Criados 280 postos para vacinar 100 mil pessoas por dia

Carlos Ramirez / EPA

Duzentos e oitenta postos de vacinação rápida e de resposta reforçada estão a ser criados em todo o país para se conseguir vacinar 100 mil pessoas por dia, disse esta terça-feira à agência Lusa o coordenador da ‘task force’.

Segundo o vice-almirante Gouveia e Melo, está a ser criada “uma capacidade de organização e de administração de vacinas para uma quantidade muito grande de vacinas”. O objetivo é evitar ‘stocks’ e acelerar a proteção da população portuguesa.

Nesse sentido, estão neste momento a ser criados 119 postos de vacinação rápida e 161 postos de vacinação reforçada, o que está a ser feito com o Ministério da Saúde e com “o auxílio precioso” dos autarcas.

Estão também a ser adaptados os sistemas de informação com agendamento centralizado e opções complementares aos métodos de agendamento até agora praticados, como o auto-agendamento.

O coordenador da ‘task force’ responsável pelo plano de vacinação contra a covid-19 disse que o sistema está a ser preparado e está a ser testado, sendo que “muita da vacinação” já está a ser feita nesses centros de vacinação rápida, preparados para vacinar 600 pessoas ou mais por dia, e de vacinação reforçada para vacinar na ordem das 150 pessoas.

Estes últimos foram criados porque “há localidades que não necessitam de ter postos de vacinação massiva e rápida porque a população não é suficiente para esses postos”.

Mas, por outro lado, não se pretende criar uma distância grande entre essas populações e os postos de vacinação massiva e, por isso, foram criados estes centros intermédios para estarem “mais perto das populações”.

O coordenador da ‘task force’ lembrou que numa fase inicial o “principal desafio” foi a disponibilidade de vacinas e nesta o desafio será ter a capacidade para administrar os nove milhões de vacinas previstos para chegar a Portugal neste segundo trimestre.

“Esse desafio, se nós não o conseguirmos vencer pode constituir um estrangulamento. No entanto, nós estamos a preparar-nos para que isso não aconteça”, salientou. Apontou como exemplo desta estratégia de preparação a vacinação dos professores no fim-de-semana em que só no sábado foram vacinadas cerca de 120 mil pessoas.

“Nós temos que nos preparar para vacinar 100 mil pessoas por dia e é isso que está a acontecer”, vincou, adiantando que os constrangimentos que poderão existir como de recursos humanos “estão a ser todos resolvidos em tempo”.

Sublinhou ainda que é preciso ter a noção de que “o país não estava preparado para vacinar 10 milhões de pessoas, duas doses, em quatro meses”. “Havendo essa noção, o país está a preparar-se para fazer isso e a preparar-se conforme as vacinas chegam a território nacional e é isso que está a acontecer da forma mais natural possível”, vincou.

“É claro que eu, enquanto coordenador, e outros responsáveis pelo processo não podemos ficar despreocupados”, disse, elucidando: “Quando subimos um degrau numa escadaria que vai ser muito longa não podemos pensar que já chegamos ao topo da escadaria” que neste caso é ter vacinado toda a população portuguesa.

Questionado se há muito portugueses a recusar serem vacinados, afirmou que ainda não tem esse valor de “forma bem quantificada em termos estatísticos”, mas afirmou que em termos qualitativos não é isso que os centros de vacinação estão a reportar.

Mas, acrescentou, “em 10 milhões de portugueses que precisam ser vacinados, há pelo menos sete, oito milhões que querem ser. Os outros que não querem ser vacinados nesta fase, eventualmente, podem, entretanto, mudar de opinião”.

Segundo os últimos dados disponíveis, já foram administradas 2.586.728 doses de vacinas, das quais 652.874 foram segundas doses. A covid-19 já matou em Portugal 16.951 pessoas dos 831.645 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Gestão do Novo Banco vai receber bónus de 3,9 milhões em 2022

A equipa de administração do Novo Banco tem à sua espera um bónus de 3,9 milhões de euros no próximo ano. O banco registou prejuízos de 1.329 milhões de euros no ano passado. O Novo Banco …

Ainda não há planos para vacinar voluntários com AstraZeneca e Johnson & Johnson (nem dados sobre combinação de vacinas)

A vacinação de voluntários com menos de 60 ou 50 anos que aceitem receber as vacinas da AstraZeneca ou da Johnson & Johnson ainda não tem planos ou datas para arrancar. A Comissão de vacinação …

Celebrar ou cancelar Napoleão? 200.º aniversário da morte do imperador desperta debate em França

No 200.º aniversário da morte de Napoleão Bonaparte, o presidente francês Emmanuel Macron optou por fazer o que os seus antecessores evitaram. Ao escolher colocar uma coroa de flores esta quarta-feira no túmulo de Napoleão sob …

Costa começa a namorar a esquerda. Negociações do Orçamento arrancam em julho

O Governo está a preparar-se para arrancar com as reuniões preliminares de negociação do Orçamento do Estado para 2022. O Público avança, esta quinta-feira, que os encontros formais vão ser realizados com os partidos de esquerda …

O orgulho, os milhões da Champions e (talvez) um título estão em jogo neste Clássico

O FC Porto não desiste da corrida pelo título, mas o segundo lugar é a principal luta deste Clássico. A posição dá acesso direto à Liga dos Campeões. Benfica e FC Porto defrontam-se hoje na Luz, …

"Crise de saúde global". Biden apoia levantamento das patentes das vacinas (e UE segue o exemplo)

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, apoiou a proposta da Organização Mundial do Comércio (OMC) para renunciar às proteções de propriedade intelectual para as vacinas contra a covid-19. "Esta é uma crise de saúde global …

-

Confrontos entre polícia e adeptos em Alvalade. PSP avança com participação ao MP

A chegada da equipa do Sporting ao estádio de Alvalade ficou marcada por confrontos entre vários adeptos e a polícia. A PSP já anunciou que vai fazer uma participação ao Ministério Público. Depois da vitória por …

Centeno pressiona Costa: 6 mil milhões de medidas temporárias devem ser revertidos

Esta quinta-feira, o governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, avisou que "não podemos querer manter no futuro medidas que foram criadas para serem temporárias". As medidas cíclicas e temporárias adotadas no ano passado para responder …

Apoio ao aumento do salário mínimo "vale 84,5 euros por posto de trabalho"

O ministro da Economia explicou que o apoio ao aumento do salário mínimo, que só vai acontecer em 2021 e que custará cerca de 60 milhões de euros ao Estado, corresponde a 84,5 euros por …

Estádio Sp. Braga

Afinal, o Sporting de Braga é mais antigo do que se pensava

Uma investigação de dois sócios do Sporting de Braga descobriu documentos que os levam a concluir que o clube, a comemorar este ano o seu centenário, foi fundado em 1919 e não em 1921. A polémica …