Criados 280 postos para vacinar 100 mil pessoas por dia

Carlos Ramirez / EPA

Duzentos e oitenta postos de vacinação rápida e de resposta reforçada estão a ser criados em todo o país para se conseguir vacinar 100 mil pessoas por dia, disse esta terça-feira à agência Lusa o coordenador da ‘task force’.

Segundo o vice-almirante Gouveia e Melo, está a ser criada “uma capacidade de organização e de administração de vacinas para uma quantidade muito grande de vacinas”. O objetivo é evitar ‘stocks’ e acelerar a proteção da população portuguesa.

Nesse sentido, estão neste momento a ser criados 119 postos de vacinação rápida e 161 postos de vacinação reforçada, o que está a ser feito com o Ministério da Saúde e com “o auxílio precioso” dos autarcas.

Estão também a ser adaptados os sistemas de informação com agendamento centralizado e opções complementares aos métodos de agendamento até agora praticados, como o auto-agendamento.

O coordenador da ‘task force’ responsável pelo plano de vacinação contra a covid-19 disse que o sistema está a ser preparado e está a ser testado, sendo que “muita da vacinação” já está a ser feita nesses centros de vacinação rápida, preparados para vacinar 600 pessoas ou mais por dia, e de vacinação reforçada para vacinar na ordem das 150 pessoas.

Estes últimos foram criados porque “há localidades que não necessitam de ter postos de vacinação massiva e rápida porque a população não é suficiente para esses postos”.

Mas, por outro lado, não se pretende criar uma distância grande entre essas populações e os postos de vacinação massiva e, por isso, foram criados estes centros intermédios para estarem “mais perto das populações”.

O coordenador da ‘task force’ lembrou que numa fase inicial o “principal desafio” foi a disponibilidade de vacinas e nesta o desafio será ter a capacidade para administrar os nove milhões de vacinas previstos para chegar a Portugal neste segundo trimestre.

“Esse desafio, se nós não o conseguirmos vencer pode constituir um estrangulamento. No entanto, nós estamos a preparar-nos para que isso não aconteça”, salientou. Apontou como exemplo desta estratégia de preparação a vacinação dos professores no fim-de-semana em que só no sábado foram vacinadas cerca de 120 mil pessoas.

“Nós temos que nos preparar para vacinar 100 mil pessoas por dia e é isso que está a acontecer”, vincou, adiantando que os constrangimentos que poderão existir como de recursos humanos “estão a ser todos resolvidos em tempo”.

Sublinhou ainda que é preciso ter a noção de que “o país não estava preparado para vacinar 10 milhões de pessoas, duas doses, em quatro meses”. “Havendo essa noção, o país está a preparar-se para fazer isso e a preparar-se conforme as vacinas chegam a território nacional e é isso que está a acontecer da forma mais natural possível”, vincou.

“É claro que eu, enquanto coordenador, e outros responsáveis pelo processo não podemos ficar despreocupados”, disse, elucidando: “Quando subimos um degrau numa escadaria que vai ser muito longa não podemos pensar que já chegamos ao topo da escadaria” que neste caso é ter vacinado toda a população portuguesa.

Questionado se há muito portugueses a recusar serem vacinados, afirmou que ainda não tem esse valor de “forma bem quantificada em termos estatísticos”, mas afirmou que em termos qualitativos não é isso que os centros de vacinação estão a reportar.

Mas, acrescentou, “em 10 milhões de portugueses que precisam ser vacinados, há pelo menos sete, oito milhões que querem ser. Os outros que não querem ser vacinados nesta fase, eventualmente, podem, entretanto, mudar de opinião”.

Segundo os últimos dados disponíveis, já foram administradas 2.586.728 doses de vacinas, das quais 652.874 foram segundas doses. A covid-19 já matou em Portugal 16.951 pessoas dos 831.645 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …

Caso Ihor. IGAI pede expulsão do ex-diretor de fronteiras do SEF

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) já entregou ao ministro Eduardo Cabrita o relatório final do processo disciplinar contra o inspetor coordenador do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) António Sérgio Henriques, que propõe a …

Chuvas torrenciais fazem mais de uma centena de mortos na Índia

Pelo menos 136 pessoas morreram na Índia, em consequência de chuvas torrenciais que assolaram o país e causaram fortes enchentes e deslizamentos de terra, enterrando casas e submergindo ruas. Numa altura em que as alterações climáticas …

China inaugurou o comboio mais rápido do mundo

O comboio-bala maglev, que pode atingir uma velocidade de 600 quilómetros por hora, fez a sua estreia em Qingdao, na China, esta semana. Tal como conta a cadeia televisiva CNN, este comboio-bala maglev foi desenvolvido pela …

Quatro portugueses detidos em Espanha por alegada violação de duas mulheres

A polícia espanhola anunciou, este sábado, ter detido quatro cidadãos portugueses por suposta violação múltipla e abusos sexuais a duas mulheres de 22 e 23 anos, numa pensão em Gijón, no norte do país. Segundo a …

Stonehenge pode perder estatuto de património mundial da UNESCO

Depois de Liverpool, também Stonehenge pode perder o estatuto de património mundial da UNESCO. O aviso surge após o secretário dos transportes, Grant Shapps, ter dado luz verde aos planos de construção de um túnel …

Mais 20 mortes e 3396 casos de covid-19. Não havia tantos óbitos desde março

Portugal registou, este sábado, mais 20 mortes e 3396 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3396 novos …

"Integral confiança". Chega segura militantes acusados de agredir homossexual

O Chega anunciou, esta sexta-feira, que mantém "integral confiança" nos candidatos e estruturas local e distrital de Viseu, referindo que só se pronunciará sobre alegadas agressões de motivação homofóbica naquela cidade depois de apurados os …

Há dezenas de autarcas envolvidos em processos sem fim à vista

Dezenas de autarcas foram neste mandato acusados por corrupção, negócios imobiliários duvidosos e abuso de poder, entre outros, em processos judiciais que se arrastam, na maioria, sem desfecho à vista a dois meses de novas …

Milhares de pessoas manifestam-se na Austrália contra o confinamento

Milhares de australianos manifestaram-se, este sábado, em várias cidades do país contra as restrições impostas pelo Governo para controlar o aumento de casos de covid-19. Em Sidney, cerca de mil manifestantes protestaram contra o confinamento decretado …