trabalhadores e admite despedimento coletivo

O presidente do BCP disse esta segunda-feira que deverão sair do banco mais de 800 trabalhadores, abaixo da meta inicial de 1.000, mas que depende dos funcionários que aceitarem rescindir e mantém a possibilidade de …